A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

HISTÓRIA DA FILOSOFIA VI A FILOSOFIA NA IDADE MÉDIA: DE SANTO AGOSTINHO AO PENSAMENTO DE TOMÁS DE AQUINO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "HISTÓRIA DA FILOSOFIA VI A FILOSOFIA NA IDADE MÉDIA: DE SANTO AGOSTINHO AO PENSAMENTO DE TOMÁS DE AQUINO."— Transcrição da apresentação:

1 HISTÓRIA DA FILOSOFIA VI A FILOSOFIA NA IDADE MÉDIA: DE SANTO AGOSTINHO AO PENSAMENTO DE TOMÁS DE AQUINO

2 O CRISTIANISMO Movimento judaico Idéia força: Messias Aparecimento de Cristo: proposta inovadora entre judeus – negação do dente por dente e afirmação de um universalismo na fé. Difusão do cristianismo: Pedro e Paulo Espiritualidade expressiva: Crise do Império Romano.

3 BASES DO CRISTIANISMO Judaísmo (origem) Filosofia Grega (logos – sistematização das verdades reveladas) Direito Romano (Estado e direito universal) Documentos de fé: Antigo Testamento (tradição judaica) e Novo Testamento (escritos evangélicos)

4 PATRÍSTICA Expoente: Aurelius Agostinho ( ) Influência da filosofia laica de Platão Razão: auxiliar da fé e a esta subordinada Visão maniqueísta: Bem X Mal (Dualismo) Obra: A Cidade de Deus Cidade Celestial X Cidade Terrena Perfeição X Imperfeição

5 Sobre as Cidades A família terrena, que não vive da fé, busca a paz terrena nos bens e vantagens dessa vida temporal. Aquela, ao contrário, cuja vida está regulada pela fé, está à espera dos bens eternos prometidos para o futuro O domíno final caberia à Cidade de Deus, somente nela é possível a paz, o reino espiritual é permanente. Todos os reinos temporais pereceram, em que seu poder é de natureza instável e mutável…

6 PLATÃO APLICADO AO CRISTIANISMO Mundo sensível X Mundo inteligível Instabilidade X Estabilidade Mundo material X Mundo espiritual Mundo terreno X Deus e alma Deus cria as coisas a partir de modelos imutáveis, que são as Idéias Divinas. Todavia, essas Idéias não existem em um mundo à parte… mas na mente de Deus…

7 CONHECIMENTO PLATÔNICO Platão: o Homem é uma alma que habita um corpo. Santo Agostinho: afirma a transcendência da alma sobre o corpo. Platão: conhecimento no Mito da Caverna (luz – iluminação) Santo Agostinho: conhecimento como Revelação (luz divina)

8 CONHECIMENTO PLATÔNICO Conhecimento (Verdade) encontrado no imutável, no eterno, em Deus. Platão: teoria da reminiscência Santo Agostinho: adaptação por negar a reencarnação – provocação divina na alma. Platão profeta? Assim sendo, o justo será flagelado, torturado, amarrado; seus olhos serão queimados e por fim, depois de sofrer todos os males, será crucificado …) Górgias

9 ESCOLÁSTICA Doutrina da Escola: Baixa Idade Média Contexto: criação das Universidades Discussão: Busca dos Universais Caminhos: Racionalismo ou Empirismo Expoente: Santo Tomás de Aquino Influência da filosofia laica de Aristóteles Obra: Suma Teológica

10 Razão e Revelação Há distinção, mas não oposição, entre as verdades da razão e as da Revelação, pois a razão humana é uma expressão imperfeita da razão divina, estado-lhe subordinada. Por isso, o conteúdo das verdades reveladas pode estar acima da capacidade da razão natural, mas nunca pode ser contrário a ela. Resende

11 DEUS, HOMEM E CONHECIMENTO HOMEM: vértice da escala dos seres Composição: Corpo (matéria) e Alma (espírito) Não é uma inteligência pura como os anjos. Dois intelectos: - Passivo: recebe os dados dos sentidos. - Ativo: ordena e elabora conceitos abstratos universais.

12 DEUS, HOMEM E CONHECIMENTO Iluminação divina atinge o intelecto ativo Capacidade de transformar em ato o inteligível em estado de potência. Aristóteles: Ato (o que é); Potência (o ato latente) Deus é sempre Ato (imutável) Utilização dos mundos sublunar e supralunar de Aristóteles

13 AS PROVAS DA EXISTÊNCIA DE DEUS PELO PRIMEIRO MOTOR IMÓVEL (Sendo cada corpo movido por outro, é necessário existir um primeiro motor) PELA CAUSA EFICIENTE (Toda causa causada por uma outra leva à necessidade da existência de uma causa não causada) PELO SER NECESSÁRIO E PELO SER CONTINGENTE (o que é necessário existe sempre e o que é possível, porém, não necessário desaparece. Deus é necessário para as coisas possíveis)

14 AS PROVAS DA EXISTÊNCIA DE DEUS PELA FINALIDADE DO SER (Há uma ordem nas coisas, toda regularidade pressupõe um governo das coisas, de seus fins – governo de Deus) Trabalhos de lógica: As verdades da razão natural não contradizem as verdades da fé cristã Carta Contra os Gentios


Carregar ppt "HISTÓRIA DA FILOSOFIA VI A FILOSOFIA NA IDADE MÉDIA: DE SANTO AGOSTINHO AO PENSAMENTO DE TOMÁS DE AQUINO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google