A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Os pilares do conhecimento Ocidental Sócrates, Platão e Aristóteles.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Os pilares do conhecimento Ocidental Sócrates, Platão e Aristóteles."— Transcrição da apresentação:

1 Os pilares do conhecimento Ocidental Sócrates, Platão e Aristóteles

2 As 3 colunas do pensamento Ocidental sobre a verdade do mundo Educação: O espanto diante da realidade promove uma busca pelo significado das coisas que compõem a realidade.

3 Sócrates a.C - Método de aprendizagem: Dialética Debate lógico de oposição de pontos de vista. (diálogo socrático) - Maieutica: Busca da verdade pela verdade (parteira) Características: A) desconforto intelectual B) reconhecimento da ignorância C) abertura para a novidade

4 - Papel do professor: conduzir o aluno em processo de reflexão e descoberta dos próprios valores do que se aprende partir de perguntas simples as mais complexas; - As contradições auxiliam a redefinir valores * Pensar sobre si – e por si mesmo * Pensamentos oriundos dos valores e os pré- conceitos; - Sócrates aparece através de outros filósofo: Principal – Platão. Livro: “Apologia de Sócrates” – Platão * Julgamento de Sócrates * Discurso filosófico: a vida virtuosa (fazer o que é certo) * Condenação ao suicídio

5 Sobre o conhecimento - A sabedoria era limitada à sua própria ignorância. -A verdade, escondida em cada um de nós, só é visível aos olhos da razão (daí a célebre frase "Só sei que nada sei"!). -Ele acreditava que os erros são consequencia da ignorância humana. - A intenção de Sócrates era levar as pessoas a conhecerem seus desconhecimentos ("Conhece-te a ti mesmo"). -Através da problematização de conceitos conhecidos, daquilo que se conhece, percebe-se os dogmas e preconceitos existentes.

6 Frases de Sócrates “Somente sei que nada sei” “Conhece-te a ti mesmo e conhecerás o universo” “Uma vida sem desafios, não vale a pena ser vivida”

7 Platão a. C - Academia: Escola filosófica – Bosque dedicado a Deusa Athenas; - Discípulo de Sócrates - Finalidade da educação: a felicidade e a bondade, porém nem todos teriam acesso igual à razão; - Método filosófico básico: MITO DA CAVERNA (o mundo real é sombra do mundo perfeito)

8

9 - Ideia principal: existência de duas realidades a) Realidade Inteligível: Imutável e invisível; b) Realidade Sensível: Mutável e visível; - Teoria das formas: o homem conhece a partir do imperfeito o que é perfeito; - A educação: auxilia na aproximação do conhecimento pleno da realidade que só existe no mundo das ideias; * Inquietação intelectual: movimento do conhecimento para a aprendizagem; * Conhecer a essência das coisas: motivação para a educação do homem – para além do físico; * episthéme: caminho que leva ao conhecimento filosófico verdadeiro (reflexão e atitude) sobre qualquer conhecimento;

10 - Os 4 desdobramentos de conhecimento a) Conhecimento proveniente da imaginação b) Percepção do mundo externo; c) Conhecimento matemático; d) Conhecimento filosófico (verdades absolutas) Para Platão, somente os 2 últimos são verdadeiros; - Principal Livro: “A República” IV a.C

11 Frases de Platão “ Devemos aprender toda a vida, sem imaginar que a sabedoria vem com a velhice” “De todos os animais selvagens, o homem é o mais fácil de domar.” “ A educação deve propiciar ao corpo e a alma toda perfeição e beleza que tem.”

12 Aristóteles a.C - Liceu: Espaço de aprendizagem (jardim dedicado a Apolo). Privilegiava as ciências naturais. -Peripatéticos: Aqueles que passeiam - Discípulo de Platão – discorda radicalmente de seu mestre.

13 Pontos principais sobre a educação: 1. Educação para o caminho da vida pública - Educação como virtude: “meio-termo”; - Educação deve ter uma finalidade; - Educação passa da imperfeição (semente) para perfeição (maturidade); * Teoria da Potencialidade: A educação promove a passagem do ser humano de POTENCIA em ATO.

14 * Causas desta transformação (ato-potência): a) material: Aquilo do que é feito algo; b) eficiente: A origem do processo em que faz a existência; c) formal: objeto em si d) final: a finalidade do objeto 2. A aprendizagem para a virtude - A educação para a prática; - Os sentidos e as emoções nos movimentam no processo de conhecimento;

15 3. A busca de uma verdade científica - A construção lógica: busca determinar a verdade comum a toda realidade; - Duas organizações da realidade que organizam de maneira diferente a mesma: a) Essência: Algo sem o qual o objeto não pode ser;( Ex: livro) b)Acidente: Inerente ou não ao ser e que não descaracteriza pela sua falta (Ex: flor)

16 4. A imitação como início da aprendizagem; - Processo do conhecimento: Pessoa – mundo real - sentidos – inteligência – aprendizado – Pessoa – mundo real - O processo de conhecimento é retroalimentado pelo processo imaginativo (criativo) do ser humano

17 Frases de Aristóteles “O ignorante afirma, o sábio duvida e o sensato reflete.” A educação tem raízes amargas, mas os frutos doces.” “O ato de aprender é vida.”

18 Enfim, -Estudar os três filósofos: entender as finalidades do processo educativo; -O conhecimento da realidade passar a necessitar de um método para ser, não somente ensinado, mas também apreendido na realidade do homem; -O homem com ser racional: constrói a sua aprendizagem e domina a sua realidade, podendo transmití-la para suas novas gerações.

19 Atividades para sala de aula 1.Por que podemos dizer que o mito da caverna é uma metáfora a respeito do conhecimento humano? Explique a diferença de concepção de conhecimento entre Platão e Aristóteles. 2.Como era organizado o conhecimento no medieval? Explique as principais diferenças entre Agostinho de Hipona e Tomás de Aquino na questão do conhecimento. 3.Qual a importância da corrente dos pré- socráticos na elaboração de um conhecimento válido do mundo? E como podemos diferenciá- los do Sofistas?


Carregar ppt "Os pilares do conhecimento Ocidental Sócrates, Platão e Aristóteles."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google