A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Conservação da Quantidade de Movimento. Quantidade de Movimento Quando queremos por exemplo obrigar um caminhao a parar, deve- mos aplicar-lhe uma força.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Conservação da Quantidade de Movimento. Quantidade de Movimento Quando queremos por exemplo obrigar um caminhao a parar, deve- mos aplicar-lhe uma força."— Transcrição da apresentação:

1 Conservação da Quantidade de Movimento

2 Quantidade de Movimento Quando queremos por exemplo obrigar um caminhao a parar, deve- mos aplicar-lhe uma força tanto mais intensa quanto maior for sua velocidade. A velocidade porem não é o unico fator determinan- te da intensidade dessa força. O conhecimento da massa do cami- nhão é também indispensavel. Quando queremos por exemplo obrigar um caminhao a parar, deve- mos aplicar-lhe uma força tanto mais intensa quanto maior for sua velocidade. A velocidade porem não é o unico fator determinan- te da intensidade dessa força. O conhecimento da massa do cami- nhão é também indispensavel. Um mesmo caminhão tem diferentes quantidade de movimento quando está com sua carga maxima ou quando está sem carga. Um mesmo caminhão tem diferentes quantidade de movimento quando está com sua carga maxima ou quando está sem carga.

3 Conservação da Quantidade de Movimento Chama-se quantidade de movimento de um ponto material de massa m animado de velocidade v, a grandeza vetorial expressa por: Chama-se quantidade de movimento de um ponto material de massa m animado de velocidade v, a grandeza vetorial expressa por: Q = m.v

4 Conservação da Quantidade de Movimento Se forças externas não estiverem agindo ou se estas forem despreziveis face à intensidade das internas, o sistema pode ser considerado mecanicamente isolado. Nessas condições, pelo menos entre um instante imediatamente anterior e outro posterior à colisão, a quantidade de movimento do sistema se conserva. Se forças externas não estiverem agindo ou se estas forem despreziveis face à intensidade das internas, o sistema pode ser considerado mecanicamente isolado. Nessas condições, pelo menos entre um instante imediatamente anterior e outro posterior à colisão, a quantidade de movimento do sistema se conserva.

5 Fim


Carregar ppt "Conservação da Quantidade de Movimento. Quantidade de Movimento Quando queremos por exemplo obrigar um caminhao a parar, deve- mos aplicar-lhe uma força."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google