A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul - UNIJUI DEJ – Departamento de Estudos jurídicos Ciência Política e Teoria do Estado Prof.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul - UNIJUI DEJ – Departamento de Estudos jurídicos Ciência Política e Teoria do Estado Prof."— Transcrição da apresentação:

1 Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul - UNIJUI DEJ – Departamento de Estudos jurídicos Ciência Política e Teoria do Estado Prof. Dejalma Cremonese Industria Cultural Roselaine Filipin

2 INDÚSTRIA CULTURAL INDÚSTRIA CULTURAL

3 É o nome genérico que se dá ao conjunto de empresas e instituições cuja principal atividade econômica é a produção de cultura, com fins lucrativos e mercantis. Wikipédia

4 Industria cultural é o nome dado a empresa e instituições que trabalham com a produção de projetos, canais,jornais,rádios,revistas, outras formas de descontração, baseada na cultura,visando o lucro. Brasilescola.com.br O nome dado a empresa e instituições que trabalham com a produção de projetos, canais de T.V, jornais,rádios,revistas, outras formas de descontração, baseada na cultura,visando o lucro. Brasilescola.com.br

5 A produção acontece através da TV, rádio, jornal, revista, cinema, teatro, entretenimento em geral

6 Elaborados de forma a aumentar o consumo, moldar hábitos, educar e informar.

7 A expressão surgiu através da escola de Frankfurt com a publicação de Theodor Adorno e Max Horkheimer no livro Dialektik der Aufklärung – 1947 (Dialética do Iluminismo)

8 As condições básicas para a criação e expansão 1- REVOLUCAO INDUSTRIAL 2- CAPITALISMO LIBERAL 3- ECONOMIA DE MERCADO 4- SOCIEDADE DE CONSUMO

9 A industrialização mudou o modo de produção e a forma do trabalho humano, com o uso crescente de máquinas e a submissão do ritmo de trabalho ao ritmo das máquinas.

10 A sociedade sofre uma mudança de valores, a avaliação gira em torno das coisas, o bem,o produto, tudo se transforma em coisa...

11 ...assim a cultura passa a ser produzida em série

12 Os meios de comunicação, lançam tendências de moda, padrão de vida, beleza, comportamentos e vontade de consumir cada vez mais...

13 O que consumir? O que assistir? O que ler? O que nos é oferecido? O que nós escolhemos?

14 ADORNO, afirma que a industria cultural é violenta a medida em que nega ao indivíduo a autonomia, sem que ele se de conta disso, pois o mesmo pensa que escolheu livremente consumir tal produto.

15 ADORNO E HORKHEIMER,caracterizam a industria cultural como uma cultura que degrada o homem, alienando-o, o homem não o sujeito mas o objeto...

16 ... não percebe também, que na relação de consumo não está presente o interesse da coletividade( telespectador, leitor) mas apenas o individual (os grupos produzem as mercadorias).

17 Em razão disso a grande maioria da população torna-se alienada, acomodada,com a falta de senso crítico. ADORNO E HORKHEIMER 1947.

18 Cabe a cada um o poder de escolha, de acordo com a formação, com a necessidade, com o comodismo, porque...

19 A indústria cultural tem pontos positivos...

20 velocidade e quantidade de informações disponíveis, que vistas sob um olhar critico, ajudam como base de informação.

21 Ou como meio de entretenimento.

22 Industria Cultural Rádio Televisão Informação entretenimento Internet Informação entretenimento Revistas Jornais Informação entretenimento Cinema Teatro Informação entretenimento

23 BIBLIOGRAFIA COELHO,Teixeira. O que é industria cultural.São Paulo: Brasiliense, ( coleção primeiros passos;8) Disponível em: Acesso em: 08. março.2008http://brasilescola.com/cultura Disponível em: Acesso em 09.março.2008http://FECAP.br/portal/arquivos/extensão - FERRAZ,Henrique. A Democracia para Marilena Chauí Disponível em: Acesso em 07.Março de TEZZARI. Neuza Santos dos. Industria Cultural Disponível em:http://unir.br/~primeira/index.html. Acesso em 08.março Disponível em: Acesso em 09http://FECAP.br/portal/arquivos/extensão Março GAGLIARDI,André (org.). Teoria da Comunicação.Reflexões Iniciais. A produção dos Alunos /1 Semestre Unijui.2006 ( coleção cadernos Unijui)


Carregar ppt "Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul - UNIJUI DEJ – Departamento de Estudos jurídicos Ciência Política e Teoria do Estado Prof."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google