A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

DISCIPLINA DE GINECOLOGIA DA FMABC Prof. Dr. César Eduardo Fernandes.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "DISCIPLINA DE GINECOLOGIA DA FMABC Prof. Dr. César Eduardo Fernandes."— Transcrição da apresentação:

1 DISCIPLINA DE GINECOLOGIA DA FMABC Prof. Dr. César Eduardo Fernandes

2 Marcel Amianti R1 Ricardo Coelho R2 Rafael Hime R3 Orientador: Dr Frederico Ghesel

3  Current Clinical Pharmacology 2013  Holanda  Fator de Impacto: ?  Referências: 220 ( )

4  Philipp Y. Maximov  Lombardi Comprehensive Cancer Center, Georgetown University Medical Center  4 publicações: SERMs, Câncer de mama  Sem conflitos de interesse

5  Moduladores seletivos do receptor de estrogênio  Ações diferentes dependendo do sítio  Estrogênico ou Antiestrogênico  Tamoxifeno/Raloxifeno

6  Prevenção do câncer de mama  Efeito negativo no endométrio, fogachos e tromboembolismo Ettinger B. JAMA. 1999;282: Vogel VG. JAMA. 2006;295:

7  Segunda geração de SERMs  Tratamento e prevenção da osteoporose  Redução do risco de câncer de mama em menopausadas de alto risco  Efeitos negativos: fogachos e tromboembolismo Siris ES. J Bone Miner Res. 2005;20:

8 SERMs IDEAL SEM EFEITOS NEGATIVOS EFEITOS POSITIVOS NOVOS SERMs

9

10  Estrutura similar ao tamoxifeno  Efeitos positivos  Tratamento de atrofia genital  Tratamento e prevenção de Osteoporose  Prevenção do Câncer de Mama  Efeitos colaterais  Cefaléia  Fogachos Jordan VC. Cancer Res. 1983;43:

11  Semelhante ao Raloxifeno  Efeitos positivos  Tratamento e prevenção da osteoporose  Atrofia vaginal  Tratamento e prevenção do Câncer de Mama  Melhora perfil lipidico  Efeitos negativos  Hipertrofia de endométrio  Sem estudos comparando TH, Raloxifeno e Lasofoxifeno Ke HZ. Endocrinology. 1998; 139:

12  Semelhante ao raloxifeno  Efeitos positivos  Prevenção e tratamento da Osteoporose  Prevenção do Câncer de Mama  Proteção do endométrio  Efeitos negativos  Fogachos  Tromboembolismo  Estudos associados a Estrogênios equinos conjugados Milller CP. J Med Chem. 2001,44: Komm BS. Endocrinology. 2005, 146:

13  Semelhante ao Raloxifeno  Efeitos positivos  Tratamento e prevenção do Câncer de Mama  Osteoporose (diminuição no risco de fratura)  Efeitos negativo  Aumento do risco de eventos tromboembolicos. Dodge JA. J Steroid Biochem Mol Biol. 1997; 61: Sato M. J Pharmacol Exp Ther. 1998, 287: 1-7

14  Artigo de revisão  Importância e história dos SERMS  Tamoxifeno e Raloxifeno  Novas medicações em estudo  Mostra resultados de estudos patrocinados pela industria farmacêutica

15  Journal of Clinical and Diagnostic Reseach 2013  India  Fator de Impacto: 0,14  Referências: 12 ( )

16  Dhananjay BS  Professor do Departamento de Ginecologia e Obstetrícia da Sri Siddhartha Medical College  Tumkur – India  1 referência

17  Avaliar ação do Ormeloxifene no sangramento uterino disfuncional

18  Contraceptivo não hormonal, não esteroide  Disponível na India desde 1990  Ação no sangramento uterino disfuncional, câncer de mama avançado, mastalgia e fibroadenoma  Administração 1x por semana  Índice de falha maior que Anticoncepcionais combinados (1-2%) Annu M. Fertility and Sterility. 2009;91 (6): Lal J. Contraception. 2010;81(4):

19  Estrogênico no osso  Antiestrogênico na mama e útero  Efeitos colaterais  Incontinência urinária  Prolapso uterino Kumar GR. 37 th Annual Conference of the Endocrine Society of India. 30 Nov-2Dec, 2007 Absctract p35 Manisha N. Life Science. 2008;82:577-90

20  35 pacientes multiparas  Queixas: sangramento, dor abdominal, ciclo menstrual irregular, leucorréia  Faixa etária: anos  Separados aleatoriamente  Avaliação : hemoglobina e espessura endometrial no inicio do tratamento e após 3 meses

21  Aumento dos níveis de hemoglobina  Diminuição na espessura do endométrio

22  Sangramento uterino disfuncional  Ovulatório  Controle com inibidor da sintese de prostaglandinas ou antifibrinoliticos  Não ovulatório  Extremos de idade  Exposição continua a estrogênio com ausência de progesterona  Controle hormonal (ACO, progestagênios, DIU com levonorgestrel) Porteous A. Acta Obstet Gynecol Scand. 2003,82(5):405-22

23  Menorragia  Descartar alterações anatomicas: miomas, pólipos  Níveis anormais de prostaglandinas ou alterações no sistema fibrinolitico  Tratamento  Medicamentoso: antiinflamatorios, antifibrinoliticos, Sistema Intrauterino de Levonogestrel  Cirurgico: histerectomia, ablação endometrial Oehler MK. Acta Obstet Gynecol Sacand. 2003,82(5):405-22

24  Amostra pequena  Não fez histeroscopia para descartar patologia endometrial  Pouco tempo de seguimento  Mulheres no Climatério, multíparas  Não comparou resultado com uso de outros tratamentos para Sangramento uterino disfuncional  Uso de nome comercial do medicamento.  Não fez comparação com placebo.


Carregar ppt "DISCIPLINA DE GINECOLOGIA DA FMABC Prof. Dr. César Eduardo Fernandes."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google