A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ARTIGO: INTRATIMPANIC INJECTION OF AUTOLOGUS BLOOD FOR TRAUMATIC PERILYNFATIC FISTULAS AUTORES : Rohit Garg, MD, MBA, and Hamid Reza Djalilian, MD, Irvine,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ARTIGO: INTRATIMPANIC INJECTION OF AUTOLOGUS BLOOD FOR TRAUMATIC PERILYNFATIC FISTULAS AUTORES : Rohit Garg, MD, MBA, and Hamid Reza Djalilian, MD, Irvine,"— Transcrição da apresentação:

1 ARTIGO: INTRATIMPANIC INJECTION OF AUTOLOGUS BLOOD FOR TRAUMATIC PERILYNFATIC FISTULAS AUTORES : Rohit Garg, MD, MBA, and Hamid Reza Djalilian, MD, Irvine, CA Division of Otology, Neurotology and Skull Base Surgery, Department of Otolaryngology–Head and Neck Surgery, University of California, Irvine Medical Center, Orange, CA PUBLICADO EM: Otolaryngology–Head and Neck Surgery (2009) 141,

2 INTRODUÇÃO O Comunicação anormal entre a OM/mastóide e OI. - trauma; - cirurgias prévias de estribo; - barotrauma; - espontânea (controversa). ETIOLOGIAS:

3 SINTOMAS DIAGNÓSTICO O PA sensorioneural flutuantes; O Plenitude aural; O Zumbido; O Vertigem; O Desequilíbrio. O História O Exame clínico completo; O Teste de fístula + O Nistagmo; O Sensação de movimento. INTRODUÇÃO

4 TRATAMENTO O Repouso; O Elevação de cabeça; O Laxantes; O Evitar tosse/espirros. Timpanotomia exploradora e enxerto na janela oval e redonda. CLÍNICO: CIRÚRGICO:

5 Estudo retrospectivo de 3 casos de uma nova abordagem para tratamento de FISTULA PERILINFÁTICA quando ocorre falha no tratamento clínico.

6 O 2006 – 2008; O Aprovado pela Instituição (?); O 3 pacientes (estudo de casos) com exame clínico e diagnóstico consistente de fístula perilinfática traumática. O TODOS os sujeitos foram submetidos a injeção intratimpânica de sangue autólogo. METODOLOGIA

7 SUJEITO 1 O Lesão em OE após acidente automobiliístico – impactação do bleutooth na orelha 2 semanas antes de chegar ao serviço; O MT intacta; O Teste de fístula fortemente + e fenômeno de Túlio (vertigem na presença de sons de alta intensidade) ; O Após o tratamento os sintomas foram resolvidos no dia seguinte. REPOUSO

8 O Lesão em OE após queda enquanto praticava surf; O 6 meses de repouso sem melhora; O Chegou ao serviço 9 meses após a lesão; O Fenômeno de Túlio; O Sinal de Hennebert (nistagmo e vertigens induzidas por pressão + na orelha afetada) ; O TC normal (realizada para afastar hipótese de deisceência do canal semicircular); O Tratamento com a injeção intratimpânica; O Intraoperatório – proeminência óssea obscurecendo a membrana da janela redonda – enxerto em torno da proeminência. SUJEITO 2

9 O Lesão em OE causada por cotonete (perfuração de MT no quadrante póstero superior); O 20 semanas de gestação; O Vertigem severa; O Após o tratamento os sintomas foram resolvidos no dia seguinte. SUJEITO 3

10 O Anestesia local da MT; O Orifício controle no quadrante ântero superior da orelha afetada; O 0,5 ml de sangue autólogo injetado em uma parte do quadrante ântero superior com agulha espinal de calibre 25; O Paciente em posição semi reclinada por 20m para posicionar o sangue para as janelas redondas e ovais; O No S 3 o sangue foi introduzido através da perfuração da MT; O Follow up em 1 e 6 semanas após o tratamento e repetiram a audiometria. PROCEDIMENTOS

11 O S 1 e S 3 – apresentaram melhora já no dia seguinte e o teste de fístula no follow up foi negativo; O S 2 – melhora dos sintomas, mas ainda apresenta fenômeno de Túlio. RESULTADOS

12 O Sangue autólogo em patch não é novidade e já foram realizados outros estudos; O O sangue cobre as janelas e após alguns dias cria uma reação inflamatória que pode facilitar a formação de tecido de granulação e a adesão a tecidos adjacentes; O O tratamento com a injeção é uma opcão viável, barata, intermediária antes da intervenção cirúrgica; O Intervenção cirúrgica pode resultar em melhora dos sintomas vestibulares e perda auditiva; prevenir meningite potencial, no entanto, custo e risco; O Mais eficaz nas fístulas perilinfáticas agudas; O 95% intervalo de confiança; O Tamanho da amostra é pequeno; O Necessidade de pesquisa com amostra maior e grupo controle. DISCUSSÃO

13 CONCLUSÃO O O estudo aponta uma abordagem diferente do tratamento convencional; O Método fácil, baixo custo e rápido; O Cirurgia evitada em 2/3 casos apresentados.

14 REFERÊNCIAS 1. Bhansali SA. Perilymph fistula. Ear Nose Throat J 1989;68:11, 14–6, 21– House JW. Stapedectomy technique. Otolaryngol Clin N Am 1993;26: 389 – Shinohara T, Gyo K, Murakami S, et al. Blood patch therapy of the perilymphatic fistulas: an experimental study. Nippon Jibiinkoka Gak- kai Kaiho 1996;99:1104–9.


Carregar ppt "ARTIGO: INTRATIMPANIC INJECTION OF AUTOLOGUS BLOOD FOR TRAUMATIC PERILYNFATIC FISTULAS AUTORES : Rohit Garg, MD, MBA, and Hamid Reza Djalilian, MD, Irvine,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google