A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Prof.João Galdino. Conceito: As úlceras de decúbito (úlceras de pressão, úlceras cutâneas) são lesões cutâneas decorrentes de uma insuficiência do fluxo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Prof.João Galdino. Conceito: As úlceras de decúbito (úlceras de pressão, úlceras cutâneas) são lesões cutâneas decorrentes de uma insuficiência do fluxo."— Transcrição da apresentação:

1 Prof.João Galdino

2 Conceito: As úlceras de decúbito (úlceras de pressão, úlceras cutâneas) são lesões cutâneas decorrentes de uma insuficiência do fluxo sanguíneo e da irritação da pele localizada sobre uma proeminência óssea, nas zonas onde ao tecido tegumentar é mais pressionado

3 Pontos de Incidência:

4 Etiologia: -A pele possui um suprimento sanguíneo abundante que fornece oxigênio a todas as suas camadas. -Quando este suprimento sanguíneo é interrompido por mais de 2 ou 3 horas, a pele entra em processo de necrose(morte), começando por sua camada mais externa (a epiderme). - Uma causa comum de redução do fluxo sanguíneo para a pele é a pressão. - Os indivíduos que não podem se mover apresentam um risco maior de apresentar úlceras de decúbito.

5 - Pré dispõe indivíduos com paralisia, muito fracos ou submetidos a alguma forma de contenção. -Também apresentam risco os indivíduos incapazes de sentir desconforto ou dor, sinais que normalmente motivam os indivíduos a se moverem. As lesões nervosas (devidas a uma lesão, a um acidente vascular cerebral, ao diabetes ou a outras causas) diminuem a capacidade de sentir dor. -O coma também pode diminuir essa capacidade de percepção. - Os indivíduos desnutridos não possuem a camada protetora de gordura e a sua pele não cicatriza adequadamente porque não possui os nutrientes essenciais. Esses indivíduos também apresentam um maior risco de ú lceras de decúbito.

6 - Quando a pressão interrompe o fluxo sanguíneo, a área deste sistema privada de oxigênio inicialmente torna- se vermelha e inflamada e, a seguir, ulcera. Mesmo quando o fluxo sanguíneo encontra-se apenas parcialmente interrompido, a fricção e outros tipos de lesão da camada externa da pele podem causar a formação de úlceras. As vestimentas inadequadas, as roupas de cama enrugadas ou o atrito dos calçados contra a pele podem contribuir para a lesão cutânea. A exposição prolongada à umidade (frequentemente transpiração, urina ou fezes) pode lesar a superfície cutânea e possibilitar a formação de úlceras de decúbito.

7 Quadro clinico: -dor e prurido.. -estágio 1, ainda não existe a formação de uma úlcera, a pele íntegra apresenta apenas hiperemia. -No estágio 2, a pele encontra-se hiperemiada e inflamada (freqüentemente com bolhas) e as camadas superiores da pele começam a necrosar. -No estágio 3, ocorre a formação da úlcera com exposição das camadas mais profundas da pele. - No estágio 4, a úlcera aprofunda e através da pele e da camada de gordura, atingindo o tecido muscular. -No estágio 5, o tecido muscular em si é destruído. -No estágio 6, o estágio mais profundo de uma úlcera de decúbito, ocorre a exposição óssea, com o osso apresentando lesões e, algumas vezes, infecção. -Uma vez ocorrida a ruptura da pele, a infecção torna-se um problema.

8

9 Prevenção / Profilaxia - Uma inspeção meticulosa diária da pele de um indivíduo restrito ao leito pode detectar precocemente a hiperemia. - Qualquer sinal de hiperemia indica a necessidade de uma ação imediata para se evitar que ocorra a ruptura da pele. - As proeminências ósseas podem ser protegidas com materiais macios - As camas, as cadeiras e as cadeiras de rodas podem ser acolchoadas para reduzir a pressão. - Os indivíduos que não conseguem se mover devem ser mudados de posição frequentemente.

10 - A recomendação usual é a mudança de posição a cada 2 horas e a manutenção da pele limpa e seca. -Frequente troca em pacientes que fazem uso de fraldas -Os indivíduos que passam muito tempo ao leito podem utilizar colchões especiais (colchões de água ou de ar). -Para os indivíduos que já apresentam úlceras de decúbito em vários locais do corpo, os colchões de ar ou os colchões de espuma do tipo caixa de ovos podem diminuir a pressão e prover um maior alívio.

11 Tratamentos: * Clinico / Medicamentoso -O tratamento de uma úlcera de decúbito é muito mais difícil que a sua prevenção. -Felizmente, nos estágios iniciais, as úlceras de decúbito geralmente cicatrizam por si após a pressão ser removida.. Quando a pele se rompe, a proteção da mesma com um curativo de gaze pode ajudar na cicatrização. A gaze revestida de Teflon ou impregnada de vaselina apresenta a vantagem de não grudar na lesão em processo de cicatrização.

12 -Para as úlceras mais profundas, curativos especiais contendo um material gelatinoso podem favorecer o crescimento de pele nova. Quando a úlcera parece estar infectada ou é exsudativa, a lavagem delicada com sabão No entanto, uma lavagem muito enérgica retarda a cicatrização. Algumas vezes, o médico precisa remover (debridar) o material morto com o auxílio de um bisturi. Alternativamente, podem ser utilizados agentes químicos, mas o resultado produzido por eles geralmente não é tão bom quanto o do debridamento com bisturi.

13 - As úlceras de decúbito profundas são de difícil tratamento. Algumas vezes, elas exigem o transplante de pele saudável para a zona lesada. - Infelizmente, esse tipo de cirurgia nem sempre é possível, sobretudo nos indivíduos idosos, frágeis e desnutridos. - Frequentemente, quando ocorrem infecções mais profundas em uma úlcera, antibióticos são administrados. - Quando os ossos localizados abaixo de uma úlcera são infectados, a osteomielite (infecção óssea) é extremamente difícil de ser curada e pode disseminar-se através da corrente sanguínea, exigindo muitas semanas de tratamento com um antibiótico.

14 Tratamento Fisioterápico: -Orientações -Corrente direta de baixa intensidade - Alta voltagem de corrente pulsátil -Corrente de alta Intendidade -Energia eletromagnética pulsátil -Produzem vários efeitos sobre o processo de cicatrização, entre outros,apresentam significativa ação bactericida


Carregar ppt "Prof.João Galdino. Conceito: As úlceras de decúbito (úlceras de pressão, úlceras cutâneas) são lesões cutâneas decorrentes de uma insuficiência do fluxo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google