A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Crescimento e Desenvolvimento Parte II Mariana de Melo Gadelha Hospital Regional da Asa Sul/SES/DF www.paulomargotto.com.br Brasília, 18/4/2012.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Crescimento e Desenvolvimento Parte II Mariana de Melo Gadelha Hospital Regional da Asa Sul/SES/DF www.paulomargotto.com.br Brasília, 18/4/2012."— Transcrição da apresentação:

1 Crescimento e Desenvolvimento Parte II Mariana de Melo Gadelha Hospital Regional da Asa Sul/SES/DF Brasília, 18/4/2012

2 DESENVOLVIMENTO NEUROPSICOMOTOR

3 Introdução: Importância da avaliação do DNPM de uma criança : 1.Monitoração do progresso das crianças e identificação de atrasos ou desvios; 2.Explorar os fatores que ou risco; 3.O conceito de variabilidade interpessoal.

4 Fatores de Influência do DNPM: Genética Teratógenos Doenças Maturação Física Confiança Básica Estimulaçã o Família Meio Social

5 Período Fetal: Velocidade rápida de crescimento e multiplicação de neurônios, formação de axônios e dendritos; Extremamente vulnerável a influências teratogênicas e hipóxicas.

6 Período Fetal:

7 Os pais... Estágio 1: Descoberta da gravidez – sentimentos ambivalentes de felicidade e medo; Estágio 2: Cerca de 20 semanas percepção dos movimentos fetais) – medo de feto malformado; Estágio 3: Fim da gravidez - atribuição de personalida- de ao feto.

8 O Primeiro Ano

9 O Recém- Nascido: Imediatamente após o nascimento: RN alerta e suga facilmente; Míope – campo de visão de cm; Preferência visual inata por rostos; Audição bem desenvolvida – preferência por voz feminina; Período inicial de 40-60min seguido de sonolência; Reflexos primitivos: Moro, preensão palmar e pedalar.

10 O Recém-Nascido: 6 estados comportamentais: (sono calmo, sono ativo, sonolência, alerta, inquietude e choro); Estado alerta: fixa objetos e rostos e acompanha horizontalmente; Viram-se em direção a um som; Olham para a mãe ao mamar; Acalmam-se desviando o olhar, bocejando ou sugando lábios ou mãos ( parassimpático, simpático); Sono calmo: adapta-se a estímulos; Sono ativo: estímulos causam choro.

11 1-2 Meses: Estímulos visuais, táteis, olfativos e auditivos; Acompanham verticalmente com o olhar; Habituam-se aos familiares- respondem + a estímulos novos e – a repetidos; Diferenciam cores; Reconhecem expressões faciais (ex.: sorrisos); Distingüem voz e movimento labial (voz falada X movimentos vídeo).

12 1- 2 meses: DESENVOLVIMENTO EMOCIONAL: Disponibilidade de um adulto para atender as necessidades urgentes gera crianças + seguras; Crianças rotineiramente colocadas no colo em resposta a um choro angustiado choram – com 1 ano e são – agressivas com 2 anos.

13 Padrão de Sono:

14 2 – 6 meses: Desabrocham socialmente; Sorriso voluntário, contato visual, lalação; Particularmente interessante para os pais, que passam a se sentir amados; Durante a amamentação, não olha mais exclusivamente para a mãe;

15 2 - 6 Meses: Exploram seu corpo- olham para as mãos, tocam as orelhas, etc... Exprimem emoções através de expressões faciais – ódio, alegria, interesse, medo, surpresa, etc... Reconhecem estado emocional dos pais e interagem...

16 2 – 6 meses: Reflexos primitivos e movimentos voluntários ; reflexo de preensão palmar, seguram objetos com ambas as mãos e soltam voluntariamente; Crescente controle do tônus cervical e do tronco: sustenta- ção cervical tronco rolam no berço sentam com apoio.

17 6 – 12 meses: Todos os objetos são regularmente inspecionados: recolhidos, passados de uma mão para outra, usados como martelo, colocados na boca e jogados no chão; Compreensão de que objetos continuam a existir mesmo sem serem vistos – procuram o objeto escondido; Aparecimento da preensão em pinça; Aparecimento dos dentes.

18 6 – 12 meses: Sentam sem apoio Engatinham Ficam de pé com apoio Andam com apoio Andam sem apoio (até 15 meses); 7 meses: respondem expressões vocais e faciais; 9 meses: compartilham emoções (p.e.: mostram brinquedo aos pais); 10 meses: Formam sílabas (mã, pa); 12 meses: Primeiras palavras verdadeiras.

19 O Segundo Ano

20 12-18 meses: Deambulação, alcance e preensão permitem maior exploração; Combinam objetos para formar coisas novas (ex.: empilham blocos); Entendem a finalidade dos objetos (ex.: escova para pentear, copo para beber, etc...); »Entendem afirmações simples- não, tchau, dê pra mim, etc... RISCO DE LESÕES!!! (EX.: TOMADAS, DEGRAUS, ETC...)

21 18 – 24 meses: Mudanças mais importantes no campo lingüístico – vocabulário palavras (18m) para (24m); Apontam objetos com o dedo indicador; Perguntam quéisso? para quase tudo; Compreendem comandos em 2 etapas: ex.: Me dê a bola e pegue os sapatos.

22 Pré - Escolares

23 2 a 5 anos: Até 3 anos – correm, arremessam, chutam bolas, andam de velocípede, dançam, escalam brinquedos, etc... Abandono das fraldas diurno (2 – 3 anos) – geralmente controle vesical diurno precede o intestinal; Meninas precedem os meninos; Abandono das fraldas noturno – 4 anos para as meninas e 5 anos para os meninos.

24 2 a 5 anos: Uso preferencial de uma mão (3 anos); Preensão madura de um lápis e desenhos a partir dos 3 anos (geralmente círculos e palitos para representar uma pessoa); Vocabulário para + de 2000 palavras aos 5 anos; Evolução progressiva na criatividade e complexidade das brincadeiras – brincam isoladas aos 2 anos e em grupo aos 3-4anos.

25 Escolares

26 6 – 12 anos: força muscular, energia e coordenação motora - capazes de movimentos complexos (desenhos mais elaborados, instrumentos musicais, etc...); Perda dos dentes decíduos – 4/ ano; Interesse pelas diferenças sexuais e comportamento; Consideram múltiplas dimensões e pontos de vista.

27 6 – 12 anos: Desenvolvimento da auto-estima e necessidade de aceitação pelos outros; Escola= grande estímulo cognitivo; Desenvolvimento social e emocional em 3 esferas: LAR, escola e amigos; Busca por independência (dormir na casa do amigo, colônias de férias, etc...

28 Adolescência

29 Período Inicial: anos Início do interesse e prática sexual; Autoconsciência e imagem corporal; Acham que todo mundo olha pra eles – risco de depressão e transtornos alimentares; Sociabilizam-se em grupos de pares do mesmo sexo; Desenvolvimento social e emocional em 3 esferas: lar, ESCOLA E AMIGOS; Ainda se esforçam para agradar aos pais, porém procuram outros modelos de adultos.

30 Período Intermediário: 14 – 17 anos Namoros superficiais são a regra básica; Início da vida sexual para cerca de 30% das meninas e 45% dos meninos; < 25% usam preservativos apesar e terem conhecimento dos riscos; Desenvolvem seus códigos de ética pessoais; < influência dos pares sobre roupas e comportamento; Grupos de ambos os sexos.

31 Período Final: 18 – 20 anos Imagem corporal mais serena; Namoros com maior estabilidade e compromisso; Conceitos bem elaborados de justiça, patriotismo, ideais, etc... Preocupação com carreira e trabalho.

32 OBRIGADA!!!


Carregar ppt "Crescimento e Desenvolvimento Parte II Mariana de Melo Gadelha Hospital Regional da Asa Sul/SES/DF www.paulomargotto.com.br Brasília, 18/4/2012."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google