A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Risco cardiovascular e aterosclerose na Artrite Reumatóide Paulo Nicola Médico, investigador Unidade de Epidemiologia Instituto de Medicina Preventiva.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Risco cardiovascular e aterosclerose na Artrite Reumatóide Paulo Nicola Médico, investigador Unidade de Epidemiologia Instituto de Medicina Preventiva."— Transcrição da apresentação:

1 Risco cardiovascular e aterosclerose na Artrite Reumatóide Paulo Nicola Médico, investigador Unidade de Epidemiologia Instituto de Medicina Preventiva Faculdade de Medicina de Lisboa European League Against Rheumatism (EULAR) Taskforce Recommendations for Cardiovascular Risk Management in Rheumatoid Arthritis

2 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Doença cardiovascular: principal causa de morte! OBOBS – De que se morre em Portugal. As principais causas de morte de 1990 a 1999, INSA, 2002

3 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Doença cardiovascular: principal causa de morte! OBOBS – De que se morre em Portugal. As principais causas de morte de 1990 a 1999, INSA, 2002 Taxas de mortalidade (10 5 hab) pelas principais causas de morte Entre os 55 e os 64 anosAcima dos 75 anos Acidente vascular cerebral Enfarto Agudo do miocárdio Insuficiência cardíaca

4 IX Jornadas da A.N.D.A.R. A aterosclerose é o principal processo conducente à doença cardiovascular Ross, New Engl J Med 1999;340:155

5 IX Jornadas da A.N.D.A.R. A aterosclerose é o principal processo conducente à doença cardiovascular Disfunção endotelial Ross, New Engl J Med 1999;340:155

6 IX Jornadas da A.N.D.A.R. A aterosclerose é o principal processo conducente à doença cardiovascular Disfunção endotelial Formação de placas Ross, New Engl J Med 1999;340:155

7 IX Jornadas da A.N.D.A.R. A aterosclerose é o principal processo conducente à doença cardiovascular Disfunção endotelial Formação de placas Ross, New Engl J Med 1999;340:155

8 IX Jornadas da A.N.D.A.R. A aterosclerose é o principal processo conducente à doença cardiovascular Disfunção endotelial Formação de placas Instabilidade e ruptura Ross, New Engl J Med 1999;340:155

9 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Factores de risco cardiovasculares Idade Sexo Obesidade Sedentarismo Tabagismo Excesso de gordura no sangue (dislipidémia) Hipertensão arterial Diabetes …

10 IX Jornadas da A.N.D.A.R. O que é o risco cardiovascular? Pocock SJ. BMJ 2001;323;75-81

11 IX Jornadas da A.N.D.A.R. O QUE JÁ EXISTE? Cobb S, et al. N Engl J Med 1953; 248: 553 It has often been said that the way to live a long life is to acquire rheumatism. The present investigation was designed to test this piece of folklore. (…)

12 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Excesso de mortalidade na AR Nicola PJ et al. Resultados não publicados Taxa de mortalidade padronizada, de acordo com o ano de publicação Taxa de mortalidade padronizada

13 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Excesso de mortalidade na AR Nicola PJ et al. Resultados não publicados Taxa de mortalidade padronizada, de acordo com o ano de publicação Taxa de mortalidade padronizada

14 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Doenças associadas com o excesso de mortalidade na AR Doenças cardiovasculares Enfarte do miocárdio Insuficiência cardíaca Morte súbita Doenças infecciosas Sépsis Pneumonia Doenças / alterações renais Amiloidose Microalbuminuria Proteinuria Doenças Gastrointestinais Úlcera péptica Doenças neoplásicas Leucémia / linfoma

15 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Doenças associadas com o excesso de mortalidade na AR Doenças cardiovasculares Enfarte do miocárdio Insuficiência cardíaca Morte súbita Doenças infecciosas Sépsis Pneumonia Doenças / alterações renais Amiloidose Microalbuminuria Proteinuria Doenças Gastrointestinais Úlcera péptica Doenças neoplásicas Leucémia / linfoma ~40-50% de todas as mortes

16 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Lesões cardiovascular directas Pericardite

17 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Lesões cardiovascular directas Pericardite Miocardite

18 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Lesões cardiovascular directas Pericardite Miocardite Vasculite vasculite Normal Vaso sanguíneo Inflamação

19 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Lesões cardiovascular directas Pericardite Miocardite Vasculite Alterações valvulares Fluxo normal Normal Regurgitação

20 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Atherosclerosis is an inflammatory disease. Ross, New Engl J Med 1999;340:155 Nos últimos 10 anos… A aterosclerose é uma doença inflamatória

21 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Disfunção endotelial Formação de placas Instabilidade e ruptura Ross, New Engl J Med 1999;340:155 Nos últimos 10 anos… A aterosclerose é uma doença inflamatória

22 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Factores inflamatórios mais elevados no sangue estão associados a maior risco de doença cardiovascular Nos últimos 10 anos… A aterosclerose é uma doença inflamatória

23 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Factores inflamatórios mais elevados no sangue estão associados a maior risco de doença cardiovascular Nos últimos 10 anos… A aterosclerose é uma doença inflamatória

24 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Nos últimos 10 anos… A aterosclerose é uma doença inflamatória Factores inflamatórios mais elevados no sangue estão associados a maior risco de doença cardiovascular Metade dos ataques cardíacos (enfartes do miocárdio) ocorrem em pessoas com níveis normais de gordura (lípidos) no sangue

25 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Nos últimos 10 anos… A aterosclerose é uma doença inflamatória Factores inflamatórios mais elevados no sangue estão associados a maior risco de doença cardiovascular Metade dos ataques cardíacos (enfartes do miocárdio) ocorrem em pessoas com níveis normais de gordura (lípidos) no sangue Doenças inflamatórias podem estar associadas a um maior risco cardiovascular. Artrite reumatóide Lúpus Espondilite anquilosante Etc.

26 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Doença CV ao longo da Artrite Reumatóide… Enfarte não reconhecido Maradit-Kremers H et al. Arthritis Rheum Feb;52(2):402-11

27 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Doença CV ao longo da Artrite Reumatóide… Enfarte não reconhecido Morte Súbita Maradit-Kremers H et al. Arthritis Rheum Feb;52(2):402-11

28 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Doença CV ao longo da Artrite Reumatóide… Maradit-Kremers H et al. Arthritis Rheum Feb;52(2): Enfarte não reconhecido Morte Súbita Angina do peito

29 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Risco cardiovascular na Artrite Reumatóide Comparação das categorias de risco cardiovascular entre individuos com e sem artrite reumatóide, segundo a idade Kremers HM, e col. Arthritis Rheum Aug;58:2268

30 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Baseado no calculo do risco absoluto e global Pocock SJ. BMJ 2001;323;75-81 Como se pensa, actualmente, a prevenção das doenças CV?

31 IX Jornadas da A.N.D.A.R. O controlo intensivo dos factores de risco CV é benéfico: mesmo abaixo do normal! Como se pensa, actualmente, a prevenção das doenças CV?

32 IX Jornadas da A.N.D.A.R. O controlo intensivo dos factores de risco CV é benéfico: mesmo abaixo do normal! Como se pensa, actualmente, a prevenção das doenças CV?

33 IX Jornadas da A.N.D.A.R. O controlo intensivo dos factores de risco CV é benéfico: mesmo em indivíduos de baixo risco! Como se pensa, actualmente, a prevenção das doenças CV?

34 IX Jornadas da A.N.D.A.R. O controlo intensivo dos factores de risco CV é benéfico: mesmo em indivíduos de baixo risco! Como se pensa, actualmente, a prevenção das doenças CV?

35 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Os factores de risco aglomeram-se (síndrome metabólica) e interagem / potenciam-se (marcadores inflamatórios). Como se pensa, actualmente, a prevenção das doenças CV?

36 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Os factores de risco aglomeram-se (síndrome metabólica) e interagem / potenciam-se (marcadores inflamatórios). Número de componentes da Síndrome Metabólica Proteí na C reactiva (mg/L)) Ridker PM et al. Circulation 2003;107:391– p-trend <.0001 n= n= n=3152 n=2292 n=1135 n=170 Distribuição dos níveis de PCR de acordo com o número de componentes da SM Como se pensa, actualmente, a prevenção das doenças CV?

37 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para quem tem artrite reumatóide…

38 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para quem tem artrite reumatóide… 1.É preciso atender para além da doença reumática, e para além das articulações

39 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para quem tem artrite reumatóide… 1.É preciso atender para além da doença reumática, e para além das articulações 1.Uma vida globalmente saudável

40 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para quem tem artrite reumatóide… 1.É preciso atender para além da doença reumática, e para além das articulações 1.Uma vida globalmente saudável 2.Atacar as crises logo de início, ser exigente para com o controlo da doença

41 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para quem tem artrite reumatóide… 1.É preciso atender para além da doença reumática, e para além das articulações 1.Uma vida globalmente saudável 2.Atacar as crises logo de início, ser exigente para com o controlo da doença 3.Aderir à medicação e à vigilância médica

42 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para quem tem artrite reumatóide… 1.É preciso atender para além da doença reumática, e para além das articulações 1.Uma vida globalmente saudável 2.Atacar as crises logo de início, ser exigente para com o controlo da doença 3.Aderir à medicação e à vigilância médica 4.Dar a importância devida aos factores de risco cardiovasculares

43 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para quem cuida da artrite reumatóide…

44 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para quem cuida da artrite reumatóide… 1.Vigiar os factores de risco cardiovasculares 1.Actividade física 2.Controlo do peso 3.Dislipidémia (gordura no sangue) 4.Tabagismo 5.Excesso de sal 6.…

45 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para quem cuida da artrite reumatóide… 1.Vigiar os factores de risco cardiovasculares 2.Considerar que a artrite reumatóide é uma doença heterogénea 1.Factor reumatóide 2.Manifestações extra-articulares

46 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para quem cuida da artrite reumatóide… 1.Vigiar os factores de risco cardiovasculares 2.Considerar que a artrite reumatóide é uma doença heterogénea 3.Ser exigente com o controlo das doenças cardiovasculares 1.Hipertensão 2.Diabetes

47 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para quem cuida da artrite reumatóide… 1.Vigiar os factores de risco cardiovasculares 2.Considerar que a artrite reumatóide é uma doença heterogénea 3.Ser exigente com o controlo das doenças cardiovasculares 4.Alto grau de suspeição de doença cardiovascular 1.Angina de peito 2.Insuficiência cardíaca

48 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para quem investiga a artrite reumatóide…

49 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para quem investiga a artrite reumatóide… 1.Qual o valor adicional de se rastrearem doentes com artrite reumatóide para as doença cardiovasculares?

50 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para quem investiga a artrite reumatóide… 1.Qual o valor adicional de se rastrearem doentes com artrite reumatóide para as doença cardiovasculares? 2.Qual o valor adicional de se controlar a artrite reumatóide a partir dos marcadores inflamatórios (análises), para além da clínica?

51 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para quem investiga a artrite reumatóide… 1.Qual o valor adicional de se rastrearem doentes com artrite reumatóide para as doença cardiovasculares? 2.Qual o valor adicional de se controlar a artrite reumatóide a partir dos marcadores inflamatórios (análises), para além da clínica? 3.Como equilibrar o custo e o benefício do controlo dos factores de risco cardiovasculares na artrite reumatóide?

52 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para quem investiga a artrite reumatóide… 1.Qual o valor adicional de se rastrearem doentes com artrite reumatóide para as doença cardiovasculares? 2.Qual o valor adicional de se controlar a artrite reumatóide a partir dos marcadores inflamatórios (análises), para além da clínica? 3.Como equilibrar o custo e o benefício do controlo dos factores de risco cardiovasculares na artrite reumatóide? 4.Qual o impacto dos diferentes fármacos no controlo dos factores de risco cardiovasculares?

53 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para as associações de doentes

54 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para as associações de doentes 1.Qual o grau de sensibilização, conhecimento e atitudes dos indivíduos com artrite reumatóide, quanto ao seu risco cardiovascular?

55 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para as associações de doentes 1.Qual o grau de sensibilização, conhecimento e atitudes dos indivíduos com artrite reumatóide, quanto ao seu risco cardiovascular? 2.Como anda o controlo dos factores de risco cardiovascular nos doentes com artrite reumatóide?

56 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para as associações de doentes 1.Qual o grau de sensibilização, conhecimento e atitudes dos indivíduos com artrite reumatóide, quanto ao seu risco cardiovascular? 2.Como anda o controlo dos factores de risco cardiovascular nos doentes com artrite reumatóide? 3.Qual a facilidade de acesso à vigilância, cuidados médicos e fármacos?

57 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Implicações: para as associações de doentes 1.Qual o grau de sensibilização, conhecimento e atitudes dos indivíduos com artrite reumatóide, quanto ao seu risco cardiovascular? 2.Como anda o controlo dos factores de risco cardiovascular nos doentes com artrite reumatóide? 3.Qual a facilidade de acesso à vigilância, cuidados médicos e fármacos? 4.Qual a adesão dos profissionais de saúde às boas práticas de vigilância, diagnóstico e controlo dos factores de risco e da doença cardiovascular?

58 IX Jornadas da A.N.D.A.R. Excesso de mortalidade na AR Gonzalez A et al. Arthritis Rheum Nov;56(11): Taxa de mortalidade observada em doentes com Artrite Reumatóide vs esperada. HomensMulheres SMR: 1.12 (95% CI: 0.94, 1.33) SMR: 1.12 (95% CI: 0.94, 1.33) SMR: 1.49 (95% CI: 1.33, 1.66) SMR: 1.49 (95% CI: 1.33, 1.66)

59 Risco cardiovascular e aterosclerose na Artrite Reumatóide Sumário 1.Doença cardiovascular: principal causa de morte! 2.A aterosclerose é o principal processo conducente à doença cardiovascular 3.O que é o risco cardiovascular? 4.O que se passa na artrite reumatóide 5.Como se pensa, actualmente, a prevenção das doenças CV? 6.Implicações: 1.para quem tem artrite reumatóide 2.para quem cuida da artrite reumatóide 3.para quem investiga a artrite reumatóide 4.para as associações de doentes 7.Excesso de mortalidade na AR

60 Risco cardiovascular e aterosclerose na Artrite Reumatóide Sumário 1.Doença cardiovascular: principal causa de morte! 2.A aterosclerose é o principal processo conducente à doença cardiovascular 3.O que é o risco cardiovascular? 4.O que se passa na artrite reumatóide 5.Como se pensa, actualmente, a prevenção das doenças CV? 6.Implicações: 1.para quem tem artrite reumatóide 2.para quem cuida da artrite reumatóide 3.para quem investiga a artrite reumatóide 4.para as associações de doentes 7.Excesso de mortalidade na AR Obrigado.


Carregar ppt "Risco cardiovascular e aterosclerose na Artrite Reumatóide Paulo Nicola Médico, investigador Unidade de Epidemiologia Instituto de Medicina Preventiva."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google