A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Introdução ao conceito de ÉTICA 5/6/20141www.nilson.pro.br.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Introdução ao conceito de ÉTICA 5/6/20141www.nilson.pro.br."— Transcrição da apresentação:

1 Introdução ao conceito de ÉTICA 5/6/20141www.nilson.pro.br

2 Ética é um tema apenas da filosofia? ÉTICA CULTURA POLÍTICA ARTE EMPRESAS CIÊNCIA 5/6/20142www.nilson.pro.br

3 ÉTICA ÉTICA refere-se a situações coletivas, públicas e de convívio social. Situações que podem ser articulados na legislação para regra de uma sociedade e/ou para a conduta do Estado. Exemplo: os códigos de Ética. A palavra Ética vem do grego ethos = costumes, modo de ser, caráter. ÉTICA = COSTUMES, VALORES E PRINCÍPIOS 5/6/20143www.nilson.pro.br

4 Em última análise, a ética orienta a conduta individual frente a coletividade visando o bem-estar e satisfação social e não somente individual. 5/6/20144www.nilson.pro.br

5 O que é um problema Ético e um problema Moral? Um problema de cunho moral: é a poligamia, exposição do corpo, etc. Um problema de cunho ético: Ato prejudica a si ou alguém, a mentira, etc. 5/6/20145www.nilson.pro.br

6 Legal é todo o ato permitido por lei. Este pode mudar muito mais rápida e definitivamente. Ético é todo o ato orientado pelo sentimento de justiça. Este tem uma mudança muito mais lenta pois está presente na consciência das pessoas, na noção do que é certo e errado. Nem tudo que é ético é legal e nem tudo o que é legal é ético. O Legal e o Ético 5/6/20146www.nilson.pro.br

7 De acordo com Marilena Chauí, a conduta ética necessita de um sujeito consciente, ou seja, aquele que conhece a diferença entre bem e mal, certo e errado, permitido e proibido. Mas para isso ele deve preencher as seguintes condições: Ser consciente de si e dos outros; Ser dotado de vontade; Ser responsável; Ser livre. 5/6/20147www.nilson.pro.br

8 ser consciente de si e dos outros, isto é, ser capaz de reflexão e de reconhecer a existência dos outros como sujeitos éticos iguais a ele; 5/6/20148www.nilson.pro.br

9 ser dotado de vontade, isto é, de capacidade para controlar e orientar desejos, impulsos, tendências, sentimentos e de capacidade para deliberar e decidir entre várias alternativas possíveis; 5/6/20149www.nilson.pro.br

10 ser responsável, isto é, reconhecer-se como autor da ação, avaliar os efeitos e conseqüências dela sobre si e sobre os outros, assumi-la bem como às suas conseqüências, respondendo por elas; 5/6/201410www.nilson.pro.br

11 ser livre, isto é, ser capaz de não estar submetido a poderes externos que o forcem e o constranjam a sentir, a querer e a fazer alguma coisa. Liberdade para poder escolher conscientemente sem ser manipulado. 5/6/201411www.nilson.pro.br

12 Os Fins Justificam os Meios? 5/6/201412www.nilson.pro.br

13 O dinheiro, desde sua origem, é o equivalente universal de todas as mercadorias. O dinheiro é o substituto dos valores, ele em si não é um valor. Ele sempre remete a alguma coisa fora dele. Se usa ele se comprar as mercadorias. O problema está quando as pessoas começam trocar os seus valores por este pseudo-valor. (Exemplo: quando se diz que todos os indivíduos tem o seu preço); 5/6/201413www.nilson.pro.br

14 O Legal e o Ético Nem tudo o que a lei permite é ético e nem tudo o que é ético é legal. 5/6/201414www.nilson.pro.br

15 O dinheiro, da mesma forma que a lei, intermedia boa parte das relações humanas. 5/6/201415www.nilson.pro.br

16 Na sociedade tudo aquilo é repetido acaba se tornando normal. Muitas vezes sem a reflexão se é certo ou errado. A moral de um ato se dá pela generalização do seu uso. A aplicação da Ética pressupõe a aceitação das normas. Paz de espírito se dá quando aquilo que vc quer é o que deve e pode fazer. 5/6/201416www.nilson.pro.br

17 5/6/2014www.nilson.pro.br17


Carregar ppt "Introdução ao conceito de ÉTICA 5/6/20141www.nilson.pro.br."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google