A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

DISCIPLINA EC 770 Educação Não Formal no Ensino de Ciências e Matemática Programa de Pós-Graduação Multiunidades em Ensino de Ciências e Matemática Criação.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "DISCIPLINA EC 770 Educação Não Formal no Ensino de Ciências e Matemática Programa de Pós-Graduação Multiunidades em Ensino de Ciências e Matemática Criação."— Transcrição da apresentação:

1 DISCIPLINA EC 770 Educação Não Formal no Ensino de Ciências e Matemática Programa de Pós-Graduação Multiunidades em Ensino de Ciências e Matemática Criação de Programas de Museus de Ciências e Matemática Seminário dos EE Patrícia e Jefferson Setembro 18, 2012 PECIM

2 Centro de Divulgação Científica e Cultural (CDCC) EE Patrícia Souza

3 O CDCC é Vinculado à: Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária; Instituto de Física de São Carlos – USP; Instituto de Química de São Carlos – USP. Centro de Divulgação Científica e Cultural (CDCC)

4 Instalado em um prédio histórico, construído em 1908; Um Observatório Astronômico, o Centro de Divulgação da Astronomia, (CDA), instalado no Campus I da USP. Estrutura física do CDCC

5

6 Universidade de São Paulo. Programas educacionais: –Subprograma Educação para a Ciência (SPEC), do PADCT/CAPES, –Vitae, Apoio à Cultura, Educação e Promoção Social, –FAPESP; – CNPq. Instituições que apoiam o CDCC

7 Criado em 1980 em continuidade a um trabalho iniciado em 1979 por pesquisadores universitários e professores da rede pública de ensino da cidade de São Carlos. Propuseram a realização de cursos de instrumentação com a finalidade de preparar material didático para os cursos de ciências, como roteiros de experimentos e conjuntos de protótipos. A idéia era realizar um trabalho de extensão universitária que pudesse influenciar o ensino regular. Sobre a criação do CDCC

8 Promover programas de divulgação científica quanto pela necessidade de prestar apoio às escolas de ensino fundamental e médio, especialmente aquelas da rede pública de ensino. Contato com alunos de E.B.: monitorias, mini-cursos, feiras de ciências; Contato com laboratórios: criação da Experimentoteca; Comunidade: cineclube, palestras, criação de acervo para divulgação científica. Contato docente: formação continuada; Necessidades atuais do CDCC

9 A integração Universidade-Comunidade, despertar nos cidadãos (em especial, jovens), o interesse pela Ciência e pela Cultura; O apoio aos cursos de Licenciatura em Ciências; O apoio ao Ensino: Educação Infantil e Educação Básica; O desenvolvimento e produção de Equipamentos e Materiais Instrucionais; O desenvolvimento de Pesquisa em Meios Educacionais Alternativos. Missão institucional do CDCC

10 Mini cursos; Plantões de auxílio; Visitas científicas; Material instrucional de ciências, biblioteca; Capacitação para professores; Observações de fenômenos de astronomia; Exibições de filmes; Atividades de informática; Exposição interativa de física e de ecologia. Atividades atuais do CDCC

11 Ambientes escolares; Educação ambiental: bacias hidrográficas, trechos rurais e urbanos, parque ecológico. São também atividades atuais do CDCC

12

13

14

15

16

17 Conheça o CDCC

18 DISCIPLINA EC 770 Educação Não Formal no Ensino de Ciências e Matemática Programa de Pós-Graduação Multiunidades em Ensino de Ciências e Matemática Criação de Programas de Museus de Ciências e Matemática Seminário dos EE Patrícia e Jefferson Setembro 18, 2012 PECIM

19 Museus de Matemática Espaços de Educação Matemática Não Formal Museus itinerantesMuseus permanentes Museus virtuais

20 Museus permanentes de Matemática Alemanha (4) EUA (2) Itália (2) Coréia do Sul (1) Suécia (1) França (1) Hungária (1) Brasil (0) Espanha (1) Pais de Gales (1) Japão (1) Portugal (1) ao redor do mundo Austria (1)

21 Museus permanentes de Matemática Alemanha (4) EUA (2) Itália (2) Coréia do Sul (1) Suécia (1) França (1) Hungária (1) Brasil (0) Espanha (1) Pais de Gales (1) Japão (1) Portugal (1) ao redor do mundo Austria (1)

22 Criação de programas de Museus de Matemática Que Matemática? Por que Matemática?

23 Por que Matemática no museu?

24 Espaço de Educação Matemática Não Formal que visa a divulgação e a popularização da Matemática

25 Matemática é fundamental para um exercício pleno da cidadania D´Ambrosio (1994) Skvosmose (2006)

26 Operadores Descartáveis Construtores Consumidores Educação Matemática Crítica: Globalização/Guetorização/Ideologia da Certeza

27 Espaço de Educação Matemática Não Formal para a captação de talentos para a Matemática

28 Espaço de Educação Matemática Não Formal para a captação de talentos para a Matemática

29 Que Matemática para o museu?

30 1) A Educação Matemática Não Formal do Museu precisa ser conscientizadora A Matemática é o saber humano sobre o qual todo aparato técnico e tecnológico se fundamenta

31 3) A Educação Matemática Não Formal do Museu precisa ser democratizadora A Matemática é o saber para a plenitude do acesso aos bens culturais da humanidade

32 2) A Eduação Matemática Não Formal do Museu precisa ser libertadora A Matemática é o saber para transpor obstáculos, buscar novas fronteiras e dirimir desigualdades

33 1) A Educação Matemática Não Formal do Museu precisa ser contestada A Matemática NÃO É saber prenhe da ideologia da certeza e isso precisar ser questionado

34 DISCIPLINA EC 770 Educação Não Formal no Ensino de Ciências e Matemática Programa de Pós-Graduação Multiunidades em Ensino de Ciências e Matemática Criação de Programas de Museus de Ciências e Matemática Agradecemos a vossa audiência! Setembro 18, 2012 PECIM


Carregar ppt "DISCIPLINA EC 770 Educação Não Formal no Ensino de Ciências e Matemática Programa de Pós-Graduação Multiunidades em Ensino de Ciências e Matemática Criação."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google