A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Alguns Conceitos e Técnicas de Gestão de Estoque Contábeis 01 Plínio Borges 06/23857 Ivan Teléscio 05/84568 Verônica 06/43904 Tiago Lucas 05/94261 André

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Alguns Conceitos e Técnicas de Gestão de Estoque Contábeis 01 Plínio Borges 06/23857 Ivan Teléscio 05/84568 Verônica 06/43904 Tiago Lucas 05/94261 André"— Transcrição da apresentação:

1 Alguns Conceitos e Técnicas de Gestão de Estoque Contábeis 01 Plínio Borges 06/23857 Ivan Teléscio 05/84568 Verônica 06/43904 Tiago Lucas 05/94261 André Guilherme 09/

2 Just in Time – Princípios Qualidade Velocidade Confiabilidade Flexibilidade Compromisso

3 Propósito do JIT - Produto solicitado quando necessário. - Produto solicitado quando necessário. - Material movimentado para a produção quando e onde necessário. - Make to order - Planejamento puxado pelo cliente

4 JIT – Atividade de Valor Agregado: - Identifica e ataca os problemas fundamentais e gargalos. - Elimina perdas e desperdícios. - Elimina processos complexos. - Implementa sistemas e procedimentos

5 JIT – Problemas x Soluções - Máquina não confiável x torná-la confiável. - Gargalos x atacar gargalos e aumentar capacidade. - Grandes tamanhos de lote x necessidade do cliente - Longos lead times x flexibilidade e menor tempo de set up

6 Custos Versus Benefícios do JIT Relação com fornecedores: - Contratos de longo prazo; - Demandas previsíveis; - Comunicação das mudanças mais rápida e em tempo real; - Tempos de entrega curtos e garantidos; - Proximidade dos fornecedores com os clientes

7 Custos Versus Benefícios do JIT Custos Versus Benefícios do JIT Outros benefícios: - Redução do custo de compras; - Menor número de fornecedores; - Menores níveis de estoques; - Redução do espaço de estocagem; - Lead time reduzido; - Melhor nível de serviço ao cliente;

8 Fluxo Descontínuo de Material Fluxo Descontínuo de Material

9 Estoque Para Demanda Estoque Para Demanda Sistema de empurrar estoques. Sistema de empurrar estoques. Baseado nos seguintes pontos: - Verificação da duração do tempo de ressuprimento para o item considerado; - Previsão da demanda do item no período; - Determinação de um período de segurança

10 Ponto de Reposição Ponto de Reposição Estoque elevado x Estoque baixo (maior custo de (risco de perda de (maior custo de (risco de perda de manutenção) vendas e/ou parada na produção) manutenção) vendas e/ou parada na produção)

11 Ponto de Reposição – Determinação Ponto de Reposição – Determinação Q - Lote Econômico de Compra D – Demanda anual em unidades A = Custo de aquisição por pedido E – custo de manutenção anual do item em % C – custo do item

12 Reposição Periódica T = (lote de reposição / demanda anual) x 52 semanas / ano T = período de reposição

13 Curva ABC - Método antigo e conhecido - Curva de Pareto - Nem todos os itens têm a mesma importância e a atenção deve ser dada para os mais significativos

14 Balanceamento de Capacidade Hipótese: todos os recursos têm a mesma medida de produção e estão sendo utilizados. Hipótese: todos os recursos têm a mesma medida de produção e estão sendo utilizados. A teoria da restrições TOC (theory of constrains) classifica a capacidade de um recurso em três categorias: A teoria da restrições TOC (theory of constrains) classifica a capacidade de um recurso em três categorias: - capacidade produtiva - capacidade protetora - capacidade protetora - capacidade ociosa

15 Fluxo Contínuo de Material Tendência para o fluxo sincronizado de material, em que a produção e a distribuição se tornam integradas por meio do uso de tecnologia da informação.

16 Bibliografia Hong Yuh Ching. Gestão de Estoques na Cadeia de Suprimentos. São Paulo: Atlas, 2009 (p. 38 a 53)


Carregar ppt "Alguns Conceitos e Técnicas de Gestão de Estoque Contábeis 01 Plínio Borges 06/23857 Ivan Teléscio 05/84568 Verônica 06/43904 Tiago Lucas 05/94261 André"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google