A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Disciplina: Educação Ambiental. Ementa: Epistemologia da Educação Ambiental, seus antecedentes históricos e as relações do homem com a natureza. Educação.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Disciplina: Educação Ambiental. Ementa: Epistemologia da Educação Ambiental, seus antecedentes históricos e as relações do homem com a natureza. Educação."— Transcrição da apresentação:

1 Disciplina: Educação Ambiental

2 Ementa: Epistemologia da Educação Ambiental, seus antecedentes históricos e as relações do homem com a natureza. Educação Ambiental de forma holística e em âmbito interdisciplinar, enfocando o papel da educação para a construção de sociedades sustentáveis. Conceito de sustentabilidade e desenvolvimento de discussões em âmbitos sociais, econômicos e ambientais, visando a orientação dos recursos humanos para a pesquisa, aplicação e orientação para a elaboração e apresentação de Projetos em Educação Ambiental.

3 Objetivos: Propiciar ao acadêmico a integração de conhecimentos aptidões, valores, atitudes e ações para que possam atuar com responsabilidade em seu espaço de vivência. Apresentar os antecedentes históricos da Educação Ambiental. Analisar e criticar as práticas educativas, na dimensão ambiental, adotadas em escolas, empresas, associações de bairro e unidades de conservação. Desenvolver a capacidade de compreensão da temática ambiental de forma holística e no âmbito interdisciplinar, enfocando o papel da educação para a construção de sociedades sustentáveis.

4 EDUCAÇÃO AMBIENTAL: UM BREVE HISTÓRICO Dra. SUSANE CHANG

5 Qual o conceito de ambiente?!

6 AMBIENTE: CONCEITO “ É a totalidade do planeta e os elementos que o compõem: físicos, químicos e biológicos, tanto naturais quanto os artificiais, tanto os orgânicos quanto os inorgânicos, nos distintos níveis de sua evolução, até o homem e suas formas de organização na sociedade, onde a rede de inter-relações existentes entre estes elementos se encontra em estreita dependência e influência recíprocas”. Germano Seara Filho, 1987.

7 Qual seria o conceito de homem?!

8 HOMEM: CONCEITO É um dos elementos do ambiente, formado de partes: o biológico, o racional, o emocional, que estão em permanente integração e inter-relação entre si e com os outros elementos da natureza, nos diferentes níveis de sua evolução. Esta influência recíproca fez nascer o homem social, que ao incorporar todas estas dimensões alicerça a história da construção humana em estreita e contínua reciprocidade”. Ana Lúcia Carneiro Leão e Lúcia Maria Alves, 2003.

9 EDUCAÇÃO AMBIENTAL X GESTÃO AMBIENTAL

10 EDUCAÇÃO PARA VIVER A GESTÃO AMBIENTAL Educação ambiental: é um processo participativo, por meio do qual o indivíduo e a coletividade constroem valores sociais, adquirem conhecimentos, atitudes e competências voltadas para a conquista e manutenção do direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado. Gestão Ambiental: é um processo de mediação de interesses e conflitos entre atores sociais que agem sobre os meios físicos-natural e construído. Este processo de mediação define e redefine, continuamente, o modo como os diferentes atores sociais, através de suas práticas, alteram a qualidade do meio ambiente e também como se distribui na sociedade os custos e benefícios decorrentes da ação destes agentes.

11 Um pouco da história da Educação Ambiental (EA)...

12 Década de Livro “ Primavera Silenciosa” de Rachel Carson - alertava sobre os efeitos danosos de inúmeras ações humanas sobre o ambiente, como por exemplo o uso de pesticidas Nasce o Conselho para Educação Ambiental, no Reino Unido. - Neste mesmo ano, surge o Clube de Roma, para estudo e análise da situação dos recursos naturais do planeta, que em 1972, produz o relatório “Os Limites do Crescimento Econômico” que estudou ações para se obter no mundo um equilíbrio global como a redução do consumo tendo em vista determinadas prioridades sociais.

13 Década de “Manifesto para Sobrevivência” onde insistiam que um aumento indefinido de demanda não pode ser sustentado por recursos finitos Conferência Internacional sobre o Ambiente Humano - ONU/Estocolmo (Declaração sobre o Ambiente Humano ou Declaração de Estocolmo: “tanto as gerações presentes como as futuras, tenham reconhecidas como direito fundamental, a vida num ambiente sadio e não degradado”). - A ONU criou um organismo denominado Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente - PNUMA, sediado em Nairobi. - A Universidade Federal do Rio Grande do Sul criou o primeiro curso de pós-graduação em Ecologia do país.

14 Encontro Internacional em Educação Ambiental – UNESCO- onde criou o Programa Internacional de Educação Ambiental – PIEA. - Carta de Belgrado: Estabelece metas e princípios da Educação Ambiental Criação dos cursos de pós-graduação em Ecologia nas Universidades do Amazonas, Brasília, Campinas, São Carlos e o Instituto Nacional de Pesquisas Aéreas - INPA em São José dos Campos Conferência Intergovernamental sobre Educação Ambiental, Tibilisi, Geórgia (ex URSS) – UNESCO: Definiu-se os objetivos, as características da EA, assim como as estratégias pertinentes no plano nacional e internacional Realização do Seminário de Educação Ambiental para América Latina realizado pela UNESCO e PNUMA na Costa Rica.

15 Década de Parecer 819/85 do MEC reforça a necessidade da inclusão de conteúdos ecológicos ao longo do processo de formação do ensino de 1º e 2º graus Congresso Internacional sobre Educação e Formação Relativas ao Meio ambiente, Moscou, Rússia, promovido pela UNESCO Constituição da República Federativa do Brasil dedicou o Capítulo VI ao Meio Ambiente e no Art. 225, Inciso VI, determina ao “... Poder Público, promover a Educação Ambiental em todos os níveis de ensino...” 1989 Realização da 3º Conferência Internacional sobre Educação Ambiental para as Escolas de 2º Grau com o tema Tecnologia e Meio Ambiente, em Illinois/USA. - Declaração de Haia, preparatório da Rio-92 - aponta a importância da cooperação internacional nas questões ambientais.

16 Década de A Declaração Mundial sobre Educação para Todos: Satisfação das Necessidades Básicas de Aprendizagem, aprovada na Conferência Mundial sobre Educação para Todos, realizada Jontien, Tailândia. - ONU declara o ano 1990 como o Ano Internacional do Meio Ambiente Conferência da ONU sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, RIO Criação da Agenda Tratado de Educação Ambiental para Sociedades Sustentáveis Portaria 773/93 do MEC, institui em caráter permanente um Grupo de Trabalho para EA.

17 1995 Foi criada a Câmara Técnica temporária de Educação Ambiental no Conselho Nacional de Meio Ambiente - CONAMA, determinante para o fortalecimento da Educação Ambiental Conferência Internacional sobre Meio Ambiente e Sociedade: Educação e Consciência Pública para a Sustentabilidade – Thessaloniki, 1997 onde houve o reconhecimento que, passados cinco anos da Conferência Rio-92, o desenvolvimento da EA foi insuficiente Promulgada a Lei nº de 27 de abril de 1999 que institui a Política Nacional de Educação Ambiental. - Portaria 1648/99 do MEC cria o Grupo de Trabalho com representantes de todas as suas Secretarias par discutir a regulamentação da Lei nº 9795/99.

18 Lei nº 9795/99 – Política Nacional de Educação Ambiental

19 Art. 3.I “ Como parte do processo educativo mais amplo, TODOS têm direito à educação ambiental, incumbindo: ao poder público, nos termos dos artigos 205 e 225 da Constituição Federal, definir políticas públicas que incorporem a dimensão ambiental, promover a educação ambiental em todos os níveis de ensino e o engajamento da sociedade na conservação, recuperação e melhoria do ambiente”.

20 A Política Nacional de Educação Ambiental determina que compete: Às instituições educativas: promover a educação ambiental de maneira integrada aos programas educacionais que desenvolvem; Aos órgãos do SISNAMA: promover ações de educação ambiental integradas aos programas de conservação, recuperação e melhoria do meio ambiente; Aos meios de comunicação: disseminação de informações e práticas educativas sobre o meio ambiente; Às empresas : implementarem programas e atividades permanentes de educação ambiental.

21 Educação Ambiental na Empresa: um rápido olhar Sensibilização e capacitação para implementar uma política ambiental na empresa, que se tornará real através da adoção de um sistema de gestão ambiental; Identificação dos efeitos, aspectos e impactos ambientais gerados pelas atividades produtivas da empresa deve ser entendida por todos os funcionários e comunidade; Estímulo da participação de todos os setores na apresentação de soluções e propostas; Obtenção de certificação ambiental e sua manutenção, exigindo participação consciente dos funcionários, fornecedores, clientes e comunidade.

22 Qual a importância da Educação Ambiental?!

23 A atual geração tem assistido a um intenso progresso tecnológico, que provoca graves consequências para vida no planeta. A preocupação com a degradação e exaustão dos recursos naturais deixa de ser tema apenas de movimentos ambientalistas, e passa a ser prioridade social em defesa da vida; A Educação Ambiental vem somar esforços e ocupar espaço primordial na construção de um novo palco de vida como forma de expressão e mobilização, que levem criticamente à descoberta de novos valores, atitudes, gerando novos padrões éticos a serem construídos e vividos individual e coletivamente.

24 E AGUARDEM CENAS DO PRÓXIMO CAPÍTULO...!


Carregar ppt "Disciplina: Educação Ambiental. Ementa: Epistemologia da Educação Ambiental, seus antecedentes históricos e as relações do homem com a natureza. Educação."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google