A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Módulo D2 - Normas ISOAlice, Carla, Vera1 8º Capítulo da Norma ISO 9001:2000 MEDIÇÃO, ANÁLISE E MELHORIA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Módulo D2 - Normas ISOAlice, Carla, Vera1 8º Capítulo da Norma ISO 9001:2000 MEDIÇÃO, ANÁLISE E MELHORIA."— Transcrição da apresentação:

1 Módulo D2 - Normas ISOAlice, Carla, Vera1 8º Capítulo da Norma ISO 9001:2000 MEDIÇÃO, ANÁLISE E MELHORIA

2 Alice, Carla, Vera Generalidades Monitorização; Medição; Análise; Melhoria por parte da organização de modo a : Neste capítulo da norma ISO 9001:2000 pretende-se dar ênfase ao planeamento e implementação dos processos de:

3 Alice, Carla, Vera3 Demonstrar a conformidade do produto; Assegurar a conformidade do Sistema de gestão da qualidade; Melhorar continuamente a eficácia do SGQ 8.1- Generalidades O planeamento e implementação destes processos deverão ter em conta: Adequação dos métodos; Utilização de técnicas estatísticas apropriadas

4 Alice, Carla, Vera4 A monitorização e medição deverá ser efectuada a 4 níveis: satisfação do cliente; ao nível da organização (Auditoria interna); do processo; do produto 8.2-Monitorização e Medição

5 Alice, Carla, Vera Satisfação do Cliente Monitorizar a informação relativa à percepção do cliente quanto à organização ter ido ao encontro dos seus requisitos Normalmente são utilizadas 3 fontes de monitorização: Informação de retorno (anomalias, atrasos, devoluções); Visitas comerciais, visitas do cliente à organização; Tratamento das reclamações Pretende-se que a organização estabeleça procedimentos/métodos de seguir a percepção do seu desempenho junto dos clientes.

6 Alice, Carla, Vera6 Determinar se o sistema da qualidade está conforme as disposições planeadas Se está implementado e mantido com eficácia Auditoria Interna Este requisito obriga à existência de um procedimento documentado, onde estejam definidos: objectivos Esta sub cláusula da norma visa 2 grandes objectivos: As responsabilidades; Os requisitos para planear e conduzir auditorias; Os procedimentos para reportar resultados e manter registos

7 Alice, Carla, Vera Auditoria Interna AUDITORIA Ao planear-se um programa de auditorias deve-se ter em conta O estado e importância dos processos Importância das áreas auditadas Resultados das auditorias anteriores Os critérios e definir: O âmbito A frequência Os métodos Os auditores Cabe à gestão assegurar que são empreendidas sem demora as acções para eliminar as não conformidades detectadas e as suas causas

8 Alice, Carla, Vera8 Monitorização e medição: do processo – do produto Pretende demonstrar: a aptidão dos processos para atingir os resultados planeados e se o produto final foi ao encontro dos requisitos predefinidos para o mesmo. devem ser implementadas acções correctivas. Quando isto não ocorrer devem ser implementadas acções correctivas.

9 Alice, Carla, Vera Controlo do produto não conforme Este requisito obriga à existência de um procedimento documentado onde esteja definidas: As responsabilidades; As autoridades para o tratamento do produto não conforme Este requisito da norma pretende assegurar que o produto não conforme: Matéria prima; Subsistema; Produto acabado; Informações não seja utilizado ou entregue involuntariamente.

10 Alice, Carla, Vera Controlo do produto não conforme Quando na presença de um produto não conforme a organização deve: Empreender acções para eliminar a não conformidade detectada; Autorizar a sua utilização, liberação ou aceitação sobre permissão de uma autoridade relevante; Empreender acções que impeçam a utilização inicialmente pretendida. Quando corrigida reverificação Quando corrigida a não conformidade do produto, este deve ser sujeito a uma reverificação para demonstrar a conformidade com os requisitos.

11 Alice, Carla, Vera – Análise de Dados De modo a proporcionar a informação relativa : Satisfação do cliente; Conformidade com os requisitos do produto; Características dos processos e produtos; Oportunidades para acções preventivas; Fornecedores É necessário …

12 Alice, Carla, Vera – Análise de Dados DETERMINAR, RECOLHER e ANALISAR (resultantes da medição e monitorização, entre outros). DADOS APROPRIADOS O conjunto de dados e de informação muito importante gerados pelo SGQ devem devem ser utilizados para: Controlo; Gestão; Revisão dos procedimentos e das práticas adoptadas, para suportar a MELHORIA CONTÍNUA

13 Alice, Carla, Vera – Melhoria A organização deve melhorar continuamente a eficácia do SGQ através da política da qualidade; dos resultados das auditorias; da análise de dados; da revisão pela gestão e das acções correctivas e preventivas – Melhoria continua

14 Alice, Carla, Vera – Acções Correctivas e – Acções Preventivas acções correctivas As acções correctivas tem por fim eliminar a causa das não conformidade sendo adequadas aos efeitos das não conformidades encontradas. acções preventivas As acções preventivas visam eliminar as potenciais causas da não conformidade prevenindo a sua ocorrência adequadas aos efeitos dos potenciais problemas. As acções preventivas e correctivas devem ser devidamente documentadas

15 Alice, Carla, Vera15 Correctivas Rever as não conformidades; Determinar as causas das não conformidades; Determinar e implementar as acções necessárias; Registar os resultados das acções empreendidas; Rever as acções correctivas empreendidas Preventivas Determinar potenciais não conformidades e as suas causas; Estabelecer e implementar as acções correctivas; Registar os resultados das acções empreendidas; Rever as acções preventivas empreendidas Nesse procedimento documentado deve estar referido por exemplo:

16 Alice, Carla, Vera16 Realizado por: AliceCarlaVera


Carregar ppt "Módulo D2 - Normas ISOAlice, Carla, Vera1 8º Capítulo da Norma ISO 9001:2000 MEDIÇÃO, ANÁLISE E MELHORIA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google