A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

INSUFICIÊNCIA CARDÍACA. Diagnóstico Nutricional:  IMC: 66 = 21,8 Kg/m 2  3,02  TMB= 11,6 x P + 879  TMB= 11,6 x 66 + 879 = 1644,6  VET= 1644,6.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "INSUFICIÊNCIA CARDÍACA. Diagnóstico Nutricional:  IMC: 66 = 21,8 Kg/m 2  3,02  TMB= 11,6 x P + 879  TMB= 11,6 x 66 + 879 = 1644,6  VET= 1644,6."— Transcrição da apresentação:

1 INSUFICIÊNCIA CARDÍACA

2

3 Diagnóstico Nutricional:  IMC: 66 = 21,8 Kg/m 2  3,02  TMB= 11,6 x P  TMB= 11,6 x = 1644,6  VET= 1644,6 x 1,55 = 2549,13  2500 Kcal *Eutrófico, com insuficiência cardíaca

4 Fisiopatologia: É um dos principais problemas em saúde pública. A IC é uma síndrome de características malignas, com alta mortalidade nas formas avançadas. É vista como uma doença de progressão lenta, permanecendo compensada por muitos anos, tendo como principal causa a miocardiopatia isquêmica, seguidas pelas miocardiopatias idiopática e hipertensiva.

5  A síndrome da IC é conseqüência da incapacidade dos ventrículos em bombear quantidades adequadas de sangue para manter as necessidades periféricas do organismo.  Hoje a IC tem sido vista como uma doença da circulação, e não apenas do coração. É freqüentemente acompanhada por retenção liquida traduzida por sinais de congestão venocapilar pulmonar e/ou congestão venosa sistêmica.

6  Dispnéia, edema periférico e fadiga são manifestações mais freqüentes, porém podem ser de difícil interpretação, em particular em idosos, obesos, pneumopatas e mulheres. A Dispnéia progressiva aos esforços é um dos mais importantes sintomas dessa síndrome, podendo evoluir até para dispnéia em repouso e ortopnéia.

7 Características da dieta:  Normoglicidica  Normolipidica, normo ou hipoproteica.  Hipossódica.

8 Orientações Nutricionais ao Paciente: 1. Fazer uma alimentação balanceada com pães, cereais, raízes e tubérculo, hortaliças, fruta, leguminosas, carnes e ovos, produtos lácteos, óleos e gorduras e açúcares; 2. Dar preferência a frutas, verduras, legumes, grãos e cereais integrais; 3.Ficar atento ao modo de preparo dos alimentos para garantia de qualidade final, dando prioridade aos alimentos em sua forma natural, e à preparações assadas, cozidas em água ou vapor, e grelhadas;

9 4. Ler os rótulos dos alimentos industrializados para conhecer o valor nutritivo do alimento que será consumido. Evitar alimentos muito calóricos e ricos em gordura saturada ou sódio, que é utilizado como conservante e, por isso, está presente em grande parte dos alimentos industrializados; 5. Utilizar açúcares, doces, sal e alimentos ricos em sódio com moderação; Consumir apenas 10% de sua ingestão calórica total em forma de doces ou açúcar – de 150 a 200 kcal, evitar adicionar sal à mesa e alimentos industrializados ricos nesse nutriente;

10 6. Consumir alimentos com baixo teor de gordura. Preferir gorduras insaturadas (óleo vegetal), leite desnatado e carnes magras; 7. Praticar atividade física diariamente, pelo menos 30 minutos, e mudar hábitos rotineiros como preferir escadas à elevadores, por exemplo.

11 8.Fazer de 5 a 6 refeições diárias com pequenas porções. 9. Mastigar bem os alimentos. 10. Fazer as refeições com calma, em lugares tranqüilos.


Carregar ppt "INSUFICIÊNCIA CARDÍACA. Diagnóstico Nutricional:  IMC: 66 = 21,8 Kg/m 2  3,02  TMB= 11,6 x P + 879  TMB= 11,6 x 66 + 879 = 1644,6  VET= 1644,6."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google