A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

“A participação no Prêmio Gestão Escolar 2009/2010 nos possibilitou enxergar os caminhos que poderíamos trilhar para ressignificar nossa prática e colhermos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "“A participação no Prêmio Gestão Escolar 2009/2010 nos possibilitou enxergar os caminhos que poderíamos trilhar para ressignificar nossa prática e colhermos."— Transcrição da apresentação:

1 “A participação no Prêmio Gestão Escolar 2009/2010 nos possibilitou enxergar os caminhos que poderíamos trilhar para ressignificar nossa prática e colhermos bons resultados, mediante organização, planejamento e registro das nossas ações, compreendemos aqui que não poderíamos ficar na prática pela prática, que muito embora seja importante, mas, que não poderia estar desarticulada das teorias para sua explicação e sustentação”. (EMEB Napoleão José da Costa/ Várzea Grande)

2 “...vários fatores contribuíram direta ou indiretamente para a conquista da classificação da Escola para o Prêmio Gestão Escolar, o qual serviu como termômetro para autoavaliação desta Unidade de Ensino. Assim, as falhas e equívocos apontados poderão ser corrigidos por toda equipe de profissionais, podendo alcançar resultados ainda melhores nos próximos anos”. (EE. Profª Alda Gawlinski Scopel/ Primavera do Leste)

3 PRÊMIO GESTÃO ESCOLAR

4 INSTRUMENTO DE MOBILIZAÇÃO E DE AUTOAVALIAÇÃO COLETIVA

5 Estimular o desenvolvimento da Gestão Democrática; Valorizar as escolas públicas de Educação Básica; Apoiar o desenvolvimento de uma cultura de autoavaliação da gestão escolar; Incentivar o processo de melhoria contínua na escola.

6 AUTOAVALIAÇÃO COLETIVA FERRAMENTA DE DIAGNÓSTICO DA REALIDADE DA ESCOLA

7 Instrumento de Autoavaliação DIMENSÕES GESTÃO DE RESULTADOS EDUCACIONAIS GESTÃO PARTICIPATIVA GESTÃO PEDAGÓGICA GESTÃO DE SERVIÇOS E RECURSOS

8 INSTRUMENTOS DE AUTOAVALIAÇÃO DAS ESCOLAS I Indicadores Nível de Atendimento InsuficienteRegularBom Ótimo Excelente Proposta curricular contextualizada A proposta curricular mostra-se atualizada para atender as necessidades dos alunos e da comunidade, em consonância com o projeto pedagógico, as Diretrizes e Orientações Curriculares Nacionais, Estaduais e Municipais bem como com os avanços científicos, tecnológicos e culturais da sociedade contemporânea? Articulação políticas públicas de educação e projeto pedagógico O projeto pedagógico promove a articulação entre as políticas públicas de educação e as práticas curriculares desenvolvidas na escola, evidenciando ações e resultados alcançados que contribuam para a continuidade das experiências relatadas? Planejamento da prática pedagógica As práticas de planejamento das aulas dos professores são realizadas de forma sistemática e coletiva, em consonância com a proposta curricular da escola, as necessidades individuais dos alunos, a legislação educacional e os diferentes espaços e tempos escolares? Monitoramento da aprendizagem A escola analisa os resultados de aprendizagem (avanços alcançados e dificuldades enfrentadas pelos alunos) e desenvolve ações pedagógicas visando à melhoria contínua do rendimento escolar? Inovação pedagógica A escola desenvolve práticas pedagógicas inovadoras para atender diferentes necessidades e ritmos de aprendizagem dos alunos, por meio de abordagens curriculares diversificadas, com a utilização adequada de recursos didáticos e tecnologias educacionais? Inclusão com equidade São realizadas práticas pedagógicas inclusivas que traduzam o respeito e o atendimento equitativo a todos os alunos – independentemente de origem sócio-econômica, gênero, etnia e necessidades especiais?

9 VANTAGENS DA AUTOAVALIAÇÃO Monitoramento constante e elevação nos índices de aproveitamento, aprovação, permanência e sucesso dos alunos; Inserção da escola na comunidade e vice- versa; Implementação de Práticas de gestão democrática na escola; Ampliação da capacidade de reflexão crítica sobre a prática da escola; sistematização e registro dos fatos e dados; Proposição clara de um plano de melhoria; Coerência e consistência das ações a serem implementadas; intercâmbio e troca de experiências.

10 DIAGNÓSTICO DAS ESCOLAS QUE REALIZARAM A AUTOAVALIAÇÃO POR QUÊ? DIAGNOSTICAR A SITUAÇÃO DOS PROCESSOS DE GESTÃO NAS ESCOLAS PARA QUÊ? ACOMPANHAR E ORIENTAR AS ESCOLAS POSSIBILITANDO A SEDUC PROPOR, DE FORMA INTEGRADA, ALTERNATIVAS DE MUDANÇAS. COMO? 1. LEVANTAMENTO DOS DADOS DO INSTRUMENTO DE AUTOAVALIAÇÃO; 2. SELEÇÃO DAS ESCOLAS COM NÍVEL DE ATENDIMENTO “ABAIXO DA MÉDIA”; 3. LEVANTAMENTO DO INDICADOR DE CADA DIMENSÃO, COM MAIOR INCIDÊNCIA (tabelas e gráficos) G. pedagógica – planejamento da prática pedagógica G. participativa – Avaliação participativa G. de Resultados Educacionais – Avaliação do projeto Político Pedagógico G. Serviços e Recursos - Interação Escola - Comunidade 5. PROPOSTAS DE AÇÕES SUPERADORAS

11 PROPOSTA PARA O PROCESSO DE AUTOAVALIAÇÃO 2011/2012 APRESENTAÇÃO PARA OS DOCENTES NA SEMANA PEDAGÓGICA; (fevereiro/2012) APRESENTAÇÃO PARA OS FUNCIONÁRIOS, PAIS E ALUNOS; (fevereiro/2012) APLICAÇÃO E SISTEMATIZAÇÃO DO INSTRUMENTO DE AUTOAVALIAÇÃO COLETIVA; (março/2012) CONSTRUÇÃO COLETIVA DO PLANO DE MELHORIA; (abril/2012) ELABORAÇÃO DO DOSSIÊ (maio e junho/2012 ).

12 Cátia Cristina de Figueiredo Telefone:


Carregar ppt "“A participação no Prêmio Gestão Escolar 2009/2010 nos possibilitou enxergar os caminhos que poderíamos trilhar para ressignificar nossa prática e colhermos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google