A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

I ENCONTRO DE TECNICOS DE SEGURANÇA DO TRABALHO PALMAS – TO 01/12/2012.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "I ENCONTRO DE TECNICOS DE SEGURANÇA DO TRABALHO PALMAS – TO 01/12/2012."— Transcrição da apresentação:

1 I ENCONTRO DE TECNICOS DE SEGURANÇA DO TRABALHO PALMAS – TO 01/12/2012

2

3

4 Um grande número de companheiros criaram a União dos Empregados no Comércio do Rio de Janeiro, onde os caixeiros (como eram chamados os empregados no comércio), os escriturários, os guarda- livros e outros uniram-se contra os abusos e contra a escravidão a que eram submetidos pelos comerciantes. 1932, no dia 29 de outubro, às 10 horas da manhã, um punhado de caixeiros. O volume de gente foi aumentando até chegar o pessoal do Lloyd Brasileiro, e outros, que foram juntando-se e marcharam para o Catete (palácio do Governo Federal). Ao chegar ao Catete o grupo tinha-se multiplicado em pessoas ou mais. Getúlio Vargas então presidente da Nação os recebeu na sacada do Palácio e, naquele memorável dia foi assinado o Decreto Lei nº 4.042, de 29 de outubro de 1932, que regulamentando a jornada de trabalho, reduziu a carga horária escrava de 12 horas diárias, para 8 horas. O decreto-lei 4.042/32, foi publicado no Diário Oficial da União em 30/10/1932, por isso 30 DE OUTUBRO é o "DIA COMERCIÁRIO". Fonte: Câmara dos Deputados - CEDI Ano de 1908

5 CLT – 1943 – Criação da CIPA PLANO NACIONAL com a Criação do SESMT Dec. 229/ PUBLICAÇÃO DAS 28 NRs NORMAS Regulamentadoras Lei 6514/77 – 2 meses para construção das 28 NRs (19 Técnicos da Fundacentro – sem Computadores) CONSTITUIÇÃO FEDERAL PUBLICAÇÃO DA PNSST HISTORICO DA SST NO BRASIL

6 MUDANÇA DE PARADGMAS EM SST

7 Acidentes de Trabalho no Brasil Anuário Estatístico da Previdência Social Registrados e Liquidados Média de 46 trabalhadores/dia que não mais retornaram ao trabalho devido a morte ou Invalidez permanente (2010)

8 Acidentalidade: CIDs e Motivos de Afastamento Organização do Trabalho Condições de Trabalho

9 13 Acidentalidade – Impactos Econômicos Custo Brasil 2011: 63,760bi

10 UNIVERSALIZAR PARA SER SOCIALMENTE JUSTO

11 QUEM PODE DAR CONTA? Saúde Previdência Social Assistência social TrabalhoMeio ambiente Ciência e tecnologia Agricultura Desenvolviment o e economia Participação popular MPE e MPT ONG Partidos/ legislativo Sociedade Órgãos de defesa consumidor

12 AÇÃO: DEPENDE DE QUE? Decisão política Informações de várias fontes Análise e eleição de prioridades Programação de ações integradas AÇÕES CONTROLE SOCIAL COMUNICAÇÃO Comprometimento informação investimento SST

13 10 Óbitos e 45 afast Def. por dia no Brasil

14

15 OBJETIVO E PRINCÍPIOS I - A Política Nacional de Segurança e Saúde no Trabalho - PNSST tem por objetivos a promoção da saúde e a melhoria da qualidade de vida do trabalhador e a prevenção de acidentes e de danos à saúde advindos, relacionados ao trabalho ou que ocorram no curso dele, por meio da eliminação ou redução dos riscos nos ambientes de trabalho;

16 OBJETIVO E PRINCÍPIOS II -A PNSST tem por princípios: a)universalidade; b)prevenção; c)precedência das ações de promoção, proteção e prevenção sobre as de assistência, reabilitação e reparação; d)diálogo social; e e)integralidade

17 OBJETIVOS ESTRATÉGICOS 1. Promover e cumprir as normas, princípios e direitos fundamentais no trabalho. 2. Criar maiores oportunidades para os homens e as mulheres para garantir que disponham de um emprego digno. 3. Fortalecer o tripartismo e o diálogo social. 4.Aumentar a cobertura e a efetividade da proteção social para todos.

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

32

33

34

35

36 Disciplina, Atitude e Comportamento no Local de Trabalho Disciplina, atitude e comportamento são itens de qualidade Qualidade só se mantém com melhoria contínua Para obter melhoria contínua é necessário: PLANEJAR (PLAN) FAZER(DO) CONTROLAR(CONTROL) AGIR(ACT) PA D C QUALIDADE

37 O melhor ainda é... O melhor ainda é... abacaxi

38 Diariamente surgem problemas, as vezes temos de... Diariamente surgem problemas, as vezes temos de... Pelo em ovo

39 Trabalhe sem procurar... Trabalhe sem procurar... Quebra galho

40 E muito menos ficar... E muito menos ficar... Encher linguiça

41 E não serve para... Engolir sapo

42 Ou até... Ou até... Pedra no sapato

43 As vezes pensa que a sst, não passa de uma... mala

44 As vezes você encontra um... As vezes você encontra um... balde

45 Trabalhe com segurança sem... Trabalhe com segurança sem... cano

46 pato

47 O que der errado e ocorrer um acidente de trabalho, é você que acaba... Leite derramado

48 Mas antes de... carta

49 Ou então, como uma...

50 PLANSAT Plano Nacional de Segurança e Saúde no Trabalho E O SINALIZA OPORTUNIDADE DE MUDANÇA EM SST DEPENDE DE NÓS!......

51 MUITO OBRIGADO! ARMANDO HENRIQUE (011) /


Carregar ppt "I ENCONTRO DE TECNICOS DE SEGURANÇA DO TRABALHO PALMAS – TO 01/12/2012."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google