A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MÍNIMOS ÉTICOS E PRÁTICAS ESCOLARES ARTUR MOTTA

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MÍNIMOS ÉTICOS E PRÁTICAS ESCOLARES ARTUR MOTTA"— Transcrição da apresentação:

1 MÍNIMOS ÉTICOS E PRÁTICAS ESCOLARES ARTUR MOTTA

2

3

4

5 DIMENSÕES ÉTICAS FORMAÇÃO DOCENTE PERMANENTE GRADUALIDADE INDIVIDUAL + COLETIVO ESCOLARIZAÇÃO ESPECIALIDADE TÉCNICO- PEDAGÓGICA SOCIOCULTURAL SUBJETIVIDADE EXPRESSIVO- COMUNICATIVA

6 ESPECIALIDADE TÉCNICO- PEDAGÓGICA SOCIOCULTURAL SUBJETIVIDADE

7 A Dimensão Expressivo-comunicativa Qual é a ÉTICA contida naquilo que expresso e comunico: Nos meus comentários nos corredores, na Sala de Professores, nos momentos formais e informais, no meu modo de contar o mundo? Através do meu corpo, do meu modo de vestir, dos meus hábitos de consumo, enfim, do meu modo de estar no mundo? Nos conteúdos com que trabalho?

8 A Dimensão da Especialidade CONTEÚDOS Que elementos ÉTICOS meus conteúdos permitem valorizar? Diferentes disciplinas oferecem diferentes possibilidades INTEGRAÇÃO: compartilhar INTENCIONALMENTE valores comuns a serem desenvolvidos no trabalho intersubjetivo. ESPECIALIDADE bem formada permite descobrir a convergência das diferentes disciplinas quando mergulha na PROFUNDIDADE.

9 Primeira sugestão concreta -abrir espaços para que os professores se expressem e comuniquem aquilo que são, aquilo que sabem e aquilo que fazem; -a partir de uma discussão crítica dos resultados desses espaços, rever os hábitos e atitudes da equipe de professores que podem servir de base para estabelecer comportamentos comuns a serem buscados por toda a comunidade educativa, a partir de valores comuns; -incorporar esses elementos aos conteúdos trabalhados nas diversas disciplinas, garantindo momentos de troca entre os professores, antes, durante e depois do trabalho. Em suma, em termos de planejamento institucional, trata- se de criar condições para estabelecer de modo participativo, as propostas de mínimos éticos e as normas de convivência que nortearão o cotidiano da instituição.

10 A Dimensão Técnico- Pedagógica MÉTODOS/TÉCNICAS FAZER COTIDIANO - Planejar - Desenvolver - Controlar - Avaliar Tempo/espaços compartilhados CONTEXTO Dimensão Sociocultural POSICIONAMENTO ÉTICO - Mediar - Articular - Coordenar - Formar-se e ajudar a formar

11 Segunda sugestão concreta -abrir espaços para que os professores compartilhem suas práticas culturais, suas origens sociais, seus pertencimentos enquanto categoria profissional, etc; -a partir de uma discussão crítica dos resultados desses espaços, rever as práticas docentes cotidianas; - incorporar novos elementos aos consumos culturais e às práticas pedagógicas dos professores. Em resumo, trata-se de criar condições para identificar, e modo participativo, os mínimos éticos presentes nas origens e práticas socioculturais de alunos e professores, para fundamentar a rotina pedagógica e os eventos da escola.

12 A Dimensão da Subjetividade DIMENSÃO CENTRAL DE TODO O PROCESSO DE FORMAÇÃO DOCENTE Sentido da Vida Memória e Projeto Realização Pessoal Trabalho + Amor (zelo, cuidado) Não existe o tempo... o que existe são memórias de espaços nos quais as vivências foram significativas para o sujeito. Bachelard

13 Terceira sugestão concreta -abrir espaços para que os professores compartilhem suas biografias, enquanto relatos de memórias e projetos; -a partir de uma discussão crítica desses relatos, rever o ambiente da instituição, enquanto facilitador ou dificultador da realização do educador como sujeito; -estabelecer medidas concretas para que a escola seja um espaço de vivências cotidianas realizadoras, através de um trabalho desenvolvido na amorosidade. Em resumo, trata-se de criar condições para identificar, de modo participativo, os mínimos éticos presentes e ausentes nos relatos biográficos dos professores, a partir de suas memórias e projetos.

14 PROPOR Finalizando... EXPLICAR PROPOR REALIZAÇÃO ex + plicare retirar dobras Tornar tudo visível pro + porcolocar diante PROVOCAR pro + vocare chamar para a frente pessoal coletiva cada Educador Escola enquanto comunidade PROPOR pro + por PROPOR pro + por PROPOR colocar diantepro + por PROPOR PROVOCAR colocar diantepro + por PROPOR PROVOCAR colocar diantepro + por PROPOR pro + vocare PROVOCAR colocar diantepro + por PROPOR pro + vocare PROVOCAR colocar diantepro + por chamar para a frente pro + vocare PROVOCAR colocar diantepro + por REALIZAÇÃO chamar para a frente pro + vocare PROVOCAR colocar diantepro + por REALIZAÇÃO chamar para a frente pro + vocare PROVOCAR colocar diantepro + por REALIZAÇÃO chamar para a frente pro + vocare PROVOCAR colocar diantepro + por pessoal REALIZAÇÃO chamar para a frente pro + vocare PROVOCAR colocar diantepro + por coletiva pessoal REALIZAÇÃO chamar para a frente pro + vocare PROVOCAR colocar diantepro + por coletiva pessoal REALIZAÇÃO chamar para a frente pro + vocare PROVOCAR colocar diantepro + por cada Educador coletiva pessoal REALIZAÇÃO chamar para a frente pro + vocare PROVOCAR colocar diantepro + por Resgatar a dimensão do MISTÉRIO nas relações intersubjetivas conhecer cada vez mais, sem nunca conhecer totalmente e esgotar o que se busca conhecer...

15 Escola enquanto comunidade cada Educador coletiva pessoal REALIZAÇÃO chamar para a frente pro + vocare PROVOCAR colocar diantepro + por PROPOR DESAFIO

16 MÍNIMOS ÉTICOS E PRÁTICAS ESCOLARES ARTUR MOTTA


Carregar ppt "MÍNIMOS ÉTICOS E PRÁTICAS ESCOLARES ARTUR MOTTA"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google