A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Desenvolvimento Curricular. INTRODUÇÃO Com a realização deste trabalho ficaremos a conhecer melhor as competências que o professor deve estimular nos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Desenvolvimento Curricular. INTRODUÇÃO Com a realização deste trabalho ficaremos a conhecer melhor as competências que o professor deve estimular nos."— Transcrição da apresentação:

1 Desenvolvimento Curricular

2 INTRODUÇÃO Com a realização deste trabalho ficaremos a conhecer melhor as competências que o professor deve estimular nos alunos, qual o papel do professor e recursos a utilizar. Este trabalho inicia-se com o estudo da arte, os diferentes tipos de concepção epistemológica e concepção de Aprendizagem e resolução problemáticas epistemológica Ético-Sociais e quais as características do professor e do aluno.

3 O ESTADO DA ARTE A aprendizagem por descoberta obriga o aluno a construir a sua aprendizagem, recolhendo informação. O professor tem um papel de organizador de estratégias que leva o aluno a tomar o rumo certo, sem lhe revelar toda a informação. A perspectiva de Ensino por Mudança Conceptual valoriza a estrutura cognitiva do aluno e pretende abandonar definitivamente o ensino baseado na transmissão de conteúdos – informação – dando lugar a uma lógica de construção do conhecimento pelo aluno.

4 U MA PERSPECTIVA EMERGENTE Inicialmente o ensino era dividido por áreas curriculares. Com a evolução dos tempos, chegaram à conclusão que os problemas só eram resolvidos se houvesse ligação entre todas as áreas curriculares. Então, todas as áreas disciplinares passaram a estar interligadas.

5 A educação científica tem como objectivo oferecer ao aluno instrumentos, ferramentas, que lhe sejam úteis futuramente na sua vida quotidiana. Assim, é posta de parte uma aprendizagem de conhecimentos numa perspectiva meramente instrumental. Estão a ser dados alguns passos nestas áreas: - apelo à inter e transdisciplinaridade; - apelo à abordagem de situações-problema do quotidiano. O objectivo de tal escolha deve inserir-se e articular-se com o movimento Ciência-Tecnologia- Sociedade-Ambiente (CTSA).

6 A nova filosofia da ciência está inclinada para valorizar contextos de descoberta e não só de justificação, realçando o trabalho inter pares e o trabalho experimental. Deste modo, o aluno deve encontrar soluções para os problemas que vai encontrando. Uma concepção epistemológica

7 Engloba elementos tecnológicos, políticos, socioculturais, que pertencem à sua evolução, inserindo- a num quadro de referência e ajudando a ler e a perspectivar o presente. Uma História da Ciência

8 Uma concepção que tenha em atenção conhecimentos no domínio da Psicologia da Aprendizagem. Com esta aprendizagem o aluno tem um exercício continuado sobre o pensar. Uma concepção de Aprendizagem

9 O ensino por pesquisa leva o aluno a tirar as suas próprias conclusões, tendo o auxílio do professor que lhe fornece alguma informação para o orientar. O professor pode levar recortes de jornais, notícias e outros materiais para fornecer ao aluno. As problemáticas Ético-Sociais

10 CONDIÇÕES DE MUDANÇA O professor: Baseia-se num currículo de acção, em que tem que organizar estratégias e actividades que estimulem a problematização e formulação de ideias. Tem o dever de ajudar a ultrapassar as dificuldades e orientar os alunos para as correctas conclusões.

11 O aluno: Tem de desenvolver apetência para realizar trabalhos de grupo. Deve desenvolver espírito de pesquisa. Capacidade de construir o pensamento.

12 O aluno deve ter ao seu dispor: Material didáctico; Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC), no âmbito da Didáctica das Ciências, como por exemplo a Internet. Bons professores, ou seja, que forneçam este material e que estimulem os alunos nesta perspectiva. Recursos da escola

13 CONCLUSÃO Com a elaboração deste trabalho tomámos a consciência das diferentes concepções e em que diferem entre si. Também ficámos a conhecer como o professor deve intervir para estimular o aluno e quais os recursos que pode utilizar. Sendo útil na vida profissional futura.

14 Trabalho realizado por: Diana Carvalho n.º Márcia Dias n.º Marta Dinis n.º


Carregar ppt "Desenvolvimento Curricular. INTRODUÇÃO Com a realização deste trabalho ficaremos a conhecer melhor as competências que o professor deve estimular nos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google