A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

AULA 9 Marco Doutrinal e Marco Operativo Processos Educativos Prof a. Dr a. Rita Borges.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "AULA 9 Marco Doutrinal e Marco Operativo Processos Educativos Prof a. Dr a. Rita Borges."— Transcrição da apresentação:

1 AULA 9 Marco Doutrinal e Marco Operativo Processos Educativos Prof a. Dr a. Rita Borges

2 O que você sabe sobre as concepções de marco doutrinal e marco operativo como pressupostos do planejamento de processos educativos?

3 Ao observarmos a imagem acima, percebemos que vários dos elementos nela contidos, já fazem parte do nosso cotidiano, com exceção do desenho da sala de aula. Abordaremos a seguir algumas ferramentas que podem nos auxiliar na construção de um planejamento mais dinâmico.

4 Conceitos de Marco Doutrinal e Marco Operativo Atualmente precisamos dirigir o planejamento para uma ação pedagógica crítica, pois esta, assumirá então o papel de agente transformador. Assim teremos uma ação pedagógica dialética e que atue de forma concreta na transformação de nossos alunos, bem como da sociedade em si.

5 Planejamento deve levar com consideração, a realidade em local em que está inserida, bem como respeitar a realidade dos alunos, pois assim estes serão capazes de reelaborar tais conhecimentos, assim aplicá-los a sua realidade.

6 Como estamos falando de elaboração do planejamento, é importante abordar dois elementos devem fazer parte de sua elaboração. São eles o Marco Doutrinal e o Marco Operativo. Vamos conhecê-los?

7 Marco doutrinal É o responsável por sistematizar os princípios norteadores do ideal geral da instituição. Este, se fundamenta a proposta de sociedade, pessoa e educação assumida pelos elementos que irão compor a equipe da escola, e também se refletirão em sua comunidade como um todo.

8 Percebemos que, a educação se baseia em uma visão de homem e sociedade, nem sempre as escolas discutem a respeito dessas questões em sua prática. Ao elaborarmos o Marco Doutrinal, temos a oportunidade de promover o debate na instituição, na busca de chegar a um consenso, acerca dos conteúdos epistemológicos, éticos, políticos, pedagógicos, metodológicos etc... que farão parte do planejamento.

9 Alguns exemplos de questões norteadoras para a elaboração do Marco Doutrinal: Que tipo de sociedade queremos construir? Com que tipo de pessoa queremos colaborar na formação? Qual a finalidade que queremos para a Escola? Que papel desejamos que a Escola desempenhe em nossa realidade?

10 Marco Operativo É a representação do ideal da instituição escolar, tendo em vista tudo o que a instituição quer e deve ser.

11 Ele diz respeito as ações do grupo que faz parte da instituição, nos campos de atuação, e estes compreendem três dimensões da práxis educativa, que são: a dimensão pedagógica, dimensão comunitária e dimensão administrativa.

12 Após as indicações dadas pelo Marco Operativo, realiza-se então o diagnóstico da instituição.

13 Diagnóstico Toda escola deve procurar conhecer as que características se espera dela atualmente, suas limitações e possibilidades, seus elementos identificadores, a imagem que deseja construir perante a sua comunidade.

14 Esse levantamento de traços identificadores da escola, constitui o seu diagnóstico, que servirá de base para a definição dos seus objetivos, modelo de gestão, escolha de conteúdos que devem se trabalhados, as formas de organização, gestão e funcionamento e sua função social a nível local e global.

15 Algumas questões que poderão contribuir na elaboração do diagnóstico 1. O que nos falta para ser o que desejamos? 2. Que características (sociais, econômicas, culturais) têm a comunidade e a clientela a que a escola atende? 3. Como se apresenta à realidade da escola hoje? 4. Que características tem a sua gestão? 5. Como se dá a participação da comunidade nessa gestão?

16 6. Que formas de organização escolar são adotadas? 7. Como estão as relações interpessoais no interior da escola? 8. Que características têm o trabalho pedagógico desenvolvido? 9. Como se apresentam os resultados da aprendizagem? 10. Que processos e instrumentos de avaliação são utilizados?

17 Os marcos doutrinal e operativo como pressupostos do planejamento de processos educativos Para que o planejamento se efetive na prática, é preciso considerar alguns pontos que devem anteceder ao momento da elaboração desse documento tão importante para a prática educativa. Alguns pressupostos apontam para a percepção da educação como um ato político, e que devei transformar a realidade. Por isso, é fundamental o conhecimento desta.

18 Após a realização da sondagem, se define os objetivos e estratégias a serem trabalhados. Os objetivos devem ser simples e claros, determinando exatamente o que se quer atingir, também devem ser válidos, operacionais e observáveis para que atendam a uma realidade.

19 Mas, precisamos avaliar... Falando em avaliação, esta deve ser vista de forma integrada, e ocorrendo em todo o processo planejamento.

20 O ato de planejar - desafio Se estabelecermos uma relação entre as questões aqui abordadas e os conceitos de marco doutrinal e marco operativo, verificamos que estes muito tem a contribuir na elaboração do planejamento.

21 Concluímos então... Se aplicarmos estas ferramentas no momento da elaboração do planejamento, dará uma consistência maior a este, aproximando da prática real e necessária para a formação do cidadão que desejamos. Vamos a leitura do texto complementar?

22 Para reflexão A principal meta da educação é criar homens que sejam capazes de fazer coisas novas, não simplesmente repetir o que outras gerações já fizeram. Homens que sejam criadores, inventores, descobridores. A segunda meta da educação é formar mentes que estejam em condições de criticar, verificar e não aceitar tudo que a elas se propõe. ( PIAGET)


Carregar ppt "AULA 9 Marco Doutrinal e Marco Operativo Processos Educativos Prof a. Dr a. Rita Borges."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google