A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

TURMA: 80 – RADIOLOGIA – 03° MODULO PROFESSORA: KAROLINE ALUNOS: MARCELO JOSÉ RODRIGUES MARILENE R. DA CUNHA NEUZIRA PINHEIRO DA SILVA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "TURMA: 80 – RADIOLOGIA – 03° MODULO PROFESSORA: KAROLINE ALUNOS: MARCELO JOSÉ RODRIGUES MARILENE R. DA CUNHA NEUZIRA PINHEIRO DA SILVA."— Transcrição da apresentação:

1 TURMA: 80 – RADIOLOGIA – 03° MODULO PROFESSORA: KAROLINE ALUNOS: MARCELO JOSÉ RODRIGUES MARILENE R. DA CUNHA NEUZIRA PINHEIRO DA SILVA

2 Definição: Estudo radiográfico contrastado dos ductos lacrimal direito ou esquerdo. Objetivo: Estudar dilatação ou estenoses dos ductos lacrimais, ou seja, se os ductos estão pérveos a passagem de contraste.

3 Incidências: AP do crânio, estudando sempre as duas órbitas comparativamente no momento da injeção de contraste.

4 Contraste: Lipídico ou à base de óleo 05 ml. Os contrastes lipossolúveis são eliminados mais lentamente, entretanto, tendem a obstruir os ductos, especialmente se estão alterados. Podem causar falsa aparência de sacos policísticos porque o óleo é pouco miscível na secreção lacrimal.

5 Não devem ser utilizados na suspeita de tumores, traumatismos e fístulas, pois, se extravasarem, podem permanecer no tecido subcutâneo por vários anos e induzir a formação de granulomas.

6 Outros estudos afirmam que o meio de contraste hidrossolúvel fornece informações mais reais por ter características (por exemplo: viscosidade e pH) mais semelhantes às da lágrima. Em uma via normal, o contraste desaparece totalmente após dez minutos. Podemos apenas encontrar resto de contraste na nasofaringe.

7 Inicialmente, o paciente é submetido a radiografias panorâmicas da face. Instila-se colírio anestésico nos olhos.

8 São cateterizados os canalículos lacrimais, procede-se a administração do meio de contraste e simultaneamente são adquiridas as imagens radiográficas.

9 Incidências adicionais, com diferentes graus de obliqüidade, podem ser feitas para demonstrar a via lacrimal.

10 Durante a realização, pode provocar um certo desconforto, não limitando a actividade do doente. Não estão descritas reacções alérgicas ao contraste usado.

11 Preparo e Orientações para Dacriocistografia. Este exame não necessita de preparo prévio. Caso você tenha tido reação alérgica a contraste iodado, medicamentos a base de iodo ou alimentos como camarão e frutos do mar, favor avisar previamente a um dos médicos da equipe, pois, eventualmente, será necessário o uso de medicação antialérgica antes da realização do exame.

12 O exame é realizado separadamente para cada olho. Se for necessária a realização do exame bilateral eles poderão ser agendados para o mesmo dia.

13 INDICAÇAO CLINICA A dacriocistografia (DCG) é um exame radiológico contrastado das vias lacrimais e está indicado nos pacientes que apresentam lacrimejamento excessivo e persistente. É realizado por médico oftalmologista com conhecimento clínico e cirúrgico nas patologias das vias lacrimais.

14 A DCG é uma técnica diagnóstica clínica valiosa e que submete o paciente a um mínimo de complicações ou riscos, nos fornecendo preciosas informações que não podem ser obtidas com outros métodos diagnósticos. Após anestesia tópica com colírio anestésico, cateterizamos os canalículos lacrimais e efetuamos a realização das películas radiológicas.

15 É útil para localizar a obstrução parcial ou total do sistema de drenagem lacrimal e identificar os fatores etiológicos comprometidos. É de grande utilidade para os pacientes com bloqueio funcional e permeabilidade do sistema excretor.

16 Com a dacriocistografia poderemos identificar os cálculos lacrimais, os tumores, os divertículos, as fístulas e as seqüelas traumáticas e programar corretamente o tratamento.

17 As principais contra indicações para o uso desse meio de contraste são o hipertireoidismo manifesto e a insuficiência renal.

18 Demonstrando retenção de contraste no saco lacrimal do olho direito normal no olho esquerdo.

19 Dacriocistografia mostrando obstrução do conduto lácrimo-nasal direito. Figura 4 -Exame de dacriocistografia evidenciando dilatação e obstrução do conduto lacrimo-nasal direito.

20

21 ANATOMIA DAS VIAS LACRIMAIS Cada sistema lacrimal de drenagem é formado por canalículos lacrimais superior e inferior, canalículo comum, saco lacrimal e conduto nasolacrimal.

22 A lágrima penetra na via lacrimal pelos orifícios lacrimais superior e inferior, os quais se encontram na margem medial das pálpebras superior e inferior e têm diâmetro aproximado de 0,3 mm

23

24 Bibliografia http://www.rb.org.br/detalhe_artigo.asp?id=1182 http://www.radioinmama.com.br www.levimadeira.com.br/tag/dacriocistografia-dcg www.nova.med.br Schellini SA, Hercules LA, Padovani CR, Nascimento SM, Lopes PS, Schellini RC. Dacriocistografia na propedêutica da via lacrimal excretora de adultos. Arq Bras Oftalmol 2005;68:89–92. [ javascript:void(0);]www.rb.org.br www.sielo.com Kenneth L. Bontrager Robert A. Novelline Colaboração: Marcelo Machado Rocha Adailton Cláudio Carvalho


Carregar ppt "TURMA: 80 – RADIOLOGIA – 03° MODULO PROFESSORA: KAROLINE ALUNOS: MARCELO JOSÉ RODRIGUES MARILENE R. DA CUNHA NEUZIRA PINHEIRO DA SILVA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google