A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MAÇONARIA DO GOB-SC UM NOVO PERFIL MAÇONARIA DO GOB-SC UM NOVO PERFIL.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MAÇONARIA DO GOB-SC UM NOVO PERFIL MAÇONARIA DO GOB-SC UM NOVO PERFIL."— Transcrição da apresentação:

1 MAÇONARIA DO GOB-SC UM NOVO PERFIL MAÇONARIA DO GOB-SC UM NOVO PERFIL

2 QUESTÕES PARA DEBATERMOS E RESPONDERMOS: O QUE DESEJAMOS? QUALIDADE OU QUANTIDADE? OU QUEREMOS AMBOS?

3 PROPOSTAS PARA GOB-SC E LOJAS COM A INTENÇÃO DE MANTER OU MELHORAR O NÍVEL INTELECTUAL E MORAL DOS CANDIDATOS E, CONSEQUENTEMENTE DOS FUTUROS IRMÃOS, E DA ORDEM MAÇÔNICA EM GERAL, E VOLTARMOS A PARTICIPAR ATIVAMENTE NA SOCIEDADE, TEMOS ALGUMAS SUGESTÕES FACTÍVEIS, QUE PODEM SER EXECUTADAS POR TODAS AS LOJAS ISOLADAMENTE, E PELO GOB-SC / GOB

4 QUALIDADE DO MAÇOM NIVELADO POR CIMA QUALIDADE IMPLICA EM NÍVEL INTELECTUAL E MORAL, QUE DEVE SER CADA VEZ MAIS APURADO ( NIVELADO POR CIMA ). A META É TERMOS PESSOAS INTELECTUALMENTE CAPAZES DE COMPREENDER OS RITUAIS, A SIMBOLOGIA MAÇÔNICA, O QUE VIEMOS AQUI FAZER, QUE, DE FATO, NÃO SOMOS UMA RELIGIÃO, NEM VIEMOS BUSCAR ALIMENTAR VAIDADES, OBTER CARGOS, VAIDADES, GRAUS, MAS SIM, SERMOS PREPARADOS PARA SER ÚTEIS À SOCIEDADE.

5 É PRECISO FICAR CLARO QUE NÍVEL INTELECTUAL NADA TEM A VER COM DIPLOMAS, MAS COM COMPROMISSO, SERIEDADE E COM O CONHECIMENTO (VONTADE DE ESTUDAR E DEBATER OS TEMAS QUE SE NOS APRESENTAM). O ASPECTO MORAL TAMBÉM DEVE SER MAIS BEM APURADO NAS SINDICÂNCIAS, POIS É MUITO FALHO, EM QUASE TODAS AS LOJAS DE TODAS AS OBEDIÊNCIAS. MUITAS SÃO FEITAS POR TELEFONE OU COPIADAS DE OUTROS IRMÃOS.

6 -SUGESTÕES: Requerimento e sindicâncias CRIAR MÉTODOS ADITIVOS DA PROPOSTA DE ADMISSÃO E DA SINDICÂNCIA COM NOVAS PERGUNTAS, MAIS ATUALIZADAS E DE TESTES DE CAPACITAÇÃO INTELECTUAL, A FIM DE CONHECER A CAPACIDADE DE REDAÇÃO, INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS E LOCUÇÃO (ORALIDADE) DO CANDIDATO.

7 SINDICÂNCIAS - formulário As propostas e sindicâncias estão velhas em seu formato, perguntas defasadas, documentos solicitados que são desnecessários, (fotos, atestado de sanidade mental), ao passo que falta pedir prova sobre o trabalho do candidato, se é empresário, a situação da empresa, entre outros. Falta uma página com perguntas à esposa/noiva, para saber a opinião dela, se aprova ou não a decisão do marido/noivo, e a respeito da relação familiar sobre a ótica dela, sobre o comportamento do candidato. O mesmo na relação profissional.

8 Sindicância - extra SINDICÂNCIA EXTRA FEITA POR IRMÃO DE OUTRA LOJA DO ORIENTE, QUANDO POSSÍVEL, DETERMINADA PELO GM OU AUTORIDADE COMPETENTE – >>> COORDENDOR DA REGIÃO PARA INDICAR OU FAZER A SINDICÂNCIA. (interesse da Ordem) ENVIO DAS CERTIDÕES AO GOB-SC E OS PARECERES, PARA ANÁLISE (arquivo eletrônico), PORQUE AS LOJAS ESTÃO ESCONDENDO PEQUENOS DELITOS COMETIDOS PELOS CANDIDATOS QUE APARECEM NAS CERTIDÕES.

9 SUGESTÃO PARA LOJAS SEREM EFICIENTES MÉTODOS UTILIZADOS HOJE POR NOSSA LOJA, E QUE ENTENDEMOS, POSSAM SER UTILIZADOS POR OUTRAS E ATÉ MELHORADOS : -INSTRUÇÕES E TRABALHOS MAÇÔNICOS - PRESENÇAS E VISITAS - TELHAMENTO, COBRIDOR DO GRAU E QUESTIONÁRIO - DEBATES

10 CURSO DOS GRAUS MAÇÔNICOS - APRENDIZES: 18 MESES COM 16 TRABALHOS (um por mês) C/ APRESENTAÇÃO EM LOJA E DEBATE DAS PEÇAS E 8 VISITAS (no mínimo). - Eficiência cobrada de 85% de frequência (14 reuniões) - COMPANHEIROS: 12 MESES COM 10 TRABALHOS E 5 VISITAS - MESTRES: 3 TRABALHOS (do grau) E DEVEM APRESENTAR MAIS 3 TRABALHOS POR ANO COMO INSTRUÇÃO, UM EM CADA GRAU, NO MÍNIMO. Obs.- Os trabalhos apresentados após conferência dos mestres, pelo menos 3 por reunião, devem ser debatidos pelos irmãos. Reuniões são mensais + quinzenais de instrução, mês sim, mês não. Cada reunião tem 4 h com período de instrução de 3 h no mínimo. As de instrução com 2 a 3 h informais.

11 TELHAMENTO DE VISITANTES O APRENDIZ DEVE SABER O TELHAMENTO DE VISITANTES EM ATÉ 3 REUNIÕES JUNTAMENTE COM O COBRIDOR DO GRAU, DE COR. ( INCLUSIVE COM AS DIFERENÇAS DOS DEMAIS RITOS ). Obs. As Lojas devem cobrar o telhamento dos visitantes, pois é a lei, sem constrangimentos.

12 TELHAMENTO FINAL APRENDIZES E COMPANHEIROS PASSAM POR UM TELHAMENTO FINAL SOBRE AS INSTRUÇÕES (final do ritual), ONDE ELE RESPONDE ÀS PERGUNTAS, E MAIS ALGUMAS POR ESCRITO, UM MÊS ANTES DA ELEVAÇÃO OU EXALTAÇÃO, ESTANDO ASSIM PREPARADO EFETIVAMENTE PARA SER COMPANHEIRO OU MESTRE. (sabatina)

13 FREQUÊNCIA Frequência deve ser computada em cerca de 85% das sessões programadas pela Loja para cada curso de grau. Cada Loja deve saber quando seu aprendiz está pronto, experiente, maduro para começar a estudar mais profundamente um grau que exige mais conhecimento filosófico e que, geralmente temos menor numero de Mestres que saibam ensinar algo. Aí, teremos que segurá-los mais ainda para que estudem, pesquisem sozinhos se preciso for, mas não os deixem subir de grau por decurso de tempo apenas, lembrem-se que estão formando MESTRES (professores).

14 Hoje, provavelmente, os grandes males da maçonaria são: -Falta de cultura dos candidatos (massificação) -Descaso na formação da cultura maçônica dos novos IIr.´. (simbologia, história e filosofia) -Vaidade exacerbada ( graus/cargos/títulos )por falta de objetivos sociais/políticos concretos

15 DEBATES NAS SESSÕES, DEVE HAVER UM PERÍODO PARA DEBATES SOBRE ASSUNTOS DE INTERESSE SÓCIO- POLÍTICO, SEM SECTARISMOS, MAS QUE ENVOLVA OPINIÕES DE TODOS OS IRMÃOS, ONDE ELES DEVAM SE PRONUNCIAR POR UM TEMPO LIMITADO, MAS QUE TENHAM A OPORTUNIDADE DE APRESENTAR O QUE PENSAM, SEM CONSTRANGIMENTO E EXERCITANDO A ORATÓRIA. PARA TODOS OS IIR. ALÉM DOS DEBATES SOBR OS TRABALHOS SIMBÓLICOS DOS TRES GRAUS. MAÇOM SURDO-MUDO É INÚTIL À LOJA E À SOCIEDADE.

16 COMUNICAÇÃO E ORGANIZAÇÃODA LOJA UTILIZAÇÃO DE GRUPO DE MENSAGENS PARA RESOLVER ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS, EVITANDO USAR A ORDEM DO DIA PARA ESSES TEMAS. SÍTIO (site) COM TRABALHOS (acesso restrito) E LINKS COM OUTRAS LOJAS NACIONAIS E ESTRANGEIRAS. REALIZAR PALESTRAS PÚBLICAS E MAÇÔNICAS IMPORTANTE ELABORAR UM PLANEJAMENTO ANUAL FACTÍVEL E CUMPRI- LO À RISCA OU O MÁXIMO POSSÍVEL (Calendário, instruções, apresentações, palestras)

17 ERACS VOLTAR A DESENVOLVER ENCONTROS REGIONAIS OU MESMO MUNICIPAIS, DE LOJAS, DO GOB-SC OU MESMO COM OUTRAS OBEDIÊNCIAS PARA FORMAR O ERAC (ou similar), ONDE SE ESTUDA, INTEGRA, CONFRATERNIZA. Trabalhos maçônicos do primeiro grau e temas de interesse público-regional, para debate e reflexão dos irmãos e da sociedade (se for o caso)

18 INICIAÇÕES PREPARO DO CANDIDATO (entrevistas prévias): Falar sobre finanças/frequência/trabalhos/ eventos sociais familiares/visitas a outras Lojas, tudo o que é preciso para não haver surpresas. BRINCADEIRAS NO DIA DA INICIAÇÃO

19 FINALIDADE /OBJETIVO A FINALIDADE DO TRABALHO QUE PROPOMOS É A MELHORA ACENTUADA NA QUALIDADE DO MAÇOM QUE DEVE SER PREPARADO EM LOJA, QUE NÃO ESTÁ SENDO FEITO HÁ MUITOS ANOS NA MAÇONARIA BRASILEIRA (EM GERAL), PARA QUE ESSE POSSA SER O GRANDE LÍDER QUE NECESSITAMOS NA SOCIEDADE. COMECEMOS PELO GOB-SC! NÃO SE ESQUEÇAM QUE NOSSOS FILHOS E NETOS SERÃO NOSSOS HERDEIROS, NÃO SÓ DOS NOSSOS BENS, MAS DE NOSSOS VALORES TAMBÉM. ESTE É O DESAFIO QUE NOS CABE:

20 O QUE DEIXAREMOS PARA O FUTURO?


Carregar ppt "MAÇONARIA DO GOB-SC UM NOVO PERFIL MAÇONARIA DO GOB-SC UM NOVO PERFIL."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google