A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 Motivação para Inserção da Energia Solar São Paulo, 15/04/2013 Carlos Roberto Silvestrin SOL Maior fonte de energia da Terra.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 Motivação para Inserção da Energia Solar São Paulo, 15/04/2013 Carlos Roberto Silvestrin SOL Maior fonte de energia da Terra."— Transcrição da apresentação:

1 1 Motivação para Inserção da Energia Solar São Paulo, 15/04/2013 Carlos Roberto Silvestrin SOL Maior fonte de energia da Terra

2 SIN – Redução Gradativa “Regularização Hídrica” 2 Desafios da Oferta Futura  UHE “fio d’água” distante centro de carga  Linhas de transmissão de longa distância  Acentuada sazonalidade da oferta hídrica Desafio Planejamento SIN => Induzir Segurança Energética e Diversificar Fontes   Contratar “fontes complementares previsíveis” => térmicas a gás natural e biomassa  Contratar “geração distribuída” no centro de carga => leilões por “área geoelétrica”  Entrega da energia na rede básica => reduzir tempo e otimizar investimento transmissão Fonte: ONS 2012

3 Características das Hidrelétricas da Amazônia 3 Fonte: ONS 2012

4 Características da Energia Solar » SOL => » SOL => Principal fonte de energia da Terra » Inesgotável => » Inesgotável => Existe a 4,5 bilhões de anos. Está na metade do ciclo de vida » Disponível => » Disponível => Energia Solar é gratuita, renovável, limpa e não emite CO2 » Tecnologia => » Tecnologia => Com painéis fotovoltaicos (PV) é possível converter a energia solar em eletricidade, num processo simples e controlável 4 SOL Maior fonte de energia da Terra Energia Solar – Motivação e Oportunidade para o Brasil 1.A indústria solar se desenvolveu com a forte demanda europeia, mesmo com baixa irradiação. 2.Os asiáticos desenvolveram e “baratearam a tecnologia” e desenvolveram a cadeia produtiva. 3.Agora os investidores buscam negócios em países com irradiação solar e crescimento econômico sustentado

5 Desenvolvimento da Cadeia da Energia Solar 5 SOL Maior fonte de energia da Terra

6 Energia Solar: Fonte Renovável Complementar 6 » Competitividade => Oportunidade => é possível demonstrar que o preço da energia solar PV instalado pelo consumidor poderá ser menor do que o preço da energia elétrica com impostos fornecida por várias Concessionárias (REN ANEEL 481/2012) » Regulação GD => Disponível => assegura direito do consumidor optar por fonte energética de menor custo. Para motivar consumidores foi regulamentada a opção “net metering” (REN ANEEL 482/2012 e REN 597/2012). » Complementaridade => Sustentabilidade => a irradiação solar possibilita “aliviar a carga” do SIN, oferecendo segurança energética e operacional SOLAR

7 Brasil – Irradiação Solar Elevada 7 Fonte: Atlas Brasileiro Energia Solar Irradiação diária kWh/m²/ano Brasil: Brasil: pior índice 4,7 e melhor 7,8 Alemanha Alemanha: melhor índice é 3,7

8 Energia Solar: Vantagens & Desvantagens 8 » VANTAGENS  Sustentável, limpa, renovável e abundante  Geração no ponto de consumo e de fácil instalação e manuseio  Modular e tem mobilidade e de baixo custo de manutenção  Não produz resíduos, não emite CO2 e é silenciosa  Forte apelo ambiental, sustentabilidade, responsabilidade social  Marketing Institucional “aqui tem eletricidade solar”  Competitividade crescente no médio prazo com elevação do preço da energia elétrica dos novos investimentos de geração e transmissão  Tendência mundial de uso de tecnologias energeticamente sustentáveis » DESVANTAGENS  Produção variável durante o dia, não gera energia 24h  Dependência da irradiação e necessidade de conexão com rede elétrica  Rendimento energético baixo (de 15 a 20%)  MP 579 reduziu tarifas no curto prazo provocando menor competitividade

9 9 Energia Solar: Desenvolvimento Mercado no Brasil Fase Acadêmica Tecnologia off-grid 0-2 MWp/ano P&D Aneel Início do mercado Capacitação mão de obra Net Metering Solar Arenas 5+ MWp/ano 2013 Regulamentação Net Metering Operacionalização, Tributação, Marketing Registro de Projetos Financiamento limitado 15+ MWp/ano Novos modelos de negócios Conteúdo local crescente Fontes financiamento competitivas 30+ MWp/ano Negócios consolidados Setor normatizado e mercado competitivo Produção nacional Financiamento Consolidado MWp/ano

10 Oportunidades de Negócios – Parede e Teto Solar 10

11 Oportunidades de Negócios – Filme Fino 11

12 Aplicação Energia Solar - Aeroportos 12

13 Aplicação Energia Solar – Arenas Esportivas 13

14 Aplicação Energia Solar – Tetos Industriais 14

15 Solar Lake – Fonte Complementar Hidrelétricas 15

16 Fazenda Solar - Fotovoltaica 16

17 17 Medidas 1.Dar publicidade à resolução normativa ANEEL 482/ Dar publicidade à resolução normativa ANEEL 482/2012 (Prazo: 06/2013. Responsáveis: MDIC, ABDI e MME) 2.Dar publicidade aos produtos/instrumentos de crédito para aquisição e instalação de equipamento para uso em geração distribuída 2.Dar publicidade aos produtos/instrumentos de crédito para aquisição e instalação de equipamento para uso em geração distribuída (Prazo: 06/2013. Responsáveis: MDIC, ABDI e MME) 3.Incorporar a energia distribuída no escopo do cartão BNDES e do CONSTRUCARD 3.Incorporar a energia distribuída no escopo do cartão BNDES e do CONSTRUCARD (Medida implementada) 4.Financiar planos de negócios de empresas que prestem serviços de venda, aluguel ou leasing aos consumidores finais 4.Financiar planos de negócios de empresas que prestem serviços de venda, aluguel ou leasing aos consumidores finais (Prazo: 11/2013. Responsável: Finep) 5.Criar linhas de crédito do Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal para o financiamento de equipamentos e serviços em energia distribuída 5.Criar linhas de crédito do Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal para o financiamento de equipamentos e serviços em energia distribuída (Prazo: 11/2013. Responsáveis: MF e Bancos públicos) Programa Brasil Maior - Agenda Estratégica Setorial Ampliar o uso da mini e microgeração distribuída

18 18 Simulador Solar => Acesso Gratuito e Liberado ao Público => Simulador Solar => software desenvolvido pelo Instituto Ideal permite o cálculo da potência de um sistema fotovoltaico (FV) para atender a necessidade energética anual de uma residência, escritório ou indústria, com base na REN ANEEL n°482 de Acesso Gratuito e Liberado ao Público => link Simulador Solar – Instituto Ideal Início: ter em mãos a sua conta de luz mais recente. Passo 1: localização - Informe endereço onde seria instalado o sistema fotovoltaico. Passo 2: consumo – dados da conta de luz (distribuidora, ligação, consumo e valor em R$ Passo 3: Software indica histórico de consumo. Você poderá ajustar mês a mês Final: (ex) Consumo => Total (6,00 MWh), sendo consumo da rede (1,06 MWh) Geração fotovoltaica (4,94 MWh) Esse valor (geração FV) você deixará de consumir da rede, e equivale a R$ 1.778,36 de economia anual na sua conta de luz (net metering) O software indica ainda => dados do Sistema Fotovoltaico (FV) potencial Capacidade do seu sistema (Potência):3,9 kWp Área ocupada pelo seu sistema:de 26 a 33 m 2 Emissões de CO 2 evitadas1.441 kg/a* Considerando módulos de silício policristalino Relatório completo da simulação em pdf: consumo detalhado, dados da irradiação, fornecedores potenciais

19 19 Selo Solar – Importante Iniciativa do Instituto Ideal e da CCEE Contato inicial – Avaliação – Instituto Ideal faz análise, com apoio da CCEE Concessão do Selo Solar - Verificado o cumprimento das regras básicas o Instituto Ideal enviará o certificado de autorização de uso do Selo Solar ao solicitante. Divulgação – Após concessão o Instituto Ideal publicará no o nome do portador do Selo Solar Monitoramento anual - o portador deverá encaminhar ao Instituto Ideal um relatório com as peças publicitárias e ações de marketing nas quais tenha empregado o Selo Solar;

20 Agradecimento e Contato 20 COGEN – Associação da Indústria de Cogeração de Energia Carlos Roberto Silvestrin – Vice Presidente Executivo Rua Ferreira de Araújo, CJ 112 – Pinheiros - São Paulo/SP Tel.: “Eu colocaria todo meu dinheiro na ENERGIA SOLAR. Que fonte de energia! Espero não ser necessário aguardar que o petróleo e o carvão acabem para eu encarar isto” Thomas Edison, em conversa com Henry Ford e Harvey Firestone ”


Carregar ppt "1 Motivação para Inserção da Energia Solar São Paulo, 15/04/2013 Carlos Roberto Silvestrin SOL Maior fonte de energia da Terra."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google