A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MINISTÉRIO DA SAÚDE Direcção Nacional de assistÊncia Médica Melhoria da Qualidade dos CUIDADOS DE Saude Apresentador: Maputo, Julho 2008 5º conselho Hospitalar.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MINISTÉRIO DA SAÚDE Direcção Nacional de assistÊncia Médica Melhoria da Qualidade dos CUIDADOS DE Saude Apresentador: Maputo, Julho 2008 5º conselho Hospitalar."— Transcrição da apresentação:

1 MINISTÉRIO DA SAÚDE Direcção Nacional de assistÊncia Médica Melhoria da Qualidade dos CUIDADOS DE Saude Apresentador: Maputo, Julho º conselho Hospitalar

2 Melhoria da Qualidade (por desenvolver) Conceito Breve historial Componentes prioritarias Humanização dos cuidados de saúde Areas prioritarias: PCI Enfermaria modelo SMI

3 Humanização dos Cuidados de Saúde

4 Formato da apresentação 1.Introdução: – Conceito de Humanização – Por que Humanizar o Cuidado de Saúde 2.Plano de Acção para Humanização dos Cuidados de Saúde – Abordagem – Serviços prioritários – Objectivos – Principais Intervenções 3.Proximos passos

5 Conceito de Humanização A humanização consiste na busca da compreensão das pessoas e das suas neccessidades, aplicação dos princípios da ética, individualização da atenção ao utente, defesa e protecção da vida e do bem estar, garantia do direito à informação, à privacidade e a uma assistência de boa qualidade técnico-científica. A humanização consiste na busca da compreensão das pessoas e das suas neccessidades, aplicação dos princípios da ética, individualização da atenção ao utente, defesa e protecção da vida e do bem estar, garantia do direito à informação, à privacidade e a uma assistência de boa qualidade técnico-científica. Humanização, é algo que sente e se percebe quando esta presente ou ausente. Humanização, implica na melhoria das relações humanas nos serviços de saúde e no reconhecimento e respeito aos direitos fundamentais dos utentes e dos trabalhadores

6 Por que Humanizar o Cuidado de Saúde? – Falta de atenção e respeito no cuidado aos utentes com individuos – Longo tempo de espera – Cobranças ilícitas – Fraca capacidade dos profissionais de saúde para a compreensão das demandas e expectativas dos utentes – Novas tecnologias – Especialização do conhecimento -Doença é vista como objecto do saber cientifico desarticulada do homem – RH limitados – Deficiência de Recursos Materiais e Medicamentosos etc

7 Plano de Acção para Humanização dos Cuidados de Saúde e a Abordagem de Gestão e Reconhecimento dos Serviços com Base em Padrões de Desempenho´´ (GBPr) A abordagem GBPr será utilizada para a implementação da iniciativa de Humanização dos Cuidados de Saude. Vem sendo Desde 2004, o Ministério da Saude vem usando esta abordagem para a melhoria da qualidade dos serviços nas áreas de PCI SMI e Enfermarias Modelos Formação A abordagem GBPr será utilizada para a implementação da iniciativa de Humanização dos Cuidados de Saude. Vem sendo Desde 2004, o Ministério da Saude vem usando esta abordagem para a melhoria da qualidade dos serviços nas áreas de PCI SMI e Enfermarias Modelos Formação

8 Os quatros passos da Abordagem de GBPr para a implementação da Iniciativa de Humanização dos Cuidados de Saúde com base em padrões de desempenho

9 Instrumento de Medição do Desempenho (IMD) Área: Maternidade- Consulta pré-natal Padrões de desempenho Critérios de Verificação S, N ou NA Comentários CUIDADO PRÉ-NATAL - Instruções para o supervisor: Observe o atendimento de 1 mulher grávida que vem para a consulta pré-natal (CPN) usando os padrões de O trabalhador de saúde recebe e trata a mulher grávida de forma cordial e respeitosa Observe durante a CPN se o trabalhador de saúde: Usa o crachá de identificação Cumprimenta e apresenta-se de uma forma cordial Trata a mulher pelo nome Garante a privacidade e confidencialidade Usando uma linguagem que a mulher entende, fornece as informações e responde às perguntas cordialmente ___________

10 Serviços prioritários Serviços de urgência (Banco de Socorros e seus serviços auxiliares de urgência e maternidades) Serviços ambulatórios das diferentes áreas Serviços de internamento Em cada área de serviço serão incluídos os serviços de apoio vigentes como: Laboratório; Banco de sangue; Exames especializados Sistemas de informação, monitoria e avaliação; Sistemas de gestão de recursos humanos, físicos e materiais.

11 Objectivos Geral: Humanizar os Cuidados de Saúde no Serviço Nacional de Saúde em Moçambique Específicos: Criar e implementar instrumentos/estruturas para a implementação do plano de humanização Assegurar uma gestão humanizada das Instituições de Saúde Promover o atendimento humanizado aos utentes dos Serviços de Saúde Promover a humanização das condições de trabalho nos Serviços de Saúde Geral: Humanizar os Cuidados de Saúde no Serviço Nacional de Saúde em Moçambique Específicos: Criar e implementar instrumentos/estruturas para a implementação do plano de humanização Assegurar uma gestão humanizada das Instituições de Saúde Promover o atendimento humanizado aos utentes dos Serviços de Saúde Promover a humanização das condições de trabalho nos Serviços de Saúde

12 Principais Intervenções/objectivo especifico a. Elaborar e implementar o plano de acção, padrões e instrumentos de monitoria do processo de HCS b. Criar e operacionalizar os Comités de humanização a todos os níveis (nacional, prov., distrit. e US) c. Capacitar os profissionais integrantes das equipas implementadoras na abordagem GBPr d.Assegurar a avaliação e reconhecimento sistemático dos progressos 1.Criar e implementar instrumentos/estruturas para a implementação do plano de humanização

13 2.Assegurar uma gestão humanizada das Instituições de Saúde a.Promover a Cultura humanística na prestação de cuidados centrada no utente as necessidades do utente melhorados b.Melhorar a organização dos serviços de saúde apropriados as necessidades do utente melhorados c.Assegurar espaços físicos e equipamentos adequados aos serviços em prestação

14 3.Promover o atendimento humanizado aos utentes dos serviços de saúde a.Melhorar as condições de acesso e de prestação dos serviços, e de segurança aos utentes b.Melhorar as habilidades de interacção- comunicação profissional-utente

15 4.Promover a humanização das condições de trabalho nos serviços de saúde a.Melhorar comunicação e relacionamento entre profissionais b.Fortalecer as acções de valorização do trabalho e motivação do profissional c.Melhorar as competências técnico-profissionais na prestação de serviços d.Assegurar o envolvimento dos trabalhadores e comunidade na gestão e organização dos serviços

16 Fases de implementação A implementação tem uma abrangência Nacional e faseada: Primeira fase - Hospitais Centrais, Provinciais e Gerais de Maputo; Segunda fase - Hospitais Distritais e restantes gerais; Terceira fase - Hospitais rurais e Quarta fase - Centros de saúde com maternidade. Nota: unidades sanitárias não abrangidas numa determinada fase, poderão voluntariamente aderir à iniciativa e serão facultados os instrumentos. A evolução de uma fase para a outra será determinada por critérios a serem estabelecidos.

17 Proximos Passos Divulgar o plano de Humanização dos cuidados de Saúde e IMD (padrões gerais e especificos) Criar os comites Provinciais, distritais e hospitalares Realizar o Modulo I para a formação das equipas implementadoras Realizar a 1ª medição usando os IMDs, elaborar e implementar os planos de acção


Carregar ppt "MINISTÉRIO DA SAÚDE Direcção Nacional de assistÊncia Médica Melhoria da Qualidade dos CUIDADOS DE Saude Apresentador: Maputo, Julho 2008 5º conselho Hospitalar."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google