A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA PROJETO SDA FORTE GESTÃO ESTRATÉGICA SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA Brasília, 27 de outubro de 2006.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA PROJETO SDA FORTE GESTÃO ESTRATÉGICA SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA Brasília, 27 de outubro de 2006."— Transcrição da apresentação:

1 1 SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA PROJETO SDA FORTE GESTÃO ESTRATÉGICA SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA Brasília, 27 de outubro de 2006

2 1.Apresentar o Mapa Estratégico da SDA. Objetivo

3 - O que é o Projeto SDA FORTE? - O que é o Projeto SDA FORTE? É um Projeto que visa adequar a SDA ao dinamismo do Agronegócio brasileiro. É composto por ações nos níveis: É um Projeto que visa adequar a SDA ao dinamismo do Agronegócio brasileiro. É composto por ações nos níveis: EstratégicoEstratégico TáticoTático OperacionalOperacional Visão Geral do Projeto SDA - FORTE

4 Estratégico Longo Prazo Tático Médio Prazo Operacional Curto Prazo Plano Executivo de Sanidade e Defesa Vegetal Levantamento de Demandas Modelo Global de Processos de Trabalho Projeto-Piloto – Mapear, Melhorar, Automatizar e Implantar um Processo de Trabalho Indicadores de Desempenho do Processo Piloto PE Mudança de Cultura IGPE Plano Executivo Saúde e Inspeção Sanitária Animal Processo de Gestão Estratégica Instrumento de Gestão do Plano Estratégico Visão Geral do Projeto SDA - FORTE

5 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo

6 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional

7 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz

8 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Desenvolver Cultura de Gestão Estratégica

9 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária

10 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação

11 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária Manter legislação de Defesa Agropecuária atualizada e harmonizada em toda a Federação

12 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Coordenação & Articulação Manter legislação de Defesa Agropecuária integrada em toda a Federação Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária

13 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Coordenação & Articulação Manter legislação de Defesa Agropecuária integrada em toda a Federação Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho

14 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Coordenação & Articulação Manter legislação de Defesa Agropecuária integrada em toda a Federação Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária Promover a educação sanitária

15 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Coordenação & Articulação Manter legislação de Defesa Agropecuária integrada em toda a Federação Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Gestão Operacional Promover a educação sanitária Implantar e manter o Sistema de Inteligência em Defesa Agropecuária

16 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Coordenação & Articulação Manter legislação de Defesa Agropecuária integrada em toda a Federação Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Implantar e Manter o Sistema de inteligência em Defesa Agropecuária Promover a educação sanitária Melhorar a comunicação com os públicos externos

17 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Coordenação & Articulação Manter legislação de Defesa Agropecuária integrada em toda a Federação Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Melhorar a comunicação com os públicos externos. Implantar e Manter o Sistema de inteligência em Defesa Agropecuária Promover a educação sanitária Comunicação & Informação Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária

18 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Coordenação & Articulação Manter legislação de Defesa Agropecuária integrada em toda a Federação Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Melhorar a comunicação com os públicos externos. Implantar e Manter o Sistema de inteligência em Defesa Agropecuária Promover a educação sanitária Comunicação & Informação Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Coordenar o Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária. Liderança Integração Uniformidade de procedimentos Autoridade

19 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Coordenação & Articulação Manter legislação de Defesa Agropecuária integrada em toda a Federação Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Pessoas Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Ambiente de TrabalhoInformação e Conhecimento Melhorar a comunicação com os públicos externos. Implantar e Manter o Sistema de inteligência em Defesa Agropecuária Promover a educação sanitária Comunicação & Informação Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Coordenar o Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária Liderança Integração Uniformidade de procedimentos Autoridade Ser excelente na prestação de serviços e aplicação da legislação Agilidade Impessoalidade Eqüidade Padronização

20 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Coordenar o Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária Liderança Integração Uniformidade de procedimentos Autoridade Ser excelente na prestação de serviços e aplicação da legislação Agilidade Impessoalidade Equidade Padronização Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Coordenação & Articulação Manter legislação de Defesa Agropecuária integrada em toda a Federação Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Pessoas Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Ambiente de TrabalhoInformação e Conhecimento Melhorar a comunicação com os públicos externos. Implantar e Manter o Sistema de inteligência em Defesa Agropecuária Promover a educação sanitária Comunicação & Informação Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Ser efetivo na prevenção, controle e erradicação de doenças e pragas Proatividade Garantia Segurança

21 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Coordenar o Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária Liderança Integração Uniformidade de procedimentos Autoridade Ser excelente na prestação de serviços e aplicação da legislação Agilidade Impessoalidade Equidade Padronização Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Coordenação & Articulação Manter legislação de Defesa Agropecuária integrada em toda a Federação Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Pessoas Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Ambiente de TrabalhoInformação e Conhecimento Melhorar a comunicação com os públicos externos. Implantar e Manter o Sistema de inteligência em Defesa Agropecuária Promover a educação sanitária Comunicação & Informação Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Ser efetivo na prevenção, controle e erradicação de doenças e pragas Proatividade Garantia Segurança Ser referência em informações de Defesa Agropecuária Disponibilidade Integração Clareza de interpretação

22 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Coordenar o Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária Liderança Integração Uniformidade de procedimentos Autoridade Ser excelente na prestação de serviços e aplicação da legislação Agilidade Impessoalidade Equidade Padronização Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Coordenação & Articulação Manter legislação de Defesa Agropecuária integrada em toda a Federação Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Pessoas Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Ambiente de TrabalhoInformação e Conhecimento Melhorar a comunicação com os públicos externos. Implantar e Manter o Sistema de inteligência em Defesa Agropecuária Promover a educação sanitária Comunicação & Informação Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Ser efetivo na prevenção, controle e erradicação de doenças e pragas Proatividade Garantia Segurança Disponibilidade Integração Clareza de interpretação Ser Referência em Informações de Defesa Agropecuária Estabelecer garantias de inocuidade, conformidade e qualidade dos produtos e insumos agropecuários Inspeção Fiscalização Rastreabilidade Processo

23 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Coordenar o Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária Liderança Integração Uniformidade de procedimentos Autoridade Ser excelente na prestação de serviços e aplicação da legislação Agilidade Impessoalidade Equidade Padronização Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Coordenação & Articulação Manter legislação de Defesa Agropecuária integrada em toda a Federação Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Pessoas Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Ambiente de TrabalhoInformação e Conhecimento Melhorar a comunicação com os públicos externos. Implantar e Manter o Sistema de inteligência em Defesa Agropecuária Promover a educação sanitária Comunicação & Informação Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Ser efetivo na prevenção, controle e erradicação de doenças e pragas Proatividade Garantia Segurança Disponibilidade Integração Clareza de interpretação Ser Referência em Informações de Defesa Agropecuária Contribuir para a valorização do patrimônio agropecuário do País. Vigilância Educação Sanitária Fiscalização Estabelecer garantias de inocuidade, conformidade e qualidade dos produtos e insumos agropecuários Inspeção Fiscalização Rastreabilidade Processo

24 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Coordenar o Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária Liderança Integração Uniformidade de procedimentos Autoridade Ser excelente na prestação de serviços e aplicação da legislação Agilidade Impessoalidade Equidade Padronização Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Coordenação & Articulação Manter legislação de Defesa Agropecuária integrada em toda a Federação Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Pessoas Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Ambiente de TrabalhoInformação e Conhecimento Melhorar a comunicação com os públicos externos. Implantar e Manter o Sistema de inteligência em Defesa Agropecuária Promover a educação sanitária Comunicação & Informação Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Ser efetivo na prevenção, controle e erradicação de doenças e pragas Proatividade Garantia Segurança Disponibilidade Integração Clareza de interpretação Ser Referência em Informações de Defesa Agropecuária Estabelecer garantias de inocuidade, conformidade e qualidade dos produtos e insumos agropecuários Inspeção Fiscalização Rastreabilidade Processo Contribuir para a valorização do patrimônio agropecuário do País Vigilância Educação Sanitária Fiscalização Obter reconhecimento e legitimidade junto à sociedade Interação Transparência Satisfação Compreensão

25 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Coordenar o Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária Liderança Integração Uniformidade de procedimentos Autoridade Ser excelente na prestação de serviços e aplicação da legislação Agilidade Impessoalidade Equidade Padronização Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Coordenação & Articulação Manter legislação de Defesa Agropecuária integrada em toda a Federação Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Pessoas Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Ambiente de TrabalhoInformação e Conhecimento Melhorar a comunicação com os públicos externos. Implantar e Manter o Sistema de inteligência em Defesa Agropecuária Promover a educação sanitária Comunicação & Informação Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Ser efetivo na prevenção, controle e erradicação de doenças e pragas Proatividade Garantia Segurança Disponibilidade Integração Clareza de interpretação Ser Referência em Informações de Defesa Agropecuária Estabelecer garantias de inocuidade, conformidade e qualidade dos produtos e insumos agropecuários Inspeção Fiscalização Rastreabilidade Processo Contribuir para a valorização do patrimônio agropecuário do País Vigilância Educação Sanitária Fiscalização Obter reconhecimento e legitimidade junto à sociedade

26 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Coordenar o Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária Liderança Integração Uniformidade de procedimentos Autoridade Ser excelente na prestação de serviços e aplicação da legislação Agilidade Impessoalidade Equidade Padronização Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Coordenação & Articulação Manter legislação de Defesa Agropecuária integrada em toda a Federação Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Pessoas Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Ambiente de TrabalhoInformação e Conhecimento Melhorar a comunicação com os públicos externos. Implantar e Manter o Sistema de inteligência em Defesa Agropecuária Promover a educação sanitária Comunicação & Informação Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Ser efetivo na prevenção, controle e erradicação de doenças e pragas Proatividade Garantia Segurança Disponibilidade Integração Clareza de interpretação Ser Referência em Informações de Defesa Agropecuária Estabelecer garantias de inocuidade, conformidade e qualidade dos produtos e insumos agropecuários Inspeção Fiscalização Rastreabilidade Processo Contribuir para a valorização do patrimônio agropecuário do País Vigilância Educação Sanitária Fiscalização Obter reconhecimento e legitimidade junto à sociedade Visão da SDA: Em 2015, a SDA será referência mundial em Defesa Agropecuária

27 Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Em 2015, a SDA será referência mundial em Defesa Agropecuária Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Coordenar o Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária Liderança Integração Uniformidade de procedimentos Autoridade Ser excelente na prestação de serviços e aplicação da legislação Agilidade Impessoalidade Equidade Padronização Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Coordenação & Articulação Manter legislação de Defesa Agropecuária integrada em toda a Federação Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Pessoas Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Ambiente de TrabalhoInformação e Conhecimento Melhorar a comunicação com os públicos externos. Implantar e Manter o Sistema de inteligência em Defesa Agropecuária Promover a educação sanitária Comunicação & Informação Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Ser efetivo na prevenção, controle e erradicação de doenças e pragas Proatividade Garantia Segurança Disponibilidade Integração Clareza de interpretação Ser Referência em Informações de Defesa Agropecuária Estabelecer garantias de inocuidade, conformidade e qualidade dos produtos e insumos agropecuários Inspeção Fiscalização Rastreabilidade Processo Contribuir para a valorização do patrimônio agropecuário do País Vigilância Educação Sanitária Fiscalização Obter reconhecimento e legitimidade junto à sociedade Missão do MAPA: Promover o Desenvolvimento Sustentável e a Competitividade do Agronegócio em Benefício da Sociedade Brasileira

28 Promover o desenvolvimento sustentável e a competitividade do agronegócio em benefício da sociedade brasileira Perspectiva do Agronegócio e Parceiros Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Em 2015, a SDA será referência mundial em Defesa Agropecuária Perspectiva da Sociedade PessoasAmbiente de TrabalhoInformação e Conhecimento e Governo Coordenar o Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária Liderança Integração Uniformidade de procedimentos Autoridade Ser excelente na prestação de serviços e aplicação da legislação Agilidade Impessoalidade Equidade Padronização Perspectiva de Processos Internos Perspectiva de Pessoas, Aprendizado e Crescimento Coordenação & Articulação Manter legislação de Defesa Agropecuária integrada em toda a Federação Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Pessoas Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Ambiente de TrabalhoInformação e Conhecimento Melhorar a comunicação com os públicos externos. Implantar e Manter o Sistema de inteligência em Defesa Agropecuária Promover a educação sanitária Comunicação & Informação Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Gestão Operacional Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Ser efetivo na prevenção, controle e erradicação de doenças e pragas Proatividade Garantia Segurança Disponibilidade Integração Clareza de interpretação Ser Referência em Informações de Defesa Agropecuária Estabelecer garantias de inocuidade, conformidade e qualidade dos produtos e insumos agropecuários Inspeção Fiscalização Rastreabilidade Processo Contribuir para a valorização do patrimônio agropecuário do País Vigilância Educação Sanitária Fiscalização Obter reconhecimento e legitimidade junto à sociedade

29 Inspeção Fiscalização Rastreabilidade Processo Descrição Estabelecer garantias para que os produtos agropecuários produzidos no país e os importados sejam seguros, conformes e de qualidade para o consumo interno e externo. Para tanto, é necessário controlar a qualidade e a segurança dos insumos utilizados nos processos produtivos. A atuação da SDA, em conjunto com os demais entes da Federação, em inspeção, regulação, auditoria, fiscalização, vigilância e supervisão será em toda a cadeia produtiva até o consumidor. Nome do IndicadorJustificativaFórmula Unidade de Medida Valor AtualMeta 2015 Estabelecer garantias de inocuidade, conformidade e qualidade dos produtos e insumos agropecuários

30 Contribuir para a valorização do patrimônio agropecuário do País. Vigilância Educação Sanitária Fiscalização Descrição Valorizar o patrimônio agropecuário nacional por meio da garantia e da credibilidade na segurança sanitária, na qualidade e na proteção do ambiente dos processos produtivos, visando ampliar a competitividade dos produtos agropecuários brasileiros no exterior e minimizar as perdas econômicas no mercado interno. Nome do IndicadorJustificativaFórmula Unidade de Medida Valor AtualMeta 2015

31 Obter reconhecimento e legitimidade junto à sociedade Interação Transparência Satisfação Compreensão Descrição O reconhecimento e legitimidade será o resultado da percepção e da posição alcançada pela SDA junto à sociedade em função das soluções e benefícios viabilizados para os setores do agronegócio, para o consumidor e para o País, decorrentes da qualidade e da relevância do trabalho desenvolvido. Nome do IndicadorJustificativaFórmula Unidade de Medida Valor AtualMeta 2015

32 Ser referência em informações de Defesa Agropecuária Disponibilidade Integração Clareza de interpretação Descrição A SDA será percebida como difusora de informações técnicas nacionais e internacionais relacionadas à Defesa Agropecuária, de forma ampla, clara, objetiva, coerente e em tempo hábil para que os agentes do agronegócio tomem decisões que ampliam suas posições no mercado. Envolve a garantia do acesso à legislação, dados do setor, atividades e resultados das ações dos órgãos de Defesa Agropecuária. Nome do IndicadorJustificativaFórmula Unidade de Medida Valor AtualMeta 2015

33 Ser efetivo na prevenção, controle e erradicação de doenças e pragas Proatividade Garantia Segurança Descrição Visa o alcance, a manutenção e a expansão de áreas livres de pragas e doenças. Prioritariamente, buscar-se-á a erradicação das pragas e doenças e a proteção contra pragas e doenças exóticas. Havendo impossibilidade da erradicação, serão adotados programas de prevenção, controle e vigilância sanitária e fitossanitária. Nome do IndicadorJustificativaFórmula Unidade de Medida Valor AtualMeta 2015

34 Ser excelente na prestação de serviços e aplicação da legislação Agilidade Impessoalidade Equidade Padronização Descrição A Secretaria de Defesa Agropecuária ofertará serviços e soluções que atendam às necessidades e pré-requisitos para o agronegócio e para o cidadão, disponibilizando produtos e serviços de qualidade com os atributos de padronização, impessoalidade, eqüidade, agilidade e transparência. Nome do IndicadorJustificativaFórmula Unidade de Medida Valor AtualMeta 2015

35 Coordenar o Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária. Liderança Integração Uniformidade de procedimentos Autoridade Descrição Ser efetivo na coordenação do Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária, contribuindo para o seu funcionamento harmonioso, integrado e articulado entre Estados, Distrito Federal e Municípios para o cumprimento e efetividade das suas atribuições estabelecidas pelo Decreto 5741/2006. Nome do IndicadorJustificativaFórmula Unidade de Medida Valor AtualMeta 2015

36 Melhorar a comunicação com os públicos externos Descrição Desenvolver diretrizes, normas, planos, produtos e ações de comunicação para ampliar e aperfeiçoar o relacionamento com os públicos externos e obter legitimidade e confiança. Nome do IndicadorJustificativaFórmula Unidade de Medida Valor AtualMeta 2015

37 Implantar e manter o Sistema de Inteligência em Defesa Agropecuária Descrição Implantar e manter o Sistema de Inteligência em Defesa Agropecuária visando a produção e armazenamento de informações estratégicas, técnicas e gerenciais, com o objetivo de apoiar a tomada de decisão para a formulação de políticas públicas e para fundamentar a ação de prevenção, controle e erradicação de doenças e pragas. Nome do IndicadorJustificativaFórmula Unidade de Medida Valor AtualMeta 2015

38 Promover a educação sanitária. Descrição Promover o processo ativo e contínuo de Educação Sanitária visando desenvolver consciência crítica na sociedade para que atue como agente de transformação na garantia da saúde animal, sanidade vegetal e à segurança e qualidade dos produtos e insumos agropecuários. Nome do IndicadorJustificativaFórmula Unidade de Medida Valor AtualMeta 2015

39 Aumentar continuamente a eficácia e eficiência dos processos de trabalho. Descrição A eficácia e a eficiência operacional da Secretaria de Defesa Agropecuária são entendidas como bom desempenho dos processos de vigilância, fiscalização, inspeção, supervisão, auditorias, certificação, rastreabilidade, educação sanitária e nos processos administrativos e gerenciais, bem como, a plena satisfação dos públicos de interesse e parceiros com os resultados desses processos, a consciência dos servidores na execução das suas atividades com a visão de processo, a execução dos processos em equipe com rapidez, qualidade, produtividade, redução de desperdícios e eliminação de retrabalho. A SDA deve zelar pela melhoria contínua de seus processos de trabalho visando sua eficiência, eficácia e efetividade. Nome do IndicadorJustificativaFórmula Unidade de Medida Valor AtualMeta 2015

40 Nome do IndicadorJustificativaFórmula Unidade de Medida Valor AtualMeta 2015 Executar e prover ações laboratoriais de excelência para apoiar a verificação e validação dos processos de Defesa Agropecuária Descrição Assegurar ações laboratoriais de referência (análises fiscal, pericial, de controle e de prevenção; diagnóstico; monitoramento; parecer técnico; desenvolvimento e validação de métodos e processos; ensaios de proficiência; produção de material de referência; treinamento e capacitação; auditoria; credenciamento) em qualidade e quantidade para apoiar a verificação e validação das ações de Defesa Agropecuária.

41 Manter a legislação de Defesa Agropecuária atualizada e harmonizada em toda a Federação Descrição Adequar e manter a legislação de Defesa Agropecuária atualizada, harmonizada, coerente, factível e aplicável, em toda a Federação, de forma que atenda as normas e acordo internacionais e os objetivos estratégicos do Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária. Nome do IndicadorJustificativaFórmula Unidade de Medida Valor AtualMeta 2015

42 Alinhar as ações de Defesa Agropecuária nos diferentes níveis da Federação. Descrição Estabelecer integração das ações de Defesa Agropecuária entre União, Estados, Distrito Federal e Municípios, coordenando e harmonizando processos e procedimentos, com vistas à eficácia das ações de Defesa Agropecuária. Nome do IndicadorJustificativaFórmula Unidade de Medida Valor AtualMeta 2015

43 Melhorar a Gestão da Informação e do Conhecimento em Defesa agropecuária Descrição Melhorar e gerenciar o processo pelo qual pessoas, equipamentos e procedimentos coletam, armazenam, integram, tratam e disseminam as informações de Defesa Agropecuária, precisas e atualizadas para apoiar, em tempo hábil, as atividades da Secretaria de Defesa Agropecuária. Nome do IndicadorJustificativaFórmula Unidade de Medida Valor AtualMeta 2015

44 Desenvolver cultura de Gestão Estratégica Descrição Desenvolver e manter cultura de Gestão Estratégica (planejar, implantar, acompanhar, avaliar e retroalimentar) de forma que as estratégias sejam passíveis de aprendizado e desenvolvimento institucional. Nome do IndicadorJustificativaFórmula Unidade de Medida Valor AtualMeta 2015

45 Desenvolver Comunicação Interna Ágil e Eficaz Descrição Melhorar a comunicação interna, formal e informal, visando disponibilizar informação relevante às ações gerenciais e administrativas aos servidores da Secretaria de Defesa Agropecuária de modo que as mensagens sejam compreensíveis, contextualizadas e ágeis, em veículos e formas apropriadas e complementares. Estimular o diálogo, a influência recíproca, a interação e a troca de experiências. Nome do IndicadorJustificativaFórmula Unidade de Medida Valor AtualMeta 2015

46 Desenvolver e Reter Competências do Corpo Funcional Descrição Desenvolver continuamente competências de forma a adequá-las, quantitativa e qualitativamente, às necessidades da SDA, bem como estimular a retenção das competências e demandar ao MAPA capacitação em Defesa Agropecuária. Nome do IndicadorJustificativaFórmula Unidade de Medida Valor AtualMeta 2015


Carregar ppt "1 SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA PROJETO SDA FORTE GESTÃO ESTRATÉGICA SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA Brasília, 27 de outubro de 2006."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google