A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

UNIJUÍ – Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul Tribos Urbanas – Movimentos de Contracultura e Subcultura Como Forma de Manifestação.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "UNIJUÍ – Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul Tribos Urbanas – Movimentos de Contracultura e Subcultura Como Forma de Manifestação."— Transcrição da apresentação:

1 UNIJUÍ – Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul Tribos Urbanas – Movimentos de Contracultura e Subcultura Como Forma de Manifestação Política Componente Curricular: Ciência Política e Teoria Do Estado Professor: Dejalma Cremonese Acadêmico: Diego Guilherme Rotta Santa Rosa, RS 26 de junho de 2008

2 Tribos Urbanas Termo genérico para Subcultura ou Contracultura Grupo onde os indivíduos partilham de mesmos interesses religiosos, estéticos, psicológicos, políticos, sociais, econômicos, descendências étnicas.... Todos os movimentos de contracultura são tribos urbanas, mas nem todas as tribos urbanas são movimentos de contracultura

3 Subcultura: grupo de indivíduos com características distintas de comportamentos e credos de uma sociedade mais ampla, da qual este não deixa de fazer parte. Exemplos: Góticos, Skinheads.

4 Contracultura – Grupo ou tribo urbana que possui ideologia oposta ou que critica a cultura Ocidental contradiscurso Oriente valorizado, como referência cultural Pilares da cultura Ocidental abalados: Cristianismo e culto à razão

5 Beats, ou beatniks, precursores e influenciadores do movimento de contracultura Geração Beat Jovens intelectuais Década de 50 E.U.A. Contestavam: Consumismo; Otimismo do pós-guerra americano; Anticomunismo generalizado; Falta de pensamento crítico.

6 Beats, ou beatniks, precursores e influenciadores do movimento de contracultura A geração beat( beat generation ) nasce com um movimento literário, encabeçado por autores como: Allen Ginsberg, William S. Burroughs,Jack Kerouac, Howl (1956). Naked Lunch (1959). On the road (1957).

7 A Contracultura nos Anos 60 Anos 60 Movimentos de grupos distintos, festivais de música e movimentos estudantis Os crescentes meios de comunicação de massa contribuem na disseminação de novas idéias Aproximação da juventude de maneira global Destaca-se na América-Latina, Europa, e sobretudo, nos E.U.A.

8 Hippies Paz e amor Principal e mais influente movimento de contracultura Vida comunitária ou estilo nômade Visual diferente, contra os padrões estéticos da época Começam a perder popularidade nos anos 70

9 Características: Prazer livre(sexual, intelectual) Comunidades anti-capitalistas(agricultura- subsistência, troca) Uso de drogas alucinógenas (maconha,LSD, cogumelos) Práticas religiosas e reflexivas inspiradas no Oriente, ou nativas norte-americanas Não-violência(críticas à Guerra do Vietnã) Não muito adeptos à tecnologia Anti-nacionalismo

10 Meios de propagação da cultura hippie: Festival de Woodstock Bethel-New York – agosto de 1969 Músicas – Predileção por músicas de Rock Psicodélico, blues...como Janes Joplin, Jimi Hendrix, The Doors, Pink Floyd, The Beatles(última fase)... No Brasil, temos Ventania,Raul Seixas, Os Mutantes Festival de música e artes The Beatles Janis Joplin Jimi Hendrix Pink Floyd Ventania

11 Movimentos políticos: Maio de 68 – Paris, França greves estudantis que passaram a uma greve geral Ideais anarquistas, comunistas e socialistas Eleições – continuidade da situação Supressão da revolução

12 Primavera de Praga – Tchecoslováquia 1968 Movimento do Partido Comunista Alexander Dubcek Desestalinizar o país, acabar com o autoritarismo e despotismo – Social Democracia Apoio de grande parte da população URSS, com medo de perder o apoio, lidera uma invasão à Praga População reage não ajudando a invasão, buscando desnortear o inimigo Dubcek, que foi capturado, é coagido a assinar um acordo de renúncia

13 Tropicalismo – Brasil – 1967/1968 Movimento artístico Música (bossa nova+rock+baião+jazz...) Artes plásticas Literatura Mudança da cultura brasileira Provocou uma revolução na sociedade brasileira, apresentou novas propostas políticas, criticando o regime existente, anexando coisas novas à cultura

14 Teve como principais figuras os artistas: Música: Artes Plásticas: Teatro: Gilberto GilCaetano Veloso Os Mutantes Hélio Oiticica José Celso Martinez Corrêa

15 O movimento libertário, apesar de questionado por muitos, influenciou o Brasil. Durou pouco mais que uma ano e acabou reprimido pelo governo militar Prisão de Caetano e Gil em dezembro de 1968

16 Punks Faça você mesmo O universo PUNK compreende uma conjunto de ideais presentes no comportamento, na moda, na música, no design, nas artes em geral. Busca pela simplicidade, objetos Toscos Subversão não-coerciva dos costumes do dia-a-dia

17 Origens: 1975 E.U.A. Inglaterra Sex Pistols Música, moda, costumes Resgate da cultura rocknroll, músicas simples, fáceis de tocar The Ramones Símbolos comunistas, nazi-fascistas Indumentária sado-masoquista Sarcasmo, deboche Críticas políticas, sociais, inclusive à Rainha

18 Os Anarcopunks O movimento punk subdivide-se em muitos outros. Um dos mais influentes é o anarcopunk. Consiste de bandas, grupos e indivíduos que promovem políticas anarquistas. Em geral são extremamente violentos e radicais Nem todos os punks partilham dos ideais anarquistas desse grupo

19 O movimento anarcopunk é extremamente repreendido e censurado No geral, seus participantes adotam vestimentas parecidas com as militares Um exemplo de banda anarcopunk é o The Crass

20 Trecho de música do The Crass Do they owe us a living? fuck the politically minded, here's something i want to say about the state of the nation, the way it treats us today At school they give you shit, drop you in the pit you try and try to get out, but you can't because they've you about Then you're the prime example of how they must not be this is just a sample of what they've done to you and me Chorus: do they owe us a living? of course they do! of course they do! do they owe us a living? of course they do! of course they do! do they owe us a living? OF COURSE THEY FUCKING DO!

21 Skinheads Grupo originário da classe operária britânica dos anos 60 Ideologias: neonazismo homofobia preconceito racial

22 No Brasil, os skinheads, ou popularmente, os carecas agem em gangues, grupos, sobretudo na cidade de São Paulo São inimigos declarados dos punks. Esta rivalidade já gerou inúmeros casos e crimes violentos, inclusive no Brasil.

23 Um caso desta violência ocorreu em 6 de Fevereiro de 2000, num confronto com a CUT onde um homossexual foi espancado até a morte pelos Carecas do ABC

24 Fontes pesquisadas ( acessado em 19 de junho de 2008); (acessado em 19 de junho de 2008); (acessado em 23 de junho de 2008) (acessado em 23 de junho de 2008)


Carregar ppt "UNIJUÍ – Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul Tribos Urbanas – Movimentos de Contracultura e Subcultura Como Forma de Manifestação."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google