A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A ciência, o progresso e seus limites: uma análise a partir do pensamento de Nietzsche Daniel Barreto de Aguiar – IFRS Victor Hausen– IFRS Raquel Camargo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A ciência, o progresso e seus limites: uma análise a partir do pensamento de Nietzsche Daniel Barreto de Aguiar – IFRS Victor Hausen– IFRS Raquel Camargo."— Transcrição da apresentação:

1 A ciência, o progresso e seus limites: uma análise a partir do pensamento de Nietzsche Daniel Barreto de Aguiar – IFRS Victor Hausen– IFRS Raquel Camargo Nunes – IFRS Prof. Onorato Jonas Fagherazzi – IFRS

2 Do custo social do progresso As ciências, impulsionadas pelo capitalismo, trouxeram o progresso e, com ele, um custo social. Ex: lixões, miséria, poluição, degradação ambiental. Assim, nos questionamos: o que é a ciência? Que ciência queremos? Qual é a definição de ciência para Nietzsche?

3 O Triunfo das Ciências Modernas 1 – Nascimento da Ciência (Renascimento) 2 – Expansão e evolução econômica do Renascimento 3 – A supervalorização da Ciência

4 O Triunfo das Ciências Modernas 4 – Ciência Capitalismo M. ambiente

5 Positivismo e o impulso do progresso A sacralização das ciências/progresso

6 Positivismo e o impulso do progresso 1 - Teológico ou Fictício 2 – Metafísico ou Abstrato 3 – Real ou Positivo

7 Positivismo e a sacralização do progresso\uso das ciências A ciência foi usada para manipular, além da natureza, as massas!

8 O custo social do progresso Destruição da camada de ozônio; Derretimento das calotas polares; Escassez de água potável; Formação de novas regiões desérticas; Poluição do ar e contaminação da água; O consumo passa a ser regulado pelas mídias; assim sendo, as próprias ciências passaram a questionar as ciências....

9 A crise das ciências nos século XIX - XX: Nietzsche em questão Por mais que as ciências tenham trazidos muitos avanços a idade moderna chegou a um momento que os próprios cientistas se deram conta de que ela não seria tão perfeita.

10 A crise das ciências nos século XIX e XX: Nietzsche em questão Exemplo 1, o da matemática, Geometria não euclidiana (Lobatchenski, Bolyai e Riemann)

11 A crise das ciências nos século XIX e XX: Nietzsche em questão Exemplo 2, A crise da física: A criação da física quântica e a teoria da relatividade (Heisenberg)

12 A crise das ciências nos século XIX e XX: Nietzsche em questão Exemplo 3, a crise da biologia moderna: A criação da teoria da evolução (Darwin)

13 A crise das ciências nos século XIX e XX: Nietzsche em questão Dizemos que a ciência explica mas na realidade ela apenas descreve. (Nietzsche) Hoje não possuímos ciência, senão enquanto nos decidir por aceitar. (Nietzsche)

14 A crise das ciências nos século XIX e XX: Nietzsche em questão O ser humano é agora mais malvado do que nunca... Porque que tem, necessita realmente ter uma ciência? (Nietzsche, A GAIA CIÊNCIA)

15 Como reflexão final: Há espaço para uma ciência e um progresso alegre? (Nietzsche)

16


Carregar ppt "A ciência, o progresso e seus limites: uma análise a partir do pensamento de Nietzsche Daniel Barreto de Aguiar – IFRS Victor Hausen– IFRS Raquel Camargo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google