A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FUNDAMENTOS DO PROGRAMA SEGUNDO TEMPO: ENTRELAÇAMENTOS DO ESPORTE, DO DESENVOLVIMENTO HUMANO, DA CULTURA E DA EDUCAÇÃO Prof. Dr. Lucidio Rocha Santos –

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FUNDAMENTOS DO PROGRAMA SEGUNDO TEMPO: ENTRELAÇAMENTOS DO ESPORTE, DO DESENVOLVIMENTO HUMANO, DA CULTURA E DA EDUCAÇÃO Prof. Dr. Lucidio Rocha Santos –"— Transcrição da apresentação:

1 FUNDAMENTOS DO PROGRAMA SEGUNDO TEMPO: ENTRELAÇAMENTOS DO ESPORTE, DO DESENVOLVIMENTO HUMANO, DA CULTURA E DA EDUCAÇÃO Prof. Dr. Lucidio Rocha Santos – FEFF/UFAM EC 01 – Norte/PST Educação Integral e Escolarização: Desafios e Perspectiva

2 Fundamentos A questão provocadora... Como as atividades do Programa Segundo Tempo - PST podem contribuir para o desenvolvimento da educação integral, para garantia dos direitos a partir da superação das desigualdades de oportunidades educacionais e uma maior aproximação entre a escola e a comunidade?

3 Fundamentos Desafio: 40 milhões de crianças excluídas. Foto: Carlos Zacarias

4 Fundamentos Concepções que orientam o PST como Projeto Social: Desigualdades e Projetos Sociais Desafios da Inclusão pelo Esporte Os Atores Sociais do PST O Desenvolvimento Humano nas Ações do PST O Esporte como Prática da Cultura A Educação como Aprendizagem da Cultura Reinventando a Cultura: Relações entre o Lúdico e o Esporte

5 Desigualdades e Projetos Sociais A sociedade contemporânea = Momento Contraditório; Produção das Desigualdades Sociais; Projetos Sociais e Políticas de Estado = Garantia de Direitos; Ministério do Esporte = Pintando a Liberdade – Pintando a Cidadania – PST

6 (...) na inclusão pelo esporte, deveremos assumir novos olhares sobre todos os corpos, deficientes ou não, e não enaltecer tanto a dificuldade que se observa, mas principalmente nas possibilidades que cada um tem para se expressar e realizar tarefas motora.

7 Os Atores Sociais do PST Recursos Humanos: coordenadores e monitores; Formação, envolvimento e atuação no PST; Crianças e adolescentes (150); Não considerar a criança e o adolescente como um conceito universal: compreender sua história de vida e de seu contexto sócio-cultural; Valorizar a lógica da criança e do adolescente, sem considerá-los como seres incompletos; Compreender e valorizar a comunicação, a fala e as demais expressões corporais das crianças e dos adolescentes como conhecimento que nos dizem dos sujeitos, da sociedade e da cultura.

8 O Desenvolvimento Humano e as Ações do PST Como um dos principais fundamentos do Programa Segundo Tempo, o desenvolvimento humano deve estar presente nas intervenções pedagógicas, sendo desenvolvido por meio de atividades que explorem os valores humanos mais significativos A auto-estima; a identidade nacional; a solidariedade; a cooperação; o espírito coletivo; a luta pelos ideais; o respeito às regras; entre outros valores vivenciados no cotidiano da prática esportiva, que também são necessários para a convivência harmoniosa e o fortalecimento da autodeterminação de um povo.

9 O esporte como Prática da Cultura A espetacularização do esporte nos jogos olímpicos Sentidos e significados relativos ao rendimento e ao espetáculo Competição exacerbada Rendimento e performance na gestualidade Ênfase no treinamento Busca de talentos A criação de mitos esportivos A influência do esporte de rendimento (espetáculo) no imaginário social. É necessário refletir sobre o modelo olímpico nas atividades esportivas em projetos sociais, como prática educativa.

10 A educação como aprendizagem da cultura Conceito de Técnicas Corporais (Marcel Mauss) A gestualidade do corpo carrega significados específicos que nos dizem dos valores, das normas, dos costumes, marcado por um processo de incorporação da cultura. É preciso atentar que o habitus e as técnicas comportam mudanças Variam não simplesmente com os indivíduos e suas imitações, variam, sobretudo com as sociedades, as educações, as conveniências e as modas, os prestígios (MAUSS, 2003, p. 404).

11 Reinventado a Cultura: Relações entre o Lúdico e o Esporte Reflexão: Pensem em Jogos Populares Lúdico como um caminho para que possamos perceber a dimensão humana da criação da gestualidade, do simbólico, do social, com ênfase nos princípios de liberdade e de criação de outras realidades e possibilidades. O lúdico enquanto abertura para a criação e a inventividade A importância dos jogos populares para a configuração do esporte

12 Considerações Finais A realidade posta: O determinismo x A esperança por um mundo melhor A esperança é uma espécie de ímpeto natural possível e necessário, a desesperança é o aborto deste ímpeto. Por tudo isso me parece uma enorme contradição que uma pessoa progressista e que busca mudanças, que não teme a novidade, que se sente mal com as injustiças, que se ofende com as discriminações, que se bate pela decência, que luta contra a impunidade, que recusa o fatalismo cínico e imobilizante, não seja criticamente esperançoso (FREIRE, 1996, p. 72).

13 Livros: DE ROSE, Dante (Org.). Esporte e atividade física na infância e na adolescência: uma abordagem multidisciplinar. Porto Alegre: Artmed Editora, KUNZ, Elenor. Transformação didático-pedagógica do esporte. Ijuí: Unijuí, PORPINO, Karenine. Jogo, esporte, ginástica e luta: sentidos da cultura de movimento na educação física. In: NÓBREGA, T. Petrucia da (Org.). O ensino de educação física da 5ª a 8ª séries. Natal: MEC/Paidéia, Revista/Artigos on line: Onde Saber Mais:

14 Obrigado!


Carregar ppt "FUNDAMENTOS DO PROGRAMA SEGUNDO TEMPO: ENTRELAÇAMENTOS DO ESPORTE, DO DESENVOLVIMENTO HUMANO, DA CULTURA E DA EDUCAÇÃO Prof. Dr. Lucidio Rocha Santos –"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google