A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Avaliação dos efeitos genotóxicos da exposição ocupacional a pesticidas sobre agentes sanitários da Fundação Nacional de Saúde do Estado de Minas Gerais.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Avaliação dos efeitos genotóxicos da exposição ocupacional a pesticidas sobre agentes sanitários da Fundação Nacional de Saúde do Estado de Minas Gerais."— Transcrição da apresentação:

1 Avaliação dos efeitos genotóxicos da exposição ocupacional a pesticidas sobre agentes sanitários da Fundação Nacional de Saúde do Estado de Minas Gerais Fernanda de Souza Gomes Kehdy Orientadora: Profª Maria Cristina Lima de Castro Co-orientadora: Profª Cleusa Graça da Fonseca

2 Introdução Introdução Pesticidas Pesticidas Seletividade dos pesticidas Seletividade dos pesticidas Risco tóxico para humanos

3 Introdução Introdução Tipos de intoxicações: Tipos de intoxicações: - Aguda - Sub-crônica - Crônica

4 Introdução Introdução Potencial genotóxico CARCINOGÊNESE Biomonitoramento genotoxicológico

5 Introdução Introdução Biomarcadores: Biomarcadores: - análise de aberrações cromossômicas; - análise de aberrações cromossômicas; - análise de troca entre cromátides irmãs; - análise de troca entre cromátides irmãs; - frequência de micronúcleos; - frequência de micronúcleos;

6 Introdução Introdução Micronúcleos: Micronúcleos: Efeito aneugênico Efeito aneugênico

7 Introdução Introdução Micronúcleos: Micronúcleos: Efeito clastogênico Efeito clastogênico

8 Introdução Introdução Micronúcleos agentes clastogênicos agentes aneugênicos - Teste de genotoxicidade in vitro; - Biomarcador p/ efeito de exposição a genotóxicos; (Norppa et al.,2003)

9 Introdução Introdução Vantagens do teste do micronúcleo: Vantagens do teste do micronúcleo: - Mais simples; - Mais simples; - Treinamentos mais curtos; - Treinamentos mais curtos; - Mais rápido; - Mais rápido; - Requer menos custo; - Requer menos custo; - Maior poder estatístico; - Maior poder estatístico;

10 Introdução Introdução Inibição do ciclo celular Reparo do DNA Apoptose Danos ao DNA Ativação oncogenes p53 Fator de risco p/ câncer p53; Fator de risco p/ câncer p53;

11 Introdução Introdução p53: p53: - Gene TP53; - Cromossomo17p13.1; aminoácidos; p53 Polimorfismo Pro72 Arg72 Apoptose

12 Introdução Introdução Estado de Minas Gerais : Estado de Minas Gerais : - ~ 3000 agentes sanitários vinculados à FUNASA – aplicam pesticidas para o controle de vetores de doenças (180 reg. metropolitana) - Sexo masculino - Idade: 30 a 50 anos - Pesticidas: piretróides e organofosforados - Não foi feita análise dos efeitos genotóxicos dos pesticidas sobre estes trabalhadores;

13 Introdução Introdução N ° indiv. (exp/cont)ExposiçãoDuração(anos)BiomarcadorResultadoReferência 50/47 Piretróides, DDT 1-25CAPos (Ruppa et al.,1989) 26/26 Piretróides, organofosfo rados 2-18CAPos (Ruppa et al.,1991) 48/50 Piretróides, organofosfo rados 4-50SCENeg (Pasquini et al.,1996) 22/16 Piretróides, organofosfo rados 7MNNeg (Venegas et al.,1998) 71/75 Piretróides, organofosfo rados 2-55MNPos (Bolognesi et al.,1998)

14 Introdução Introdução Falta de concordância entre os resultados: Falta de concordância entre os resultados: - diferentes condições de exposição (magnitude, uso de equipamentos de proteção); - nº de pesticidas utilizados; - combinação de pesticidas; - tempo e frequência de exposição; - características do indivíduo (idade, sexo, hábito de fumar e ingerir bebidas alcoólicas, estado nutricional); (Bolognesi, 2003)

15 Objetivo geral Objetivo geral Avaliar os efeitos genotóxicos da exposição ocupacional a pesticidas em agentes sanitários vinculados à FUNASA, através do biomonitoramento genotoxicológico destes indivíduos, utilizando como biomarcador a frequência de micronúcleos em cultura de linfócitos isolados e estabelecer o genótipo do gene TP53 em relação ao polimorfismo do códon 72 para fins prognósticos.

16 Objetivos específicos Objetivos específicos Delineamento das amostras; Delineamento das amostras; Padronização das condições de cultura de linfócitos isolados; Padronização das condições de cultura de linfócitos isolados; Produção de lâminas; Produção de lâminas; Determinação da frequência de MN; Determinação da frequência de MN; Verificação, através de testes estatísticos, de relação entre a frequência de MN e exposição a pesticidas; Verificação, através de testes estatísticos, de relação entre a frequência de MN e exposição a pesticidas; Amplificação, través de PCR, de fragmento do TP53 para detecção do genótipo em relação ao códon 72; Amplificação, través de PCR, de fragmento do TP53 para detecção do genótipo em relação ao códon 72;

17 Metodologia Metodologia 1) Grupos amostrais: - Grupo experimental: 30 agentes sanitários vinculados a FUNASA, do sexo masculino, idade entre 30 e 50 anos, ocupacionalmente expostos a pesticidas; - Grupo controle: 30 indivíduos do sexo masculino, idade entre 30 e 50 anos, sem história de exposição a pesticidas; 2) Entrevista. (idade, hábitos e exposição) 2) Entrevista. (idade, hábitos e exposição)

18 3) Teste do MN Metodologia

19 Metodologia Metodologia (Adaptado de Fenech,2000) Tempo de cultura (h) Substâncias a serem acrescentadas na cultura 0PHA 24 48Ct-B Colher células

20 Metodologia Metodologia Célula binucleada

21 Metodologia Metodologia Características do Micronúcleo: Características do Micronúcleo: - Morfologia idêntica a dos núcleos principais; - Diâmetro entre 1/16 e 1/3 dos núcleos principais; - Mesma coloração dos núcleos; - Não apresentar refringências; - Não estar conectado a um dos núcleos; - Não estar sobreposto a nenhum dos núcleos; (Fenech, 2000)

22 Metodologia Metodologia Parâmetros a serem considerados: Parâmetros a serem considerados: - Frequência de MN/1000 cél. binucleadas; - Frequência de células binucleadas micronucleadas/1000 cél. binucleadas; - Distribuição de cél. binucleadas com 0, 1, 2, 3 ou mais MN; (Fenech, 2000)

23 Metodologia Metodologia Célula binucleada apresentando 1 MN

24 Metodologia Metodologia Célula binucleada apresentando 2 MN

25 Metodologia Metodologia Células binucleadas apresentando 3 MN

26 Metodologia Metodologia Células binucleadas apresentando mais de 3 MN

27 Metodologia Metodologia 4) Análises estatísticas: -frequência de MNs - idade - hábito de fumar - ingestão de bebidas alcoólicas - exposição a pesticidas (tempo e frequência) Teste do qui-quadrado

28 Metodologia Metodologia 5) Amplificação do TP53:

29 Metodologia Metodologia PrimersSequência Tamanho do produto p53+/p53Arg- p53+: 5TCCCCCTTGCCGTCCCAA p53Arg-: 5 CTGGTGCAGGGGCCACGC Alelo Arg 141 pb p53Pro+/p53- p53Pro+: 5GCCAGAGGCTGCTCCCCC p53-: 5CGTGCAAGTCACAGACTT Alelo Pro 177pb

30 Metodologia Metodologia 6) Aspectos éticos: - Consentimento livre e esclarecido; - Princípios éticos, aprovados pelo Comitê de Ética em Pesquisa da UFMG.

31 Obrigada!!!


Carregar ppt "Avaliação dos efeitos genotóxicos da exposição ocupacional a pesticidas sobre agentes sanitários da Fundação Nacional de Saúde do Estado de Minas Gerais."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google