A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

SUPERDOTAÇÃO/ALTAS HABILIDADES SUPERDOTAÇÃO/ALTAS HABILIDADES.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "SUPERDOTAÇÃO/ALTAS HABILIDADES SUPERDOTAÇÃO/ALTAS HABILIDADES."— Transcrição da apresentação:

1 SUPERDOTAÇÃO/ALTAS HABILIDADES SUPERDOTAÇÃO/ALTAS HABILIDADES

2 POR QUE ESSE ASSUNTO? Como nos casos de deficiência, a superdotação deve ser avaliada, pois possibilita:  oferecer ao indivíduo condições educacionais adequadas ao seu potencial;  os superdotados não podem ficar escondidos nas salas de aula comuns como se seus talentos fossem invisíveis;

3 POR QUE ESSE ASSUNTO?  fazer os encaminhamentos educacionais necessários;  denunciar as diferenças e as carências dos sistemas;

4 POR QUE ESSE ASSUNTO?  necessidades diferenciadas demandam atenção diferenciadas, e não discriminação e isolamento;  um olhar para as diferenças pode favorecer um ensino mais individualizado e combinar pessoas com habilidades diferentes de modo mais flexível, atendendo ao verdadeiro princípio de inclusão;

5 POR QUE ESSE ASSUNTO?  o aluno que apresenta talentos não vai “sozinho”, pensar dessa maneira configura preconceitos;  sem estímulo, ele pode desprezar seu potencial elevado e apresentar frustração e inadequação ao meio.

6 POR QUE ESSE ASSUNTO?

7 O que são Altas Habilidades? Notável desempenho e elevada potencialidade em qualquer dos seguintes aspectos isolados ou combinados:  capacidade intelectual geral;  aptidão acadêmica específica;  pensamento criativo ou produtivo;  capacidade de liderança;  talento especial para artes;  capacidade psicomotora. (Parâmetros Curriculares Nacionais – Adaptações Curriculares 1999)

8 O que são Altas Habilidades? Superdotado é o indivíduo que demonstra desempenho superior ao de seus pares em uma ou mais das seguintes áreas: habilidade acadêmica, motora ou artística, criatividade, liderança.

9 O que são Altas Habilidades? Altas Habilidades: Habilidades acima da média em um ou mais domínios: intelectual, das relações afetivas, esportivas e psicomotoras. (Ourofino e Guimarães, 2007)

10 O que são Altas Habilidades? O talentoso/portador de altas habilidades é aquele indivíduo que, quando comparado à população geral, apresenta uma habilidade significativamente superior em alguma área do conhecimento, podendo se destacar em uma ou várias áreas.

11 Um conceito em construção A definição de altas habilidades vem sofrendo mudanças sutis de terminologias. Está em construção, conforme eventos que são fruto de:  capacidades individuais;  necessidades individuais;  articulação de múltiplas habilidades;  vivências e experimentações;  avanços teóricos.

12 COMO IDENTIFICAR AS PESSOAS COM ALTAS HABILIDADES Altas Habilidades ou não dependem da compreensão de comportamentos, situados no contexto do qual provêm, e da análise cuidadosa e detalhada das configurações das capacidades que caracterizam cada pessoa.

13 COMO IDENTIFICAR AS PESSOAS COM ALTAS HABILIDADES Esses comportamentos podem ser avaliados em conjunto por meio de:  observação direta do comportamento;  avaliação do desempenho;  escalas de características;  questionários;  entrevistas, ou conversas com a própria pessoa, com a família, com os professores;  testes.

14 COMO IDENTIFICAR AS PESSOAS COM ALTAS HABILIDADES A identificação deve levar em conta mais de um desses componentes, ou todos eles. E precisa continuar ao longo de todo o programa educacional adotado.

15 QUAIS SÃO AS CARACTERÍSTICAS DE UMA PESSOA COM ALTAS HABILIDADES? Nos Parâmetros Curriculares Nacionais são apontadas as seguintes características:  Alto grau de curiosidade;  Boa memória;  Atenção concentrada;  Persistência;  Independência e autonomia;

16 QUAIS SÃO AS CARACTERÍSTICAS DE UMA PESSOA COM ALTAS HABILIDADES?  Interesse por áreas e tópicos diversos;  Facilidade de aprendizagem;  Criatividade e imaginação;  Iniciativa;  Liderança;

17 QUAIS SÃO AS CARACTERÍSTICAS DE UMA PESSOA COM ALTAS HABILIDADES?  Vocabulário avançado para a idade cronológica;  Riqueza de expressão verbal (elaboração e fluência de idéias);  Habilidade para considerar pontos de vista de outras pessoas;  Facilidade para interagir com crianças mais velhas ou adultos;  Habilidades para lidar com ideias abstratas;

18 QUAIS SÃO AS CARACTERÍSTICAS DE UMA PESSOA COM ALTAS HABILIDADES?  Habilidades para perceber discrepâncias entre ideias e pontos de vista;  Interesse por livros e outras fontes de conhecimento;  Alto nível de energia;  Preferência por situações/objetos novos;  Senso de humor;  Originalidade para resolver problemas

19 ALTERNATIVAS DE ATENDIMENTO É necessário se ater ao que é possível fazer em cada situação específica. Começar de onde é possível. • Enriquecimento Curricular/Projetos de Pesquisa desenvolvidos na sala de aula; • Programas e Projetos da SEE (Escola da Família, Escola de Tempo Integral, Cultura é Currículo, Acessa Escola, Sala de Leitura entre outros); • Parcerias com os recursos da comunidade disponíveis em cada região.

20 OBJETIVOS DAS PRÁTICAS EDUCACIONAIS Criar um ambiente de aprendizagem desafiador para este aluno ao: 1- Ajustar os níveis de aprendizagem requerida de acordo com as habilidades dos alunos; 2- Aumentar o número de experiências de ensino aprofundado; 3- Introduzir vários tipos de enriquecimento nas experiências curriculares regulares; 4- Engajar o aluno em atividades que despertam o seu interesse. Alunos superdotados e talentosos merecem ter acesso a práticas educacionais que atendam às suas necessidades e habilidades.

21 FICHA DE ITENS PARA OBSERVAÇÃO EM SALA DE AULA Data: ____/____/200__. Escola: ________________________________________________ Turma:_______ Professor:______________________________________________________________ ________________ Disciplina: _____________________________________________________________________ _________ Telefone:_____________________________ ______________________ Indique em cada item os dois alunos de sua turma, menino ou menina, que, na sua opinião, apresentam as seguintes características: 1. Os melhores da turma nas áreas de linguagem, comunicação e expressão: 2. Os melhores nas áreas de matemática e ciências: 3. Os melhores nas áreas de arte e educação artística: 4. Os melhores em atividades extracurriculares: 5. Mais verbais, falantes e conversadores: 6. Mais curiosos, interessados, perguntadores: 7. Mais participantes e presentes em tudo, dentro e fora da sala de aula: 8. Mais críticos com os outros e consigo próprios: 9. De Melhor memória, aprendem e fixam com facilidade: 10. Mais persistentes, compromissados, chegam ao fim do que fazem: 11. Mais independentes, que iniciam o próprio trabalho e fazem sozinhos: 12. Mais entediados, desinteressados, mas não necessariamente atrasados: 13. Mais originais e criativos:

22 FICHA DE ITENS PARA OBSERVAÇÃO EM SALA DE AULA 14. Mais sensíveis aos outros e bondosos para com os colegas: 15. Preocupados com o bem-estar dos outros: 16. Mais seguros e confiantes em si mesmos: 17. Mais ativos, perspicazes, observadores: 18. Mais capazes de pensar e tirar conclusões: 19. Mais simpáticos e queridos pelos colegas: 20. Mais solitários e ignorados: 21. Mais levados, engraçados, "arteiros": 22. Que você considera mais inteligentes: 23. Com melhor desempenho em esportes e exercícios físicos: 24. Que sobressaem em habilidades manuais e motoras: 25. Que produzem respostas inesperadas e pertinentes: 26. Capazes de liderar e passar energia própria para animar o grupo: 27. Existe em sua turma alguma criança com outros talentos especiais? Quais? Como manifestam seu talento estes dois últimos alunos? Comentários e observações que deseje fazer: (Adaptada por Susana G. P. Barrera Pérez (2003) da ficha utilizada pelo Centro de Desenvolvimento de Talentos (CEDET) de Lavras (MG) e extraída do livro “Desenvolver capacidades e talentos: um conceito de inclusão” (GUENTHER, 2000, p ).


Carregar ppt "SUPERDOTAÇÃO/ALTAS HABILIDADES SUPERDOTAÇÃO/ALTAS HABILIDADES."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google