A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

PRINCÍPIOS ÉTICOS E DEONTOLÓGICOS NA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA I. Ética e Deontologia II. Princípios Éticos da Psicologia III. O Processo de Av. Psicológica.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "PRINCÍPIOS ÉTICOS E DEONTOLÓGICOS NA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA I. Ética e Deontologia II. Princípios Éticos da Psicologia III. O Processo de Av. Psicológica."— Transcrição da apresentação:

1 PRINCÍPIOS ÉTICOS E DEONTOLÓGICOS NA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA I. Ética e Deontologia II. Princípios Éticos da Psicologia III. O Processo de Av. Psicológica e a Ética IV. Pesquisa com Seres Humanos V. Responsabilidades Éticas dos Autores e Editores de Testes

2 I. ÉTICA E DEONTOLOGIA Ética: valores morais, ideais de conduta Deontologia: deveres e princípios morais ÉTICA = DEONTOLOGIA Conselhos de Psicologia

3 II. PRINCÍPIOS ÉTICOS DA PSICOLOGIA 1. Competência 2. Integridade 3. Responsabilidade científica e profissional 4. Respeito à dignidade das pessoas 5. Preocupação com o bem estar alheio 6. Responsabilidade social

4 II. PRINCÍPIOS ÉTICOS DA PSICOLOGIA 1. Competência: procurar o + alto padrão; reconhecer limites; buscar atualizar; não usar teste ultrapassados. 2. Interidade: ser honesto e respeitoso; evitar q. valores pessoais interfiram.

5 II. PRINCÍPIOS ÉTICOS DA PSICOLOGIA 3. Respons. cient e profissional: saber selecionar, aplicar, interpretar, fazer laudos e devoluções. 4. Respeito à dignidade do S: direito de privacidade e autonomia do S; avaliar de acordo c/ características do S; devolução de testes válidos/precisos/padro nizados.

6 Principais faltas éticas q. afetam a dignidade dos S: Continuação do item 4. Principais faltas éticas q. afetam a dignidade dos S: 1. xerocar material; 2. usar t inadequados (p/ laudos ou desatualizados); 3. desconsiderar os erros da medida; 4. usar folhas de R impróprias; 5. não explicar pontuações ao solicitante; 6. permitir pessoas não qualificadas aplicar t; 7. desprezar as condições q. afetam a val dos t; 8. não arquivar o material; 9. Interpretar além dos limites dos t utilizados.

7 II. PRINCÍPIOS ÉTICOS DA PSICOLOGIA 5. Preocupação c/ o bem estar: ser sensível à relação de poder. 6. Responsab. social: divulgar o conhecimento psi; atulizar e construir novos instrumentos.

8 III. O PROCESSO DE AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA E A ÉTICA 1. Seleção do teste 2. Aplicação do teste 3. Correção/interpretação 4. Elaboração de laudos e devolução

9 III. O PROCESSO DE AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA E A ÉTICA 1. Seleção: definir os instrumentos; Características psicométricas; características do S; Manuais completos solicitar ajuda se necessário. 2. Aplicação: informar objetivos e instrumentos; consentimento; ambiente físico; material e rapport; cpt. do S e não ausentar; seguir manual; não desviar atenção; responsabilidade pela aplicação.

10 OBSERVAÇÃO VETADO AO PSICÓLOGO Xerocar ou reproduzir material Avaliar a distância Gravar sem consentimento Substituir o psicólogo por material informatizado

11 III. O PROCESSO DE AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA E A ÉTICA 3.Correção/Interp: tabelas e critérios apropriados; Avaliar q ti, q li ; dinâmica, circunstancial e específica; não substituir o psicólogo pelo comutador; Arquivar material 4. Laudo/Devolução: evitar ser influenciado; documento claro, dinâmico e circunstancial; linguagem adequada ao destinatário; não informar se C ou E; devolver os resultados ao S; preservar a identidade do S; fazer relatório sempre; rubricar laudas/local/ data/assinaltura e CRP.

12 IV. PESQUISA COM SERES HUMANOS 1. Planejamento: risco físico; risco psicológico; risco social; risco econômico; risco legais; devolução; acompanhamento psicológico. 2.Consentimento escrito: tema e objetivo; S, critérios e justificativa; procedimentos; acompanhamento; possíveis riscos; anonimato; registros/audiovisuais; ressarcimento; devolução; direito de recusa.

13 V. RESPONDABILIDADES ÉTICAS 1. Dos Autores: informar objetivos, características e limitações do instrumento; procedimento de desenvolvimento; evidências empíricas; amostra; normas; correção e interpretação. 2. Editores: investir em atualização; manuais c/ informações completas; qualidade gráfica; segurança p/ material informatizado; banco de dados.

14 PARABENIZAR INSTITUTO BRASILEIRO DE AV. PSICOLÓGICA - IBAP


Carregar ppt "PRINCÍPIOS ÉTICOS E DEONTOLÓGICOS NA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA I. Ética e Deontologia II. Princípios Éticos da Psicologia III. O Processo de Av. Psicológica."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google