A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O Modelo de Auto- Avaliação das Bibliotecas Escolares… no contexto da Escola Agrupamento A Formanda/ Coordenadora:Mª Helena Brígida.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O Modelo de Auto- Avaliação das Bibliotecas Escolares… no contexto da Escola Agrupamento A Formanda/ Coordenadora:Mª Helena Brígida."— Transcrição da apresentação:

1 O Modelo de Auto- Avaliação das Bibliotecas Escolares… no contexto da Escola Agrupamento A Formanda/ Coordenadora:Mª Helena Brígida

2 O que aconteceu? Inicia-se o Projecto lançar em rede tendo por base um conceito central: a biblioteca escolar constitui um contributo essencial para o sucesso educativo, sendo um recurso essencial para o ensino e para a aprendizagem.(1) 1997/98 - A escola integra a rede, passando a ser uma das escolas do Crescer em Rede. O que está a acontecer? 2007/08 - A escola integra um grupo de testagem de um novo modelo de Auto- Avaliação das Bibliotecas Escolares Portuguesas.

3 Por que estamos a fazer isto? Objectivos: Avaliar o trabalho/ impacto da BE na comunidade educativa Identificar pontos Fortes/ Fracos Propor acções Para melhoria

4 Como é que a auto- avaliação está a ser feita? Etapas do processo: Aplicação do Modelo de Auto-avaliação da RBE por um período de 4 anos correspondente a 4 domínios: A - Apoio ao Desenvolvimento Curricular B - Leitura e Literacias C - Projectos Parcerias e Actividades Livres e de abertura à Comunidade D - Gestão da Biblioteca Escolar Nota: 1º domínio avaliado / domínio D- escolha concretizada em reunião entre a Coordenadora da BE, a Coordenador Interconcelhia RBE e o Presidente do CE.

5 Recolha de evidências: Fases do processo: 1ª Fase - recolha de evidências: questionário a alunos e professores (Comunidade Educativa) ; 2ª Fase - gestão e interpretação da informação recolhida (Equipa); 3ª Fase - Comunicação dos resultados do Relatório Final de Auto-Avaliação/ Plano de Melhoria: discussão e aprovação em CP (Órgãos de Gestão).

6 Quais são os efeitos da auto- avaliação? Impacto na BE: A avaliação é um instrumento de melhoria da qualidade. Os resultados obtidos no processo de auto-avaliação devem, por isso, ser objecto de análise colectiva e de reflexão na escola/ agrupamento e originar medidas adequadas aos resultados obtidos (2) Nota: Acções para melhoria apresentadas em quadro síntese em CP

7 Impacto na Comunidade Educativa: O que verdadeiramente interessa e fundamenta o papel e justifica a acção e a existência da Biblioteca escolar não são os processos, as acções e intenções que colocamos no seu funcionamento ou os processos implicados mas o resultado, o valores que eles acrescentam nas atitudes e nas competências dos utilizadores (3) Biblioteca Escolar Escola Sucesso Educativo Quais são os seus efeitos?

8 Cultura = Educação? Verificar o Impacto da BE na aprendizagem dos alunos: Turmas com maior índice de requisições domiciliárias de livros por ciclo: 1ºB, 5ºB e 8ºB Aproveitamento das turmas em 2007/08:

9 Avaliação da BE/ Avaliação da Escola: O relatório de Auto-avaliação da BE deve integrar o relatório anual de actividades da escola e originar uma súmula a incorporar no relatório de avaliação da escola e deve orientar o Coordenador na entrevista a realizar pela Inspecção-Geral de Educação. (1)

10 A Biblioteca, o coração da escola! Notas: 1 - Modelo de Auto-Avaliação da Bibliotecas Escolares RBE pag.1 e Modelo de Relatório Auto-Avaliação RBE pag Texto da Sessão: Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares: problemáticas e conceitos implicados pag Texto da Sessão: O Modelo de Auto-Avaliação no Contexto Escola Agrupamento


Carregar ppt "O Modelo de Auto- Avaliação das Bibliotecas Escolares… no contexto da Escola Agrupamento A Formanda/ Coordenadora:Mª Helena Brígida."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google