A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Plano Individual de Intervenção para a Criança com Autismo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Plano Individual de Intervenção para a Criança com Autismo."— Transcrição da apresentação:

1 Plano Individual de Intervenção para a Criança com Autismo

2 PEP-R – Perfil Psico-Educativo revisto (Schopler & al, 1990; Chapel Hill – Carolina do Norte) Permite avaliar as competências escolares e pré-escolares, bem como o comportamento. Especialmente adequado para crianças até aos 7 anos de idade. 7 áreas do desenvolvimento: Imitação, Percepção, Motricidade Fina, Motricidade Global, Coordenação Óculo-Manual, Desempenho Cognitivo e Cognição Verbal. Determinar as Áreas Fortes e as Áreas Fracas da criança. Permite também a determinação das Competências Emergentes em cada uma das áreas avaliadas.

3  Destinada à identificação de comportamentos não habituais característicos do autismo.  O objectivo é o diagnóstico: fornece informações sobre o grau de desorganização e de desvio dos comportamentos presentes na criança, localiza os domínios precisos nos quais esses comportamentos se manifestam.  Avalia 4 grandes áreas: Relações e Afecto, Jogo e Interacção com o material, Respostas Sensoriais e Linguagem. ESCALA DE COMPORTAMENTO

4 DATA: 11 / 04 / 02 ID. CRON.: 6A 10M PEP - R ESCALA DE COMPORTAMENTO

5 DATA: 11 / 04 / 02 ID. CRON.: 6A 10M PEP - R ESCALA DE DESENVOLVIMENTO

6 ITEMEMERGÊNCIASFALHAS IMITAÇÃO  Imita o som dos animais  Joga às escondidas  Imita com objectos sonoros  Imita movimentos globais  Repete dígitos PERCEPÇÃO  Revela interesse no livro da linguagem MOT. FINA  Faz uma taça com plasticina  Toca com o polegar nos outros dedos em sequência MOT. GLOBAL  Chuta a bola  Atira a bola  Apanha a bola COM  Copia um triângulo  Pinta dentro dos limites  Copia 7 letras  Copia um losango DC  Aponta partes do corpo num boneco e em si mesmo  Identifica formas geométricas  Identifica cores  Identifica letras  Escreve o seu nome  Reconhece imagens  Tem noção de quantidade  Identifica tamanhos (grande e pequeno)  Mima a função de objectos  Demonstra a função dos objectos  Lê e segue ordens CV  Nomeia formas geométricas  Nomeia cores  Pede ajuda  Nomeia letras e objectos  Repete frases curtas e simples  Utiliza o plural  Utiliza pronomes  Nomeia grande e pequeno  Identificação (nome e género)  Resolve problemas na 2ª pessoa  Lê (palavras curtas, com alguns erros, 1 frase, com compreensão)

7 OBSERVAÇÃO DO COMPORTAMENTO ITEMADEQUADOLIGEIRO RELAÇÃO  Reacção ao medo  Contacto visual  Cooperação  Tolerância a interrupções  Motivação pelos reforços sociais MATERIAIS  Motivação por recompensas concretas  Exploração do ambiente  Exame do material  Capacidade de atenção SENSORIAL  Sensibilidade visual e auditiva  Interesse gustativo  Interesse pelas texturas  Interesse olfactivo  Gestos estereotipados LINGUAGEM  Tagarelice / balbuciação  Utilização das palavras  Inteligibilidade das palavras  Entoação e inflexão  Ecolália imediata e diferida  Utilização dos pronomes

8 Plano Individual de Intervenção  Este plano é inicialmente estabelecido com base na avaliação formal e na aquisição de competências do desenvolvimento psicomotor (PEP-R), com especial incidência nas competências emergentes.  Pretende definir os objectivos e estratégias de intervenção.  Representa o ponto de partida para o acompanhamento especializado nas áreas onde a criança tenha revelado maior necessidade e potencial.

9 Plano Individual de Intervenção Cont.  Uma entrevista com a família e técnicos que acompanham a criança permite depois cruzar os objectivos e as tarefas propostas com os interesses da família e actividades quotidianas da criança.  Para melhor se adequar às necessidades da criança e da família, e por forma a validar a intervenção, o plano deverá ser revisto e aferido sempre que se justifique.

10 Plano Individual de Intervenção 1 ÁreaNível Actual de Actividade Objectivo Geral (Objectivo a longo termo) Estratégias Imitação Reacção à apresentação de um fantoche Manipula um fantoche Manipular o fantoche na área do “Aprender” Recurso a ajuda física e verbal Desempenho Cognitivo Pega os materiais e explora-os livremente, levando-os à boca Associar duas imagens de animais a pedido verbal Jogos de loto. Recurso a ajuda física e demonstração

11 Plano Individual de Intervenção 2 ÁreaNível ActualObjectivos Autonomia Necessita de ajuda às refeições Autonomia na alimentação Utilização correcta dos talheres – colher e garfo Comunicação/ Linguagem Apenas comunica quando necessita de ir ao WC (gesto) Pede água recorrendo à palavra Aumentar a sua capacidade de transmitir as suas necessidades e desejos Aumentar o seu repertório de palavras Socialização Não cumprimenta as pessoas Dizer “bom dia” quando chega à sala Mot. Global Chuta a bola indiscriminadamente Chutar a bola para o colega pelo menos 5x seguidas Desempenho Cognitivo Não identifica cores Identificar pelo menos 3 cores: azul, vermelho e verde

12 Plano de Intervenção Individual 2 – cont. Estratégias / Orientação Metodológica 1. Trabalho individualizado 2. Demonstração das tarefas 3. Ajudas física e verbal 4. Recurso a reforço positivo 5. Utilização de pictogramas para estimular a autonomia nas tarefas Avaliação Avaliação formal: inicio e final do ano. Avaliação contínua, com registos e observação directa, por forma a aferir sempre que necessário o programa. Participação no grupo / turma Cumprirá o horário da sala do regular das 8h às 12h. O aluno participará em todas as actividades da turma: visitas de estudo, música, educação física. Outros Apoios Terapia da fala duas vezes por semana. Psicomotricidade uma vez por semana.

13 PEP - R ESCALA DE DESENVOLVIMENTO DATA: 31 / 10 / 03 ID. CRON.: 8A 4M

14 PEP - R ESCALA DE COMPORTAMENTO DATA: 31 / 10 / 03 ID. CRON.: 8A 4M


Carregar ppt "Plano Individual de Intervenção para a Criança com Autismo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google