A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Controladoria-Geral da União Controladoria-Geral da União - CGU Diretoria de Auditoria de Pessoal, Previdência e Trabalho - DP Uso da Matriz de Risco para.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Controladoria-Geral da União Controladoria-Geral da União - CGU Diretoria de Auditoria de Pessoal, Previdência e Trabalho - DP Uso da Matriz de Risco para."— Transcrição da apresentação:

1 Controladoria-Geral da União Controladoria-Geral da União - CGU Diretoria de Auditoria de Pessoal, Previdência e Trabalho - DP Uso da Matriz de Risco para Classificar as Entidades do Sistema S Uso da Matriz de Risco para Classificar as Entidades do Sistema S

2 Controladoria-Geral da União Matriz de Risco Classifica as Entidades do Sistema S Avaliação Anual da Gestão 172 unidades (SEST/SENAT, SESC, SENAC, SENAR, SESCOOP, SESI e SENAI)

3 Controladoria-Geral da União Matriz - Razões da Utilização Processo de Prestação de Contas ao TCU (Rol de Responsáveis, Relatório Gestão, Relatório de Avaliação da Gestão, Certificado, Parecer) Legislação do TCU DN 94/ entidades DN 101/ entidades

4 Controladoria-Geral da União Matriz - Razões da Utilização Acompanhamento Sistemático Monitoramento Apuração de Denúncias

5 Controladoria-Geral da União ACOMPANHAMENTO SISTEMÁTICO DE PROGRAMAS DE GOVERNO Assistência Odontológica SESI e SESC PROG.: Indústria Saudável AÇÃO: Assistência Odontológica PROG.: Assistência ao Trabalhador do Comércio em Saúde AÇÃO: Assistência Odontológica SESI SESC

6 Controladoria-Geral da União Matriz - Razões da Utilização Acompanhamento Sistemático Monitoramento (Acompanhamento Quadrimestral de todas as 172 entidades) Apuração de Denúncias

7 Controladoria-Geral da União Critérios e Pesos Definidos Materialidade - 1 Criticidade - 5 Relevância - 1 Faixa de Pesos - 0, 1 e 2

8 Controladoria-Geral da União Critérios Definidos Materialidade Receita Auferida no Exercício de 2009 menos que 50 mil - 0 entre 50 mil e 100 mil - 1 mais de 100 mil - 2

9 Controladoria-Geral da União Critérios Definidos Criticidade Prestou Contas nos exercícios de 2008 e 2009 se PC em 2008 e se PC em 2008 ou se NÃO PC em 2008 e

10 Controladoria-Geral da União Critérios Definidos Criticidade O mais recente julgamento das contas pelo do TCU se Regular - 0 se Regular com Ressalva - 1 se Irregular - 2

11 Controladoria-Geral da União Critérios Definidos Criticidade Classificação e Quantidade de Constatações em 2007, 2008 e 2009 se Formal - 0 se Média (com até cinco constatações) - 1 se Média (mais de cinco constatações) - 2 se Grave - 2

12 Controladoria-Geral da União Critérios Definidos Criticidade Existência de Denúncia Procedente em 2007, 2008 e 2009 se não procede - 0 se procede - 2

13 Controladoria-Geral da União Critérios Definidos Criticidade Hierarquização dos Programas Orçamentários em 2010 se 80% ou mais Essencial - 2 se 80% ou mais Relevante - 1 se 80% ou mais Coadjuvante - 0

14 Controladoria-Geral da União SESI - Portaria MDS nº 414, de 22/12/2009 DOU de 24/12/ Pg 252 Programas do SESI: Indústria Saudável, Desenvolvimento da gestão, Educação para a Nova Indústria, Interesse Institucional Total de 50 programas para todas entidades Critérios: Valor Orçamentário, Agenda Social, Jogos Olímpicos, Copa, Atividades de Risco, Controles Internos, Políticas de RH, Execução Descentralizada, Grandes Contratos Hierarquização dos Programas Orçamentários em 2010

15 Controladoria-Geral da União Critérios Definidos Relevância Trata-se de Departamento Nacional se sim - 2 se não - 0

16 Controladoria-Geral da União Critérios Definidos Matriz 40 primeiras colocadas

17 Controladoria-Geral da União Coordenação-Geral de Auditoria da Área de Serviços Sociais Telefones:


Carregar ppt "Controladoria-Geral da União Controladoria-Geral da União - CGU Diretoria de Auditoria de Pessoal, Previdência e Trabalho - DP Uso da Matriz de Risco para."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google