A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O Problema Mente-corpo Prof. Luís Estevinha. René MagritteRené Magritte, O Falso espelho Le Perreux-sur-Marne, 1928. Local: MoMA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O Problema Mente-corpo Prof. Luís Estevinha. René MagritteRené Magritte, O Falso espelho Le Perreux-sur-Marne, 1928. Local: MoMA."— Transcrição da apresentação:

1 O Problema Mente-corpo Prof. Luís Estevinha

2 René MagritteRené Magritte, O Falso espelho Le Perreux-sur-Marne, Local: MoMA

3 Problema mente-corpo O que é a mente? O que é o corpo? O que é a consciência de si? O que é a consciência das coisas fora de si? Como se relaciona causalmente essa coisa chamada mente – o conjunto dos seus estados mentais: pensamentos, raciocínios, crenças, sentimentos, emoções, etc. – com as coisas fora dela? Estas são as questões nucleares do chamado problema mente- corpo

4 Problema mente-corpo (primórdios) Aristóteles, De Anima A substância (o que há) pode ser: material formal Substância material (o metal ouro) Substância formal (a configuração do anel de ouro)

5 Problema mente-corpo (primórdios) O estado da substância Potência Acto Potência: propriedade da substância – a capacidade, a disposição intrínseca que algo substancial X tem se tornar algo (por exemplo, os dois gâmetas, masculino e feminino, são seres humanos em potência) Acto: a realização de algo substancial X – a ocorrência de algo X se concretizar de uma determinada maneira

6 Problema mente-corpo (primórdios) A substância material per si está em estado de potência Só quando recebe uma formasubstância formalse actualiza Por exemplo, a substância material de um cavalo só se torna no cavalo quando a forma cavalo ocorre, se actualiza, nessa substância material Um indivíduo = substância material (potência) + substância formal (acto, atualização)

7 Problema mente-corpo As rochas e muitas outras substâncias materiais são corpos e têm uma forma Esses corpos estão actualizados, estão em acto Mas essa forma, esse acto, não lhes permite movimentarem-se por si próprios, ou ser autónomos, ou alimentar-se, ou crescer, ou reproduzir-se, muito menos pensar São entidades inanimadas! Porque a sua forma não lhes confere essas propriedades, principalmente a do movimento (kinesis) e do crescimento

8 Problema mente-corpo As plantas têm uma forma diferente, a sua substância material actualiza-se de maneira diferente (das rochas e outras coisas inanimadas) As plantas alimentam-se, crescem, reproduzem-se, etc. A sua forma é esta. São entidades que vivem (vida = bios). Viver é realizar (actualizar) pelo menos estas funções Têm vida mas não possuem a capacidade de se deslocar de A para B, ou vontade, ou percepção, ou intelecto, etc. São portanto vegetais. Têm apenas uma forma-vida vegetativa

9 Problema mente-corpo Os animais (cão, gato, barata, etc) têm também uma forma vegetativa, como as plantas, pois tal como elas alimentam-se, crescem, reproduzem-se, etc. Mas essas entidades não são seres meramente vegetativos, são seres animados porque a sua forma (a actualização da sua substância material) comporta mais funções além das vegetativas, notavelmente: movimento autónomo e auto-direcionado Percepção e intelecto passivo

10 Problema mente-corpo A forma (uma atualização da substância material em potência) de uma entidade viva, animado, é a disposição, a capacidade, para a concretização dessas funções: bios=vida=maneira de existir realizando as funções descritas A forma (eidos) de um ser vivo animado (um animal) é a sua actualização (enteléquia) via realização dessas funções A psiké (grego clássico), a anima (latim), ou a alma (português) é pois para Aristóteles a forma de um corpo que realiza essas funções

11 Problema mente-corpo Aristóteles, no De Anima, sustenta que o homem é um composto de substância material e substância formal A psiké do Homem é, primeiramente, as pelas mesmas funções que a forma dos animaispor isso o homem é, taxonomicamente, um animal (e não um vegetal). Corpo = substância material cuja forma origina uma determinada organização (organikon): órgãos que realizam funções, que por sua vez são a causa eficiente da VIDA! Bios, vida, como finalidade última (causa final) do orgânico, do funcional

12 Problema mente-corpo Substância formal no Homem psiké anima alma actualização de funções orgânicas Mas mais do que as funções dos animais, que vão quanto muito até ao intelecto passivo, as funções do homem estendem-se até a um intelecto activo O intelecto humano dobra-se e incide reflexivamente sobre si mesmo!

13 Problema mente-corpo Substância formal no Homem estende-se para lá da animalidade bruta! A psiké, a anima, a forma, a enteléquia do Homem comporta um intelecto agente (IA) Entre outras coisas, o IA comporta a capacidade de raciocinar dedutiva e indutivamente, e consciência de si Daí o homem ser um… ANIMAL RACIONAL! Algo que constituído por corpo e anima (corpo e alma) CORPO/MENTE

14 Problema mente-corpo Imagem:

15 Problema mente-corpo DESCARTES….


Carregar ppt "O Problema Mente-corpo Prof. Luís Estevinha. René MagritteRené Magritte, O Falso espelho Le Perreux-sur-Marne, 1928. Local: MoMA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google