A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Projeto Onde Moras. Exposição de motivos Uma das missões de Rotary é a instalação e manutenção da dignidade humana. Essa missão para ser cumprida depende.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Projeto Onde Moras. Exposição de motivos Uma das missões de Rotary é a instalação e manutenção da dignidade humana. Essa missão para ser cumprida depende."— Transcrição da apresentação:

1 Projeto Onde Moras

2 Exposição de motivos

3 Uma das missões de Rotary é a instalação e manutenção da dignidade humana. Essa missão para ser cumprida depende de vários fatores: Alimentação Educação Habitação Saúde...

4 Exposição de motivos O Rotary Internacional tem sistematicamente atuado em todas essas frentes, de forma muito consistente e sempre pautado na força do companheirismo e do ideal de servir. Entendemos ser oportuno apresentarmos nossa contribuição a essa missão, e nesse momento atingindo especificamente o item Habitação.

5 Exposição de motivos: O projeto já viabilizou a construção de 30 casas na cidade de Londrina, porém com a cooperação de mais pessoas é possível obter-se um incremento significativo nesse numero, considerando que o princípio básico do projeto é eliminar a existência de famílias sem moradia. Os companheiros do Rotary Club de Londrina Alvorada: conheceram, avaliaram e propõe continuidade da execução do projeto:

6 Onde moras

7 Concepção, criação e implantação original Companheiro: Maurício Tadeu Alves Costa.

8 Base conceitual

9 Além do objetivo específico (construção de novas habitações), o projeto visa o resgate de valores comunitários, a saber: Colaboração Cooperação Economia de escala Organização Sinergia Trabalho em equipe

10 Base conceitual Desenvolvimento de projetos educacionais nas áreas de: Combate a promiscuidade Educação Higiêne Saúde

11 Base conceitual A execução do projeto tende a eliminar resíduos de construção, hoje inaproveitáveis, reduzindo (eliminando) custos de demolição (para o proprietário) e buscando um equilíbrio na distribuição de riquezas com a eliminação do desperdício e a melhoria das condições ambientais. O aumento do tempo de demolição será compensado pela contribuição social dada pelo proprietário do imóvel.

12 Base conceitual Além do objetivo específico (construção de novas habitações), o projeto visa o resgate de valores comunitários, a saber: –Colaboração –Cooperação –Economia de escala –Organização –Sinergia

13 Objetivo Geral

14 Objetivo geral Propiciar as famílias cuja renda encontra-se ao nível da linha da pobreza habitação digna, construída em regime cooperativo, utilizando materiais reaproveitáveis de casas demolidas. Construindo no período de 7 meses, 10 novas habitações em um bairro especifico da cidade de Londrina.

15 Objetivos específicos

16 Identificar e selecionar famílias que necessitem de habitação entre as que possuam terreno devidamente legalizado e registrado em cartório de registro de imóveis Sensibilizá-las para o engajamento no projeto Identificar e cadastrar imóveis que serão demolidos

17 Objetivos específicos Obter do proprietário aprovação para realizar a demolição e aproveitar os materiais Constituir equipes de reaproveitamento de materiais (com membros das famílias beneficiárias) Desmanchar imóveis Aproveitar materiais

18 Objetivos específicos Constituir equipes de construção (só com membros das famílias beneficiárias) Construir novas habitações Entregar as novas habitações Desenvolver ações educacionais para adequar as famílias ao novo status quo, melhorando sua qualidade de vida

19 Operacionalização

20 Serão selecionadas 10 famílias de um bairro específico, através de comissão composta por: –Representante da associação de moradores –Rotary –Movimentos religiosos Cada família disponibilizará um membro para participar das equipes de desmanche e construção

21 Operacionalização Serão selecionadas 10 famílias de um bairro específico, através de comissão composta por: –Representante da associação de moradores –Rotary –Movimentos religiosos

22 Operacionalização Cada família disponibilizará um membro para participar das equipes de desmanche e construção; Essas equipes receberão adequado treinamento por rotarianos, acompanhados por um técnico especializado em construção civil, supervisionadas por um engenheiro Civil e coordenadas por pessoas da Comunidade;

23 Operacionalização As equipes de 10 pessoas serão formadas de 4 oficiais capazes de executar serviços de: Pedreiros ou Eletricistas ou Encanadores. 6 pessoas serão serventes oTodas serão treinadas para: Desmanches das casas; Aproveitamento de materiais; Orientação sobre segurança no trabalho.

24 Operacionalização As equipes receberão EPIs (equipamentos de proteção individual), sendo treinadas para sua correta utilização, e obrigadas a utiliza- los Os materiais oriundos dos desmanches serão armazenados nos terrenos das famílias beneficiárias, que serão responsáveis pela sua guarda e conservação

25 Operacionalização O controle de materiais utilizará as técnicas de logística, respeitando as necessidades do projeto As construções seguirão o projeto (conforme modelo anexo) A ordem da construção das habitações será definida por sorteio entre as pessoas do grupo, ao término de cada casa

26 Principais características das Habitações

27 Alvenaria com tijolos cerâmicos ou maciços Cobertura de telhas de barro, sem forro Instalações elétricas Instalações hidráulicas Banheiro e cozinha Piso desempenado Portas Vitrôs com vidros

28 Projeto Arquitetônico

29 Será oferecido aos beneficiários ao final da construção, projeto arquitetônico e construtivo para futuras ampliações.

30 Processo de Gestão

31 Administração central: Composição: –Formada por Rotarianos e representantes da sociedade civil organizada, que servirão a comunidade sem nenhuma contraprestação. a força de trabalho dos beneficiários;

32 Processo de Gestão Responsabilidades: Administração geral do projeto –Obter junto a sociedade o suprimento alimentar e de transporte para as equipes (cestas básicas e passes de ônibus) – entregues (exclusivamente) durante a execução dos desmanches e construções

33 Processo de Gestão Obter recursos financeiros (através de doações – espécie e/ou materiais) para despesas complementares e insumos básicos (cimento, cal... etc)

34 Conclusões

35 O projeto: –Permite obter a casa própria a custo zero para as famílias, utilizando a força de trabalho dos beneficiários –Aumenta a dignidade das famílias ao nível da linha da pobreza

36 Conclusões O projeto: Permite a implantação de programas de: –Combate a promiscuidade –Educação –Higiene –Saúde

37 Conclusões O projeto: –É viável, exigindo pouca aplicação de esforço por parte dos rotarianos –Pode ser implantado em todos os municípios brasileiros ou houver Rotary – Propicia o estabelecimento de novas ocupações junto a comunidade, facilitando a geração de renda.

38 Custo base para construção de cada unidade habitacional

39 R$ 1.000,00 Que poderá ser reduzido de acordo com as doações dos materiais de construção básicos (areia, cal, pedra, cimento, ferro, material hidráulico e elétrico), podendo chegar a zero.

40 Fotos

41

42 Matérias publicadas pela Imprensa

43

44 Projeto Arquitetônico

45

46 Relação de materiais necessários para a construção

47


Carregar ppt "Projeto Onde Moras. Exposição de motivos Uma das missões de Rotary é a instalação e manutenção da dignidade humana. Essa missão para ser cumprida depende."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google