A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Humanização em medicina e em Tocoginecologia Dra Priscila Huguet Mestre em Tocoginecologia (UNICAMP) Terapeuta Sexual (ISEXP) Mastologista (Sociedade Brasileira.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Humanização em medicina e em Tocoginecologia Dra Priscila Huguet Mestre em Tocoginecologia (UNICAMP) Terapeuta Sexual (ISEXP) Mastologista (Sociedade Brasileira."— Transcrição da apresentação:

1 Humanização em medicina e em Tocoginecologia Dra Priscila Huguet Mestre em Tocoginecologia (UNICAMP) Terapeuta Sexual (ISEXP) Mastologista (Sociedade Brasileira de Mastologia) Especialista em Ginecologia e Obstetrícia (FEBRASGO)

2

3 A tarefa da medicina no século XXI será a descoberta da pessoa- encontrar as origens da doença e do sofrimento, com este conhecimento desenvolver métodos para o alívio da dor e, ao mesmo tempo, revelar o poder da própria pessoa, assim como nos séculos XIX e XX foi revelado o poder do corpo A tarefa da medicina no século XXI será a descoberta da pessoa- encontrar as origens da doença e do sofrimento, com este conhecimento desenvolver métodos para o alívio da dor e, ao mesmo tempo, revelar o poder da própria pessoa, assim como nos séculos XIX e XX foi revelado o poder do corpo Cassel, 1991:X.

4 Humanização: Ato ou efeito de humanizar (-se), tornar (-se) benévolo ou mais sociável Humanização: Ato ou efeito de humanizar (-se), tornar (-se) benévolo ou mais sociável Empatia: capaciddde de se identificar com outra pessoa, de sentir o que ela sente, de querer o que ela quer, de apreender do modo como ela apreende. Empatia: capaciddde de se identificar com outra pessoa, de sentir o que ela sente, de querer o que ela quer, de apreender do modo como ela apreende. Compaixão: sentimento piedoso de simpatia para com a tragédia pessoal de outrem, acompanhado do desejo de minorá-la... Compaixão: sentimento piedoso de simpatia para com a tragédia pessoal de outrem, acompanhado do desejo de minorá-la... Houaiss, 2001

5 Quiron e Aquiles

6 Quiron: centauro mestre de Esculápio e doente ele mesmo de chagas incuráveis, arquétipo da figura do médico-ferido. Quiron: centauro mestre de Esculápio e doente ele mesmo de chagas incuráveis, arquétipo da figura do médico-ferido. Por ser a um só tempo médico e doente conhecia o caminho da cura. Por ser a um só tempo médico e doente conhecia o caminho da cura. Serpente associa-se a Esculápio pela capacidade de rejuvenescer e libertar- se da doenças através da troca periódica de pele. Serpente associa-se a Esculápio pela capacidade de rejuvenescer e libertar- se da doenças através da troca periódica de pele. Groesbeck, 1983.

7 Abordagem médico-paciente Até os anos 50: medicina técnica com crítica forte à psicanálise Até os anos 50: medicina técnica com crítica forte à psicanálise A partir dos anos 60: consciência da necessidade de interação comunicativa entre médicos e pacientes A partir dos anos 60: consciência da necessidade de interação comunicativa entre médicos e pacientes Anos 70: implementação do termo de consentimento informado, aumento de denúncias e doas gastos com a saúde, são realizados estudos de satisfação do cliente Anos 70: implementação do termo de consentimento informado, aumento de denúncias e doas gastos com a saúde, são realizados estudos de satisfação do cliente Caprara, 2005

8 Abordagem médico-paciente Anos 80 e 90: conhecimento médico-científico e médico-familiar com viés antropológico, avaliando o aspecto cultural da doença e também a experiência e o ponto de vista do doente e dos familiares. Anos 80 e 90: conhecimento médico-científico e médico-familiar com viés antropológico, avaliando o aspecto cultural da doença e também a experiência e o ponto de vista do doente e dos familiares. Contemporaneamente: relação médico- paciente focada na personalização da assistência, na humanização do atendimento e no direito à informação. Contemporaneamente: relação médico- paciente focada na personalização da assistência, na humanização do atendimento e no direito à informação. Caprara, 2005

9 Médicos como pacientes Oliver Sacks, neurologista, após fraturar uma perna: Oliver Sacks, neurologista, após fraturar uma perna:... A sistemática despersonalização que se vive quando se é paciente. As próprias vestes são substituídas por roupas brancas padronizadas e, como identificação, um simples número. A pessoa fica totalmente dependente das regras da instituição, se perdem muitos de seus direitos, não é mais livre. (Sacks, 1991:28).... A sistemática despersonalização que se vive quando se é paciente. As próprias vestes são substituídas por roupas brancas padronizadas e, como identificação, um simples número. A pessoa fica totalmente dependente das regras da instituição, se perdem muitos de seus direitos, não é mais livre. (Sacks, 1991:28).

10 Literatura recomendada Jerome Groopman: Jerome Groopman: Anatomia da Esperança Anatomia da Esperança Drauzio Varella Drauzio Varella O Médico Doente O Médico Doente Por um Fio Por um Fio

11 Filmes recomendados Patch Adams Patch Adams Um Golpe do Destino (The Doctor) Um Golpe do Destino (The Doctor)

12 Abordagem médico-paciente Abordagem paternalista: o médico é detentor de todo o saber e o paciente depende de suas ideias e julgamentos. Abordagem paternalista: o médico é detentor de todo o saber e o paciente depende de suas ideias e julgamentos. Modelo informativo: o paciente é informado do diagnóstico, das dificuldades de cura e cabe a ele a decisão final sobre o tratamento Modelo informativo: o paciente é informado do diagnóstico, das dificuldades de cura e cabe a ele a decisão final sobre o tratamento Emanuel & Emanuel 1992

13 Vantagens e desvantagens??

14 Humanização do Parto, purpério, aborto os/pdf/parto_aborto_puerperio.pdf os/pdf/parto_aborto_puerperio.pdf os/pdf/parto_aborto_puerperio.pdf os/pdf/parto_aborto_puerperio.pdf os/pdf/HOB_02-10.pdf os/pdf/HOB_02-10.pdf os/pdf/HOB_02-10.pdf os/pdf/HOB_02-10.pdf

15 Humanização do Parto, purpério, aborto Direito a analgesia de parto, se desejada Direito a analgesia de parto, se desejada Presença do companheiro na sala de parto Presença do companheiro na sala de parto Diminuição de taxas de cesáreas Diminuição de taxas de cesáreas Atuação da enfermeira obstetra na situação de parto normal Atuação da enfermeira obstetra na situação de parto normal Evitar excessiva medicalização dos partos Evitar excessiva medicalização dos partos

16 Resolução ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) s/985_99.htm s/985_99.htm

17


Carregar ppt "Humanização em medicina e em Tocoginecologia Dra Priscila Huguet Mestre em Tocoginecologia (UNICAMP) Terapeuta Sexual (ISEXP) Mastologista (Sociedade Brasileira."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google