A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Algumas preocupações Como pode a Internet ser um instrumento pedagógico positivo? Como se pode usar a World Wide Web como força motivadora na sala de.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Algumas preocupações Como pode a Internet ser um instrumento pedagógico positivo? Como se pode usar a World Wide Web como força motivadora na sala de."— Transcrição da apresentação:

1

2

3 Algumas preocupações Como pode a Internet ser um instrumento pedagógico positivo? Como se pode usar a World Wide Web como força motivadora na sala de aula? Como se pode lidar com pais que estão preocupados sobre o uso indevido da net em casa e no exterior? Como pode um professor prender a atenção dos alunos para assuntos de interesse disciplinar?

4

5 São modelos de actividades de aprendizagem que usam a informação que dia-a-dia-cresce na Web O QUE É ISTO?

6 Estes modelos resolvem estas preocupações? Sim, porque: São relevantes para o currículo e interessam e motivam professores e alunos; Garantem um uso mais responsável da Internet e valorizam a aula; Um bom modelo destes exige que os alunos vão além de encontrar uma informação; Obriga à análise de recursos, ao uso da criatividade e do pensamento crítico para solucionar o problema.

7 O que é uma WebQuest É um modelo simples e rico para dimensionar usos educacionais da Web, com base na aprendizagem cooperativa e em processos investigativos na construção do saber.

8 Dodge define Webquest Como uma actividade investigativa, em que alguma ou toda a informação com que os alunos interagem provém da Internet.

9 Bernie Dodge e Tom March apresentaram em 1995 um tipo de plano de aula a que chamaram WebQuest; WebQuest Hoje já conta com mais de dez mil páginas na Web, de educadores de diversas partes do mundo (EUA, Canadá, Islândia, Austrália, Portugal,Brasil, Holanda, etc). Portugal

10 Como criar uma WebQuest A WebQuest é concebida e construída segundo uma estrutura lógica que contém os seguintes elementos: Introdução, tarefa, processo, recursos, orientações, avaliação e conclusão.

11 Em geral, uma WebQuest é elaborada pelo professor, para ser solucionada pelos alunos, reunidos em grupos.ebQuest A WebQuest parte sempre de um tema e propõe uma tarefa, que envolve consultar fontes de informação especialmente seleccionadas pelo professor. Essas fontes (recursos) podem ser livros, vídeos, e mesmo pessoas a entrevistar, mas normalmente são sites ou páginas na Web.

12 Secções da WebQuest Regra geral uma WebQuest é constituída por sete secções: Introdução Tarefa Processo Fontes de informação Avaliação Conclusão Referências

13 Roteiro de 9 passos 1.Definir o tema 2.Seleccionar as fontes de informação 3.Delinear a Tarefa 4.Estruturar o Processo 5.Escrever a Introdução 6.Escrever a Conclusão 7.Inserir o conteúdo no gabarito 8.Fazer os acertos finais 9.Publicar a wWebQuest

14 Introdução A Introdução é um texto curto, que apresenta o tema e antecipa aos alunos as actividades que terão de realizar; Se a WQ tem um cenário ou pede representação de papéis (um detective, um jornalista, um juíz,...), isso deve ser mencionado na Introdução.

15 Tarefa Na tarefa define-se o que se pretende dos alunos. A tarefa deverá ser objectiva, exequível e interessante. Pode assentar na resolução de problemas, na participação em debates ou discussões temáticas, na simulação de papéis, na criação de produtos, no planeamento ou organização de uma acção ou evento, etc.

16 Exemplos de Tarefas

17 resolver um problema; solucionar um mistério; formular e defender uma opinião; analisar uma problemática; colocar em palavras uma descoberta pessoal; elaborar um resumo; inventar uma mensagem persuasiva; redigir um relato jornalístico, ou qualquer coisa que exija processar e transformar as informações reunidas.

18 É comum que a tarefa exija dos alunos a representação de papéis (especialista, investigador, jornalista, etc), para promover o contraste de pontos de vista ou a união de esforços em torno de um objectivo. Atenção

19 Recursos Nos recursos sugere-se um conjunto de fontes de informação necessárias à consecução da tarefa; Estas fontes devem estar incluídas, na forma de hiperligações, no próprio corpo da WebQuest; Impede-se, desta forma, que o aluno vagueie pela Internet e possa, assim, concluir a tarefa num espaço de tempo razoável.

20 Processo No processo é feita uma descrição dos passos a dar para a realização a tarefa; Esta descrição deve explicitar todos os procedimentos que o aluno deverá executar.

21 Orientações As orientações são indicações e conselhos sobre como organizar a informação recolhida, processar e converter essa informação num produto final.

22 Avaliação É óbvio que os alunos deverão ser avaliados pelo seu desempenho; Este pode colocar-se apenas ao nível da realização da tarefa mas, se for caso disso, na sua participação ao nível da construção da própria WebQuest.

23 Conclusão Na conclusão dá-se por finalizada a actividade; Recorda-se o que foi aprendido e encorajam-se os alunos a aplicar a experiência a outras situações; Sugere-se novo domínio de exploração.

24 Tipos de WebQuest Bernie Dodge divide a WebQuest em dois tipos, ligados à duração do projecto e à dimensão da aprendizagem envolvida WebQuest curta - leva de uma a três aulas para ser explorada pelos alunos e tem como objectivo a aquisição e integração de conhecimentos; WebQuest longa - leva de uma semana a um mês para ser explorada pelos alunos, em sala de aula, e tem como objectivo a extensão e o refinamento de conhecimentos.

25 Síntese Com um bom planeamento, uma WebQuestWebQuest pode permitir: que alunos e professores sejam criativos e produtivos; incendiar a imaginação; resolver problemas promover a discussão de assuntos importantes; revigorar um currículo; estimular uma turma.

26 Endereços Ambiente Inglês / nutrição WebQuests variadas

27 Caça ao Tesouro …uma caça ao tesouro consiste num conjunto de questões que podem ser respondidas se acedermos a "sites" que contenham a informação necessária.

28 Tem dois objectivos de aprendizagem Aquisição de conhecimentos específicos Desenvolvimento de competências de pesquisa e selecção de informação relevante

29 Questões Grande Questão Introdução Recursos

30 Assunto a tratar; Finalidade da actividade; O que se pretende que descubram; Que metodologia se utiliza; O que devem fazer com as respostas encontradas; Como vão integrar tudo no final; Como é que estas respostas ajudarão a responder à grande questão. Introdução

31 As Questões deverão ter uma relação entre elas delimitar o assunto levar o aluno a reunir informação sobre um determinado assunto fazer reflectir sobre as dimensões do assunto ver o alcance do assunto

32 A Grande Questão

33 Dá consistência à aprendizagem

34 Um aspecto a sublinhar é o facto do conjunto das questões parcelares culminarem com uma questão global, que funciona como um "chapéu", ou melhor, como o cimento que dá consistência às aprendizagens dos alunos e os leva a construir um sentido global para as pesquisas efectuadas. Atenção

35 Exemplos de Caças ao Tesouro MatemáticaMatemática / equaçõesequações HistóriaHistória / arqueologiaarqueologia Física

36 Excursão Virtual Se a informação se encontra em formato de visita guiada, estamos em presença de uma excursão virtual

37 Como construir uma excursão virtual?

38 Definir o objecto da actividade; Acumular o material (textos, imagens, sons, etc.) para a montagem da excursão; Definir secções e distribuir o material por cada uma dessas secções; Elaborar uma maqueta que permita visualizar a forma como estas secções se interligam; Construir as páginas uma a uma e estabelecer as hiperligações definidas anteriormente; Publicar a excursão virtual.

39 Actividades Interactivas

40 Um modelo de pesquisa da informação

41 Definição do problema Estratégias de pesquisa da informação Localização e acesso às fontes de Informação Utilização da informação Síntese Avaliação Etapas

42 Tenho as mãos tão quentes, quentes de amassar o poema Eugénio de Andrade Tenho as mãos tão quentes, quentes de amassar o poema Eugénio de Andrade

43


Carregar ppt "Algumas preocupações Como pode a Internet ser um instrumento pedagógico positivo? Como se pode usar a World Wide Web como força motivadora na sala de."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google