A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MARIA GILVANISE DE OLIVEIRA PONTES UVA - Sobral Set/2010.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MARIA GILVANISE DE OLIVEIRA PONTES UVA - Sobral Set/2010."— Transcrição da apresentação:

1 MARIA GILVANISE DE OLIVEIRA PONTES UVA - Sobral Set/2010

2 Antecedentes da formação do professor de Matemática brasileiro Perspectiva para o curso de Licenciatura em Matemática no séc. XXI Desafios que cabem ao professor de Matemática hoje Sugestões aos professores de Matemática e aos alunos da Licenciatura em Matemática da UVA.

3 Formação em escolas militares – fins séc. XVII a XIX Formação de engenheiros com a criação das Escolas Politécnicas do RJ (1874) e de SP (1893) –. Até início sec. XX – professores de Matemática da escola secundária – bacharéis com formação militar ou em engenharia ou leigos; Esquema.Esquema 1934 – criação de bacharelado em Matemática na Faculdade de Filosofia Ciências e Letras – FFCL/USP; Quadro1Quadro 1939 – criação das Licenciaturas em Matemática = Matemática + Didática (3+1) – Faculdade Nacional de Filosofia – FNFi da Universidade do Brasil - RJ; Quadro 2 Quadro

4 Objetivo Geral: - Formar profissionais para o ensino de Matemática e para a Educação Matemática. Quatro Objetivos Específicos: 1. Contemplar três categorias de saber: disciplinar pedagógico-disciplinar (elo entre pesquisas sobre ensino e sobre aprendizagem) curricular 2. Visar o desenvolvimento profissional considerando: Os saberes da experiência Os desafios da sociedade atual (evolução tecnológica, progresso cientifico, mudanças sociais e culturais).

5 Objetivos Específicos: 3. Preparar o futuro docente para ser um pesquisador de sua prática nos campos de investigação: pensamento do professor e a influência de seu marco conceitual sobre sua ação; pensamento do aluno – idéias; dificuldades de aprendizagem; influência do meio social, cultural e afetivo da aprendizagem; motivação e interações; estratégias e/ou recursos de ensino: propostas curriculares, teorias da aprendizagem; contextos – escola, sala de aula, laboratório e outros; multiculturalismo – etnomatemática, gênero, discriminação; história da Matemática como origens das idéias matemáticas.

6 Objetivos Específicos: 4. Sedimentar o profissional versátil com: conhecimentos flexíveis e não fragmentados; atitudes críticas, criadoras e exploratórias; capacidade de comunicação oral, escrita e eletrônica, não só na língua materna; competência em fazer contextualização e interdisciplinaridade; capacidade de trabalhar em equipe.

7 leitura dos Parâmetros Curriculares Nacionais – PCNs (ensino fundamental e médio); Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil - RCNEI; Referencial Curricular Nacional para as Escolas Indígenas – RCNEI; Proposta Curricular para EJA –1º e 2º Segmentos; leitura de livros paradidáticos e romances clássicos (Malba Tahan, Monteiro Lobato, Lewis Carrol e outros ); intercâmbio entre o curso de formação e a escola de ensino fundamental e médio; participação em encontros, seminários e congressos; criação de laboratório de Matemática; oficinas, mini-cursos, seminários com professores da educação básica;

8 leitura de revistas de pesquisa em Educação Matemática e de revistas científicas como: Educação Matemática em Revista (SBEM); Zetetike (FE/UNICAMP); BOLEMA (UNESP/RC); análise de livros didáticos e das avaliações do Programa Nacional do Livro Didático - PNLD; elaboração e discussão de textos compartilhados (wiki, chats, por meio de cursos a distância - moodle) ; leitura de romances atuais e de obras que contam a História da Matemática: - A janela de Euclides; - O teorema do papagaio; - Tio Petros e a conjectura de Goldbach; - O romance das equações algébricas; - História concisa das matemáticas;

9 O último teorema de Fermat; Três excursões pela História da Matemática; Os números: a história de uma grande invenção; História universal dos algarismos; Conceitos fundamentais da Matemática (CARAÇA, ; Curso de História da Matemática: origens e desenvolvimento do cálculo; A Matemática no Brasil: História do seu desenvolvimento; Tópicos de história da Matemática para uso em sala de aula (vários volumes).

10 transformações na formação de professores; transformações nas práticas de sala de aula da educação básica; divulgação dos estudos e pesquisas que vêm sendo desenvolvidos (acesso nos sites das bibliotecas virtuais das universidades), nas bibliotecas da UECE, UFC, nas bibliotecas dos municípios de origem dos alunos do curso ou outras; fortalecimento da SBEM

11 Diretora – Maria Gilvanise de Oliveira Pontes – CED/UECE Vice-Diretora - Dalci de Sousa Araújo – UFS/IFCE-Pirambu Primeiro Secretário: Hermínio Borges Neto - UFC Segunda Secretária: Maria José Araújo Souza - UVA Terceiro Secretário: Jeanne d Arc de O. Passos – FECLI Primeira Tesoureira: Luciana de Lima – UFC Segundo Tesoureiro: Flávio Alexandre Falcão Nascimento – FAFIDAM Suplente: Zelalber Gondim Guimarães– URCA/ IFCE Juazeiro do Norte

12 Zona Norte: Benedita Marta G. Costa – UVA -Sobral Zona Sul: Bárbara Paula Bezerra Leite – URCA - Crato Centro-Sul: Francisco Camilo da Silva - IFCE/ Cedro Inhamuns: Ivoneide Pinheiro de Lima – FECLIN - Tauá Sertão Central: Francisco Edisom Eugenio de Sousa - FECLESC - Quixadá Zona Jaguaribana: Acácio Lima de Freitas – FAFIDAM – Limoeiro do Norte

13 Leiam muito, não apenas livros de conteúdo de Matemática Participem de grupos de estudo, de eventos científicos (congressos, encontros, seminários) Valorizem a vida acadêmica Façam seus curriculos lattes na Plataforma Lattes – Participem de pesquisas com seus orientadores Transformem a sua prática de sala de aula em um celeiro de investigação na área da Educação Matemática!!!

14 PAIVA, Maria Auxiliadora V. Saberes do professor de Matemática. Educação Matemática em Revista – Edição Especial – abr./2002. p PIRES, Célia M. C. Reflexões sobre os cursos de licenciatura em Matemática. Educação Matemática em Revista – Edição Especial – abr./2002. p PONTES, Maria Gilvanise de O. A formação de professores de Matemática. In: Formação e práticas docentes. Fortaleza: EdUECE, SILVA, Circe Mary S. da. A Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da USP e a formação de professores de Matemática. Anais da 23ª Reunião Anual da ANPED, SZTAJAN, Paola. O que precisa saber um professor de Matemática? Educação Matemática em Revista – Edição Especial – abr./2002. p VALENTE, Wagner Rodrigues. História da Matemática na Licenciatura Educação Matemática em Revista – Edição Especial – abr./2002. p

15

16

17


Carregar ppt "MARIA GILVANISE DE OLIVEIRA PONTES UVA - Sobral Set/2010."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google