A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

08/06/20141 (o ponto de vista de um peixe) Os segredos do ADN: viver e sobreviver na Antárctida.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "08/06/20141 (o ponto de vista de um peixe) Os segredos do ADN: viver e sobreviver na Antárctida."— Transcrição da apresentação:

1 08/06/20141 (o ponto de vista de um peixe) Os segredos do ADN: viver e sobreviver na Antárctida

2 08/06/20142 A.D.N. codifica as instruções para o desenvolvimento e funcionamento de um organismo. é uma molécula complexa presente no núcleo de todas as células dos seres vivos; é transmitido pelos nossos pais o que nos torna parecidos fisicamente; codifica as instruções para o desenvolvimento e funcionamento de um organismo.

3 08/06/20143 A.D.N. no ADN, a informação para o funcionamento do ser vivo encontra-se nos genes;

4 08/06/ indicação que um mecanismo da célula necessita de um gene especifico; - cópia do código presente no ADN para o gene alvo formando-se um intermediário - o ARN. - tradução do código genético para uma linguagem que a célula compreenda – as proteinas - integração da nova proteína no mecanismo onde é necessária. Para um gene funcionar é necessário: O ADN tem a mesma estrutura em todos os seres vivos, MAS os genes em funcionamento não.

5 08/06/20145 Os genes entram em funcionamento de várias formas: - activados constantemente quando envolvidos em processos fundamentais à vida; - activados ocasionalmente em situações pontuais (por exemplo, em caso de emergência);

6 08/06/ podem desaparecer completamente do ADN de uma espécie se a sua função deixar de ser necessária; - podem ser modificados, mantêm a função mas de uma forma mais eficaz; - podem surgir novos genes que providenciam a capacidade de sobrevivencia de uma espécie em condições únicas. Outras caracteristicas dos genes

7 08/06/20147 Antárctica O isolamento desta região levou a uma forte selecção natural que se traduz num ambiente rico em vida com espécies altamente adaptadas. Possui condições ambientais extremas o que poderia significar tratar-se de uma região sem condições para a vida; MAS

8 08/06/20148 A temperatura da água varia muito pouco e está constantemente próxima da congelação. Os organismos marinhos são muito especializados a sobreviver nestas condições. Alguns peixes não sobrevivem a temperaturas da água superiores a 2 – 3 ºC.

9 08/06/20149 Nestas condições tão limitantes, como é que a vida na Antárctica reage a alterações?

10 08/06/ Bacalhau da Antárctica Temperatura = 0 ºCTemperatura = 4,5 ºC

11 08/06/ (Temperatura = 0 ºC)(Temperatura = 4,5 ºC) Isolar o material genético Isolar os genes

12 08/06/ (Temperatura = 0 ºC)(Temperatura = 4,5 ºC) (Genes isolados) Comparação do material genético

13 08/06/ (Temperatura = 0 ºC)(Temperatura = 4,5 ºC) Genes diferentes

14 08/06/ Qual é a função dos genes diferentes? Protecção ? Resistência ? Activação/inactivação de processos metabólicos ?

15 08/06/ OBRIGADA!

16 08/06/ Tenta agora responder às seguintes questões: 1 - O que é o genoma? 2 - Como é que os genes se encontram no ADN? 3 - Como se dá a sua tradução desde o ADN até à forma final e quais os intermediários envolvidos? Actividade elaborada por: Eduarda Mazagão Guerreiro, em 2009 no âmbito do projecto NOTO em colaboração com o Programa Nova Geração de Cientistas Polares.


Carregar ppt "08/06/20141 (o ponto de vista de um peixe) Os segredos do ADN: viver e sobreviver na Antárctida."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google