A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Serviços de Energia para Países em Desenvolvimento Poor people are energisable 1 st UTEN Workshop 2011: Social Entrepreneurship & Innovation 7 de Fevereiro.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Serviços de Energia para Países em Desenvolvimento Poor people are energisable 1 st UTEN Workshop 2011: Social Entrepreneurship & Innovation 7 de Fevereiro."— Transcrição da apresentação:

1 Serviços de Energia para Países em Desenvolvimento Poor people are energisable 1 st UTEN Workshop 2011: Social Entrepreneurship & Innovation 7 de Fevereiro de 2011

2 Agenda Perspectivas de futuro III Sobre a EDP I O projecto-piloto no Campo de Refugiados do ACNUR em Kakuma II 1

3 Brasil Espanha Portugal Renováveis A EDP é uma empresa de referência no mercado ibérico com forte presença no Brasil e investimentos consideráveis nos EUA E.U.A. Capacidade de geração 3,1 GW Energia gerada 5,1 GWh Europa Capacidade de geração 3,1 GW Energia gerada 4,6 GWh Capacidade de geração 1,7 GW Electricidade 5,1 GWh gerados 17,8 GWh distribuidos clientes Capacidade de geração 3,5 GW Electricidade 8,3 GWh gerados 6,8 GWh distribuidos clientes Gás 34,2 GWh distribuidos clientes Capacidade de geração 9,9 GW Electricidade 20,0 GWh gerados 35,5 GWh distribuidos 6,1 M clientes Gás 5,0 GWh distribuidos clientes Brasil Capacidade de geração 14 MW Energia gerada 24 GWh

4 Agenda Perspectivas de futuro III Sobre a EDP I O projecto-piloto no Campo de Refugiados do ACNUR em Kakuma II 3

5 4 O projeto-piloto de Kakuma é um investimento social inovador implementado pela EDP O ACNUR pediu uma doação para um programa de saúde e nutrição A EDP respondeu com um Investimento Social de Soluções Sustentáveis de Energia & Ambiente 2009 Feb On-field assessment 2009 Jun Proposta 2009 Sep Compromisso Clinton Global Initiative Gestor de Projecto On-field 2010 Oct Conclusão do projecto

6 51% Sudão e 36% Somália; 13% Etiópia, Ruanda, Burundi, Congo, Uganda, Eritreia e Namibia. População 6 Pré primárias, 12 Primárias 2 Secundárias Escolas 2 Hospitais e 1 Clínica para Refugiados e Turkanas Hospitais 8 furos para abastecimento Pontos de distribuição Abastecimento de água Armazéns, escritórios, alojamentos Outros edifícios 5 Existiam cerca de 50 mil refugiados em Kakuma em fevereiro de 2009, prevendo-se que dupliquem durante 2011

7 6 As necessidades energéticas das famílias e edifícios exigem uma elevada quantidade de combustíveis fósseis com impactos significativos na comunidade Electricidade para iluminação, abastecimento de água, refrigeração, TIC Gasóleo Querosene e parafina Calor para cozinhar Lenha e carvão Poluição ambiente, pouco confiável, custos Poluição do ar interior, custos Insegurança, baixa produtividade, desflorestação, custos Necessidades de energia Procura de combustíveis Impactos

8 Nível 3 Energia para necessidades das sociedades modernas Nível 2 Energia para gerar atividades económicas elementares Nível 1 Energia para necessidades básicas humanas 7 Source: International Energy Agency Solar energy for buildings Capacity building Efficient Lighting Solar lamps for students Solar street lighting Solar energy for cooking Solar water purification Solar energy for irrigation A EDP oferece Serviços de Energia que atendem necessidades humanas básicas e possibilita o uso produtivo de energia

9 8 A maioria dos utilizadores finais pagam os serviços fornecidos Utilizadores finais Prestador de Serviços (Parceiro Local) Integrador de Soluções (EDP) Micro- finança Financiamento e subsídios Prestação de serviços Vendas de serviços de consultoria e soluções Pagamento directo ou através de micro-finança Pagamentos Instalação Serviço pós-venda Arquitetura e definição do programa Construção de parcerias Fornecedor de soluções e consultoria Captação de recursos financeiros Medição de impactos Orçamento = 1,3 M

10 9 A capacitação local foi efetuada viabilizar a adoção e a sustentabilidade de longo prazo das soluções fornecidas Sustentabilidade Operação & Gestão Utilizadores Instalação, manutenção & reparação Conhecem o mercado local Viabilizam a sustentabilidade Parceiros Locais

11 10 O valor acrescentado dos Serviços da EDP baseia-se em 5 pilares, atendendo sobretudo as comunidades pobres das regiões off-grid EDP approach CONVENIÊNCIA Serviços integrados, incluindo financiamento SUSTENTABILIDADE Capacitação de Parceiros e Utilizadores DINAMIZAÇÃO DA ECONOMIA LOCAL Utilização de recursos locais, quando possível PROXIMIDADE Gestão de projeto feita localmente pela EDP COMPETITIVIDADE Preços abaixo dos encargos energéticos atuais dos beneficiários Fornece energia renovável e sustentável, a preços competitivos, reduzindo o consumo de combustível e as emissões de CO 2 Permite empregar melhor o tempo em atividades produtivas em vez da coleta de lenha Melhora a segurança de pessoas e bens, em particular mulheres e crianças Elimina a exposição ao fumo interior Aumenta a produtividade no período noturno Permite maior conforto individual e familiar Benefícios

12 NOTE: 100% EDP investment = 1,3M 11 Foram diversos os impactos do projecto Kakuma em 2010 Sociais Refugiados e host (~ 80 K) 11 edifícios institucionais 4500 estudantes em 15 escolas + famílias 31 postes com iluminação pública e familiar 3 poços com irrigação agro-florestal 100 trabalhadores qualificados treinados Económicos ~ l/ano Gasóleo poupado Ambientais ~ 640 t/ano CO2 evitado #1 Utilities

13 Agenda Perspectivas de futuro III Sobre a EDP I O projecto-piloto no Campo de Refugiados do ACNUR em Kakuma II 12

14 13 Após a conclusão do projecto-piloto em Kakuma, a EDP pretende contribuir para o acesso universal à energia Fonte: World Energy Outlook – IEA 2010* 3 MM pessoas utilizam lenha para cozinhar e aquecimento

15 A fase de replicação necessita de clientes institucionais, fundos e parcerias globais 14 Clientes institucionais Parcerias Globais (micro-finança e operacionais) Agências de desenvolvimento Fundos sociais internacionais

16

17 Caso de Estudo – Fornos Solares Energia renovável para cozinhar

18 Situação actual Zona semidesertíca – desflorestação Lenha provem de 11 áreas até 100/120 km do campo Lenha custa USD/ano ao ACNUR Em 2008 para refugiados foram distribuídas 5000 toneladas Ração de 8 kg/px.mês Riscos de violência e saúde Futuro da lenha - Uganda e Sul do Sudão Caso de Estudo – Fornos Solares

19 Teste anterior – fornos parabólicos Baixo preço com baixa eficiência Insucesso por razões técnicas Insucesso por fraca monitorização Modelo Tecnológico Passado Situação actual

20 1.Quebrar a série de más experiências e de preconceito sobre a cozinha solar 2.Testar um tipo novo de forno solar em Kakuma 3.Gerar interesse e procura por um forno solar deste tipo Objectivos do projecto

21 Modelo Tecnológico em teste Novos fornos – tipo-caixa Preço mais elevado (100) com elevada eficiência Altamente eficientes Elevada robustez Exemplo: Almoço solar

22 Fase actual NCCK com contrato com 10 restaurantes (vulneráveis) Empréstimo por 6 meses renovável Pertencem a NCCK que os monitoriza São distribuídos juntamente com Fireless cookers Modelo de negócio Perspectiva futura Venda com recurso microcrédito ou modelo mais barato não perdendo eficiência.

23 Formação : Solar Cookers International (Kenya) – parceiro local Distribuição em Agosto 2010 juntamente com fireless cooker Modelo de conhecimento Not Kakuma yet Treino em culinária solar

24 Monitorização e avaliação Registo do uso e poupanças por NCCK Uso de mealheiros Reuniões regulares entre beneficiários Avaliação de todo o programa por GVEP Modelo de conhecimento Not Kakuma yet Reparações e manutenção A elevada robustez dos actuais modelos e o facto de serem de peças complexas (em termos locais) leva a que a substituição total seja o único cenário actual.

25 Culturais da comida Síndrome do bom demais para usar Tamanho do tacho Saber a temperatura do forno Comida feita logo no início do dia (8am) Alfândega e transporte Competências (beneficiários não sabem ler nem escrever) Parceiro tem dificuldades em fazer relatórios … Desafios… (muitos!)

26 70% dos restaurantes usam o forno Poupanças médias de 11 Euros/mês Uso entre 10 a 15 vezes/mês 1800 pessoas sensibilizadas para o seu uso Resultados Preliminares

27 26 PERGUNTAS E DEBATE UNHCR/EDP Programme: Sustainable energy and environmental solutions for Kakuma


Carregar ppt "Serviços de Energia para Países em Desenvolvimento Poor people are energisable 1 st UTEN Workshop 2011: Social Entrepreneurship & Innovation 7 de Fevereiro."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google