A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Atelectasias Anestesia no intra-operatório com FiO 2 alta. - de Reabsorção - Passiva - Passiva e de Reabsorção (mista)

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Atelectasias Anestesia no intra-operatório com FiO 2 alta. - de Reabsorção - Passiva - Passiva e de Reabsorção (mista)"— Transcrição da apresentação:

1

2 Atelectasias Anestesia no intra-operatório com FiO 2 alta. - de Reabsorção - Passiva - Passiva e de Reabsorção (mista)

3 Edema Pulmonar - PrHc: pressão hidrostática do capilar; PrOc: pressão osmótica do capilar; PrHi: pressão hidrostática do espaço intersticial; PrOi: pressão osmótica do espaço intersticial

4 Edema Pulmonar - Em situação normal a soma das forças que favorecem a passagem de líquido p/ o espaço intersticial (PrHc e PrOi) são discretamente maiores que as forças que se opõem a esse movimento (PrHi e PrOc).

5 Edema Pulmonar

6 Pneumonias Nosocomiais - 48 horas após admissão - Favorecido pela prótese ventilatória (tubo traqueal) - Estado de imunossupressão pós CEC

7 Confusão Mental - Limita potencial de colaboração do paciente. - Hipoperfusão cerebral - Idade, tempo de CEC, transfusão excessiva de sg.

8 Paralesia do Nervo Frênico - Traumatismo durante afastamento do esterno; - Punção v. jugular interna; - lesão de ramos da mamária interna, acarretando menor aporte sg p/ n. - trauma criogênico (por baixas temperaturas).

9 Dor - Incisão cirúrgica; drenos (fricção e irritação n. intercostal pela sobreposição do dreno com a costela) - Limitação movimentos -Comprometimento: tosse, ventilação e mudança de decúbitos.


Carregar ppt "Atelectasias Anestesia no intra-operatório com FiO 2 alta. - de Reabsorção - Passiva - Passiva e de Reabsorção (mista)"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google