A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

REUNIÃO ADMINISTRATIVA E PEDAGÓGICA Valéria Aparecida Dias Lacerda de Resende Coordenadora Adjunta.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "REUNIÃO ADMINISTRATIVA E PEDAGÓGICA Valéria Aparecida Dias Lacerda de Resende Coordenadora Adjunta."— Transcrição da apresentação:

1 REUNIÃO ADMINISTRATIVA E PEDAGÓGICA Valéria Aparecida Dias Lacerda de Resende Coordenadora Adjunta

2 Ler significa reler e compreender, interpretar. Cada um lê com os olhos que tem. E interpreta a partir de onde os pés pisam. Todo ponto de vista é a vista de um ponto. Leonardo Boff

3

4 COMUNICAÇÃO MUNICÍPIO /SME/ COORDENADORES MUNICIPAIS ORIENTADORES DE ESTUDO/ PROFESSORES ALFABETIZADORES/ ESCOLA MEC IFE/UFU GRUPO GESTOR/ FORMADORAS

5 MONITORAMENTO AVALIAÇÃO

6 III. Avaliação/ monitoramento Este eixo reúne três componentes principais: avaliações processuais: Provinha Brasil de cada criança, no início e no final do 2º ano; Avaliação externa universal, aplicada pelo INEP, aos alunos concluintes do 3º ano;

7 AVALIAÇÕES PROCESSUAIS Segundo o Caderno de Avaliação do Pacto, o princípio de Avaliação é a intencionalidade, é ação intencional/planejada que se dá de modo multidirecional e envolve vários sujeitos ( Formadoras- Orientadores de estudo-Professor alfabetizador- Alunos. Esse envolvimento visa à construção de um sistema integrado de co-avaliação, no qual o planejamento docente se constitui como uma ferramenta essencial ao processo, assim como acompanhar/ monitorar/ realinhar todas as fases de avaliação que orienta as ações. Esse modelo integrado de avaliação desenvolve-se, portanto, como parte do planejamento e das atribuições de todos os envolvidos no Pacto.

8 IFES FORMADORA Estratégias formativas por meio de atividades permanentes e diversificadas; Sugestões de atividades para os encontros; Tarefas de casa;

9 Cronograma das ações formativas no município

10 REGISTRO MENSAL DOS ENCONTROS

11 Avaliação das ações do dia Ficha de Avaliação/ monitoramento

12

13 ORIENTADORES DE ESTUDO- avaliação e monitoramento De acordo com a Resolução/CD/FNDE nº 4, de 27 de fevereiro de 2013 III - DAS ATRIBUIÇÕES DOS PARTICIPANTES DA FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES ALFABETIZADORES Art. 15. São atribuições dos participantes da Formação Continuada de Professores Alfabetizadores: [...] VI - do orientador de estudo: a); b); c); d) planejar e avaliar os encontros de formação junto aos professores alfabetizadores;

14 e)acompanhar a prática pedagógica dos professores alfabetizadores; f) avaliar os professores alfabetizadores cursistas quanto à frequência, à participação e ao acompanhamento dos estudantes, registrando as informações no SisPacto; g); h) analisar os relatórios das turmas de professores alfabetizadores e orientar os encaminhamentos; i) manter registro de atividades dos professores alfabetizadores em suas turmas de alfabetização; j);e k) apresentar à IES formadora os relatórios pedagógico e gerencial das atividades referentes à formação dos professores alfabetizadores;

15 d) planejar e avaliar os encontros de formação junto aos professores alfabetizadores; Para além das orientações já compartilhadas nos Seminários de Acompanhamento, foi entregue o documento Orientações importantes para o trabalho de avaliação e registros junto aos professores alfabetizadores que apresenta um norte para o trabalho.

16 Orientar o planejamento do ensino na alfabetização, analisando e criando propostas de organização de rotinas da alfabetização na perspectiva do letramento; Orientar e acompanhar o professor sobre a importância de organizar diferentes agrupamentos em sala de aula, adequando os modos de organização da turma aos objetivos pretendidos; Orientar a criação de um ambiente alfabetizador, que favoreça a aprendizagem das crianças; Orientar sobre a importância da literatura nos anos iniciais do Ensino Fundamental e planejar situações de uso de obras literárias em sala de aula;

17 Orientar o entendimento das relações entre consciência fonológica e alfabetização, analisando e planejando atividades de reflexão fonológica e gráfica de palavras, utilizando materiais distribuídos pelo MEC junto aos professores, Orientar sobre a importância do uso de jogos e brincadeiras no processo de apropriação do sistema alfabético de escrita, acompanhar o planejamento de aulas em que os jogos sejam incluídos como recursos didáticos; Orientar, analisar e planejar junto com os professores projetos didáticos e seqüências didáticas para turmas de alfabetização Orientar sobre a importância de avaliações contínuas na sala de aula,conduzidas pelos próprios professores, utilizando instrumentos de avaliação e de registro de aprendizagem; Acompanhar e planejar a aplicação das atividades diagnósticas ;

18 Além desses aportes, foi solicitado o estudo e uso do caderno de avaliação, que não se encontra no kit do MEC.

19

20 e)acompanhar a prática pedagógica dos professores alfabetizadores; Como? Um dos requisitos para ser OE foi: V- ter disponibilidade para dedicar-se ao curso de formação e à multiplicação junto aos professores alfabetizadores ( cf. PORTARIA Nº 1.458, DE 14 DE DEZEMBRO DE 2012)

21 Respeitando às especificidades de cada município e às atribuições, competências e funções de cada ente envolvido, esperamos que, nesse segundo semestre, o OE faça visitas técnicas, acompanhe o desenvolvimento de atividades junto ao professor e crianças. Para isto, é fundamental que os princípios da co- avaliação, monitoramento e acompanhamento estejam em sintonia com todos do município para articular esforços para a realização dessa etapa do Pacto.

22 Será encaminhado um instrumental de monitoramento das ações de acompanhamento da prática pedagógica dos professores alfabetizadores nos municípios; Será solicitado como uma das atividades de monitoramento/IFEs o registro dos planos de ações de intervenção elaborados em conjunto pelo OE e o professor/alfabetizador diante da realidade da sala de aula; Balizados nas dimensões de co-avaliação, de cooperação, de co- responsabilidade que estamos efetivando o eixo de Avaliação processual.

23 Professor-alfabetizador Que o Professor Alfabetizador aplique os diagnósticos de agosto e novembro; Que o Professor Alfabetizador faça os consolidados dos mesmos, detectando em sua sala de aula os níveis em que se encontram seus alunos; Que o Professor Alfabetizador elabore atividades de intervenção com base no resultado do diagnóstico aplicado (pode ser um projeto, uma seqüência didática, etc);

24 Que o Professor Alfabetizador organize diferentes agrupamentos em sala de aula, adequando os modos de organização da turma aos objetivos pretendidos com a atividade elaborada; Que o Professor Alfabetizador faça registros das intervenção. (O registro deve apresentar principalmente como o professor explorou todos os eixos do componente curricular de Língua Portuguesa e com qual frequência e profundidade foi trabalhado).

25 Por fim, reiteramos que esses apontamentos atendem às orientações gerais do Pacto e aos princípios desta instituição, representada pelo grupo gestor, Formadoras e grupo de apoio.

26 COMUNICAÇÃO MUNICÍPIO /SME/ COORDENADORES MUNICIPAIS ORIENTADORES DE ESTUDO/ PROFESSORES ALFABETIZADORES/ ESCOLA MEC IFE/UFU GRUPO GESTOR/ FORMADORAS


Carregar ppt "REUNIÃO ADMINISTRATIVA E PEDAGÓGICA Valéria Aparecida Dias Lacerda de Resende Coordenadora Adjunta."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google