A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Caderno de Caça Os objectivos, as regras e o funcionamento da Alcateia 16.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Caderno de Caça Os objectivos, as regras e o funcionamento da Alcateia 16."— Transcrição da apresentação:

1 Caderno de Caça Os objectivos, as regras e o funcionamento da Alcateia 16

2 Caderno de Caça Os objectivos, as regras e o funcionamento da Alcateia 16

3 Caderno de Caça Os objectivos, as regras e o funcionamento da Alcateia 16 Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008

4 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008

5 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 O Agrupamento Organização do Agrupamento Secções Alcateia (6 aos 10 anos) – Chefia : João Martins Grupo Explorador (10 aos 14 anos) – Chefia : Sara Leitão Grupo Pioneiro (14 aos 18 anos) – Chefia : Marco Silveira Clã (18 aos 23 anos) – Chefia : Luis Cardoso

6 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 O Agrupamento Organização do Agrupamento Direcção Chefia das 4 secções; Secretário de Agrupamento; Tesoureiro de Agrupamento; Assistente de Agrupamento e Chefia de Agrupamento Património – Diogo Cardoso Secretaria – Bernardo Jericota Tesouraria – Jorge Vasconcelos Chefia de Agrupamento Chefe de Agrupamento – Marco Silveira Chefe de Agrupamento Adjunto – Paulo Couceiro

7 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 O Agrupamento Regulamento Interno Fardamento O Uniforme Escutista é obrigatório e completo em todas as actividades/reuniões. Apenas em campo ou situações ocasionais com pré-aviso, pode usar-se apenas o lenço. Quotas e Censos Só estão no efectivo do Agrupamento aqueles que se encontrem inscritos e com quotas pagas dentro dos prazos estipulados, sendo estes o que podem participar nas actividades.

8 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 O Agrupamento Actividades Fixas de Agrupamento Missas de Agrupamento Terceiro sábado de cada mês, na Celebração das 19h00, no Mosteiro dos Jerónimos Primeiro domingo de cada mês, na Capela das Dores, pelas 10h00 Angariações de Fundos Distribuição do Boletim da Junta Em princípio, o ultimo sábado de cada mês, pelas 10h00 nas Junta de Freguesia, sempre a confirmar. Venda de Calendários (Iº Trimestre) Arraial da Freguesia (Junho)

9 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 O Agrupamento Actividades Fixas de Agrupamento Caminhada de Advento Festa de Natal – Paróquia Acagrup S. Jorge Acareg

10 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 O Agrupamento Actividades Fixas de Agrupamento Caminhada de Advento Festa de Natal – Paróquia Acagrup S. Jorge Acareg A Alcateia

11 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Mística da Secção O Livro da Selva de Rudyard Kipling O Livro da Selva conta-nos a história de uma criança que é criada por uma alcateia, no centro da Selva Indiana, convivendo e aprendendo a sobreviver, a respeitar a natureza e a cumprir com a Lei da Selva, uma Lei que ajuda na relação com os outros e na vivência em sociedade. Uma espécie de fábula, que transporta a personalidade dos animais para o nosso mundo… ou vice-versa. Na Alcateia vivemos segundo esta temática, os lobitos, são criados como foi criado Maugli, uma vez que fazendo parte da Alcateia, é mais um Lobo! Cada animador é um dos animais da selva, admitindo as características deste, como suas. As nossas regras, a nossa Lei, é a Lei da Alcateia.

12 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia A Lei da Alcateia O Lobito escuta Aquelá O Lobito não se escuta a si próprio. Máximas da Alcateia O Lobito pensa primeiro no seu semelhante O Lobito sabe ver e ouvir O Lobito é asseado O Lobito é verdadeiro O Lobito é alegre

13 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia A Fé S. Francisco de Assis A Alcateia tem como padroeiro S. Francisco de Assis, pelo seu exemplo de força e boa vontade. Francisco, filho de um pai rico, renegou à riqueza do seu pai para seguir um chamamento que lhe dizia para construir uma nova Igreja e ele construiu, uma nova Igreja em forma de Templo e uma nova Igreja ideológica, uma nova Igreja de Boa Vontade e de sacrifício pelo próximo. Na sua história, Francisco de Assis, encontra-se com um Lobo que andava a perturbar uma Aldeia e convenceu-o a abandonar aquele local, através da palavra e da compreensão.

14 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Objectivos Assumindo que as crianças, na idade de Lobito estão ainda na segunda fase de socialização e no auge da aquisição de regras sociais, sabendo que é a idade mais caracterizada pela curiosidade e pelo apego ao exemplo dos mais velhos, seguindo os passos dos seus modelos, socializando ainda pela imitação e dedicando toda a sua intenção às actividades para os quais são motivados pelos mesmos, temos como objectivos gerais para este ano a seguinte proposta:

15 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Objectivos Integrar os novos elementos no grupo existente, bem como no agrupamento Dar a conhecer aos novos elementos os princípios básicos da vivência escutista Fomentar no grupo a interacção entre os pares, o trabalho colectivo, bem como o reconhecimento do papel de cada um na Alcateia Reforçar o método de projecto, dando cada vez, aos elementos, uma voz activa na escolha dos objectivos, dos caminhos para os alcançar bem como uma mais consciente participação na realização dos mesmos e sua posterior avaliação Desenvolver o respeito pela natureza, incutindo uma maior vontade de estar em campo Promover o desenvolvimento individual, como forma de preparação para um futuro sujeito activo, crítico e participativo no escutismo e comunidade Estimular o desenvolvimento de competências sociais básicas como o respeito pelo próximo, inter-ajuda e responsabilidade Trabalhar a capacidade de autonomia e independência quer nas suas decisões, quer na realização das tarefas a serem realizadas Incutir nos Encarregados de Educação um espírito de responsabilidade reforçando o papel educativo do escutismo no desenvolvimento das crianças

16 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Objectivos E para atingir estes objectivos, propomos o seguinte caminho (objectivos específicos): Realização de, pelo menos, 2 acantonamentos e 4 acampamentos nos quais serão desenvolvidas noções básicas de técnicas escutistas em campo (nós, construção, montagem de tendas, cozinha, segurança…) Reforçar: formatura, saudação, lei e máximas da alcateia. Realizar ateliers para cargos de forma a aprofundar o conhecimento sobre as funções desempenhas nos bandos Desenvolver um projecto de Caçada e conjunto com os elementos da alcateia que vá de encontro às suas expectativas e que seja um reforço à sua formação pessoal Dedicar mais tempo à mística da secção, concretamente ao Livro da Selva Aprofundar a Animação da Fé, através de ateliers Participar em todas as actividades de Agrupamento, Núcleo e Região, propostas em calendário Realizar 3 reuniões de esclarecimento, informação e avaliação, com os Encarregados de Educação (início do ano, intermédia e final) Dinamizar, pelo menos, uma actividade para o Agrupamento (data a definir)

17 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Caçada - Método Projecto A Metodologia de Projecto assenta sobre os seguintes passos: 1.Introdução 2.Formulação do Problema 3.Pesquisa 4.Apresentação 5.Avaliação No Lobitismo, esse Projecto é a Caçada e definimos para esta os passos: 1.Escolha da Temática 2.Definição de Objectivos 3.Preparação das Actividades 4.Realização das Actividades 5.Avaliação

18 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Caçada - Portugal Rural Este ano, a Grande Caçada da Alcateia 16 é Portugal Rural, dando a conhecer aos Lobitos as tradições e a individualidade cultural de cada região do país, desde os Pauliteiros de Miranda, aos Bolinhos de Amêndoa e Maçapão do Algarve. Desde a gastronomia, às danças, tradições religiosas, música, arquitectura, agricultura… tudo poderá ser trabalhado e apreendido durante este ano. O principal objectivo é que os nossos Lobitos, que na maioria têm pouco contacto com esta realidade, fiquem a saber um pouco mais sobre a história e a cultura do país onde vivem.

19 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Actividades Típicas da Iª Secção Jogos de Pista (introdução à orientação) Jogos de Cidade (enquadramento histórico e cultural) Jogos de Movimento (desenvolvimento motor) Jogos de Cultura (desenvolvimento intelectual e cultura geral) Jogos de contacto com a comunidade Jogos de aprendizagem de competências cívicas e sociais Acampamentos / Acantonamentos Visitas a Locais Históricos ou de Interesse Cultural Ateliers de Expressões Artísticas Ateliers de Contacto e Respeito pela Natureza Ateliers de Cargos ou Competências Específicas Na Alcateia vive-se principalmente O Jogo, não Jogo como objecto ou material, nem Jogo como simples entretenimento. O Jogo é entendido como toda a forma activa e participativa em que a brincar, competir, ou experimentar, se aprende. Na Alcateia, aprende-se brincando porque acreditamos que o primeiro passo para qualquer saudável aprendizagem, passa pelo gostar de aprender.

20 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Acampamento A actividade alta da Alcateia… O Acampamento, é para nós, o ponto máximo das actividades de Lobito, uma vez que é aqui que mais facilmente conseguimos pôr à experiência tudo o que trabalhámos com os Lobitos no Covil. É aqui que vamos trabalhar a independência e autonomia. É aqui que vamos trabalhar o estreitamento de relações entre os elementos dos bandos. É no acampamento que conseguimos fazer com que percebam que todos fazem parte de uma família, e que nesta família todos são necessários e imprescindíveis, desde o Guia ao Socorrista. Mas o acampamento tem muito mais:

21 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Acampamento É local de medos É local de emoções fortes É local de saudades É local de teste físico e emocional É local de ultrapassar dificuldades para as quais, muitos dos lobitos, não estão preparados, mas este é também o único local, propício para as enfrentar Regras de Acampamento: Material de Lobito Roupas Material Dispensável Medicamentos Visitas Contactos Alimentação Alergias / Doenças

22 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Funcionamento da Alcateia Regras de Assiduidade e Pontualidade -Por norma, os conselhos de Guia têm início às 14h30 e para os restantes elementos o Grande Uivo é as 15h. Sempre que um elemento chegue depois do Grande Uivo é considerado atraso. -Os lobitos são excluídos da terceira reunião a que chegarem atrasados. Na reunião seguinte podem voltar, mas a contagem recomeça: ao terceiro atraso serão novamente excluídos, e assim sucessivamente. -À terceira falta considerada injustificada pela equipa de animação, o lobito fica excluído do acampamento/acantonamento seguinte. A regra aplica-se mesmo que esse acampamento/acantonamento só se realize no trimestre seguinte. Depois da exclusão a contagem recomeça, segundo o mesmo sistema dos atrasos.

23 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Funcionamento da Alcateia Regras de Assiduidade e Pontualidade -Sempre que o Lobito não possa comparecer a uma actividade agradecemos que a equipa de animação seja avisada com a devida antecedência. -O horários marcados deverão ser cumpridos de forma a não condicionar a actividade preparada para os Lobitos. -Em qualquer actividade a equipa de animação não se responsabiliza por objectos de valor que sejam dispensáveis à realização da actividade em questão. -Os Lobitos devem ser entregues à Equipa de Animação da Alcateia, no Covil e NUNCA deixados ao portão. É a obrigação que quem entrega o Lobito, confirmar que este fica com alguém responsável e saber se há alguma informação a ser dada. O mesmo acontece no fim da actividade.

24 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Funcionamento da Alcateia Estrutura de Reunião Temos por hábito na Alcateia, em todas as actividades, seguir um gráfico de emoções. Nas reuniões usamos o mesmo: Emoções Tempo Recepção 2.Grande Uivo + Jogo 3.Trabalho 4.Lanche + Jogo 5.Avaliação do trabalho

25 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Funcionamento da Alcateia Secretaria – Ana Teresa Ferreirim A Secretaria da Secção está em consonância com a Secretaria do Agrupamento. A Secretaria da Secção tem como objectivos assegurar as questões legais e de segurança quer dos elementos como dos animadores, sendo que é responsável pela recolha dos documentos de identificação e de saúde dos mesmos, para que todos tenham a sua vida escutista organizada, quer ao nível dos censos, bem como do seguro escutista. Tem também a função de recolher os dados pessoais relevantes para a frequência das crianças no agrupamento (questões de pais divorciados; adopções em decurso; visitas de familiares ou conhecidos; vida cristã; e outros casos particulares) Tem ainda a função de organizar e actualizar a vida escutista dos elementos (sistema de progresso; noites de campo; organização da alcateia e dos bandos, cargos, competências e outros)

26 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Funcionamento da Alcateia Tesouraria – Jorge Vasconcelos A Tesouraria da Secção está articulada com a Tesouraria do Agrupamento. A Tesouraria da Secção tem como objectivos assegurar as questões financeiras da Secção. É responsável pelas angariações de fundos, orçamento de actividades, recebimento de pagamentos de actividades da secção, de material específico. Tem também a função de recolher os dados pessoais relevantes ao nível económico para a frequência das crianças na Alcateia.

27 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Funcionamento da Alcateia Chefia – João Martins O chefe da Alcateia tem como principais funções a de organizar e articular a equipa de animação e responder por toda e qualquer questão relacionada com a Alcateia, seus elementos ou seus animadores. A chefia da Alcateia tem a responsabilidade pedagógica e organizativa da secção. É também a parte responsável pelo contacto com os Pais e Encarregados de Educação.

28 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Funcionamento da Alcateia Relações Públicas – Miguel Martins Tem a responsabilidade dos contactos para fora da Alcateia, quer para preparação de actividades, transportes, informações de locais, etc… Guarda Material – Rita Miguel É o responsável por todo o material da secção em inventário de agrupamento e todo o material específico da secção ou dos lobitos.

29 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Funcionamento da Alcateia Relações Públicas – Miguel Martins Tem a responsabilidade dos contactos para fora da Alcateia, quer para preparação de actividades, transportes, informações de locais, etc… Guarda Material – Rita Miguel É o responsável por todo o material da secção em inventário de agrupamento e todo o material específico da secção ou dos lobitos.

30 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Funcionamento da Alcateia Programas e Relatórios A Alcateia, Lobitos e Animadores, na primeira reunião de cada trimestre fazem o programa, que depois de aprovado em direcção, é entregue a cada Encarregado de Educação. Antes de cada actividade, os mesmos serão informados das condições da actividade e seu programa. No fim de cada actividade é feito um relatório que estará também sempre disponível para consulta. O Programa poderá sofrer alterações (sempre com aviso antecipado). Todas estas informações estão, habitualmente, disponíveis, quer no Blog da Alcateia, quer no site do Agrupamento. As fotografias das actividades estão disponíveis no PicasaWeb do Agrupamento para consulta de todos.

31 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Programa do Iº Trimestre MêsDia Outubro4 Abertura do Ano 11 Reunião sede: Apresentação da caçada, dos cartazes e do caderno de caça. 18 Passeio na Natureza com jogo de Pistas Jota/Joti(10h Serafina) 24, 25, 26 Fescut dia h Casa Pia) Novembro1 Local Histórico; Reunião de Pais. 8, 9 Acampamento: Local: Bom- Jardim Temática: Dança. 15 Jogo de Cidade; Missa. 22 Teatro.(Teatro de Carnide) 29, 30, 1 Actividade de Advento Dezembro6 Visita a Museu. 13 Livre 19 a 22 Acanat Local :

32 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Funcionamento da Alcateia Alcateia Virtual Blog Site do Agrupamento PicasaWeb

33 Caderno de Caça Reunião de Pais e Encarregados de Educação 1 de Novembro de 2008 A Alcateia Funcionamento da Alcateia Alcateia Virtual Blog Site do Agrupamento PicasaWeb


Carregar ppt "Caderno de Caça Os objectivos, as regras e o funcionamento da Alcateia 16."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google