A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Política de investimentos Francisco Campilho VICTORIA - SEGUROS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Política de investimentos Francisco Campilho VICTORIA - SEGUROS."— Transcrição da apresentação:

1 Política de investimentos Francisco Campilho VICTORIA - SEGUROS

2 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Agenda Processo de Investimentos Processo de Investimentos Política de investimentosPolítica de investimentos Mandato de investimentosMandato de investimentos Gestão Activo Passivo Gestão Activo Passivo Gestão de Risco Gestão de Risco Controlo interno Controlo interno

3 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Perfil das responsabilidades Perfil das responsabilidades determina activos activos o montante o montante a natureza a natureza o prazo e a liquidezo prazo e a liquidez Análise detalhada da relação activo passivo é pré requisito do desenvolvimento das políticas e procedimentos de investimento Análise detalhada da relação activo passivo é pré requisito do desenvolvimento das políticas e procedimentos de investimento

4 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Activos Activos Obrigações e outros títulos de rendimento fixo Obrigações e outros títulos de rendimento fixo Acções e outros títulos de capital próprio Acções e outros títulos de capital próprio Imóveis Imóveis Empréstimos, depósitos e outros direitos Empréstimos, depósitos e outros direitos Passivo Passivo Provisões técnicas Provisões técnicas

5 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Activos Activos Obrigações e outros títulos de rendimento fixo Obrigações e outros títulos de rendimento fixo Acções e outros títulos de capital próprio Acções e outros títulos de capital próprio Imóveis Imóveis Empréstimos, depósitos e outros direitos Empréstimos, depósitos e outros direitos Passivo Passivo Provisões técnicas Provisões técnicas Gestão activo passivo : conjunto de técnicas de gestão que permite agir de forma coordenada sobre os activos e passivos

6 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Comité de Gestão Activo Passivo Actuariado Planeamento e controlo Direcção Financeira Gestão de Activos Participantes Definir proposta de alocação estratégica de activos estratégica de activos Monitorizar evolução anual situações de risco Desenvolver propostas de gestão de risco gestão de risco

7 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Etapas do processo de investimentos 1. Formulação e desenvolvimento de uma política de investimento 1. Formulação e desenvolvimento de uma política de investimento 2. Implementação com base num mandato claro e preciso 3. Cálculo, análise e controlo dos resultados de investimentos e riscos incorridos 4. Reporte adequado

8 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Princípios da Política de investimentos definição da estratégia de investimentos pelo Conselho de Administração assunção do nível de risco 1 definição da estratégia de investimentos pelo Conselho de Administração assunção do nível de risco supervisão e acompanhamento das actividades de investimentos 2 supervisão e acompanhamento das actividades de investimentos sistemas de informação completos, flexíveis e precisos 3 sistemas de informação completos, flexíveis e precisos estruturas de controlo segregação de funções, aprovações, verificações e reconciliações 4 estruturas de controlo segregação de funções, aprovações, verificações e reconciliações

9 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Princípios da Política de investimentos definição dos procedimentos de medição de resultados e performance 5. definição dos procedimentos de medição de resultados e performance comunicação adequada das actividades de investimentos 6. comunicação adequada das actividades de investimentos procedimentos de controlo e auditoria da aplicação da política de investimentos e detecção de vulnerabilidades (risco operacional) 7. procedimentos de controlo e auditoria da aplicação da política de investimentos e detecção de vulnerabilidades (risco operacional)

10 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Alocaçã o Estraté gica Estraté gica Limi tes por clas ses Selecç ão de títulos Estil o de gest ão limites de exposiçã o aceites Restrições de activos Política de derivados Responsabilida de pelas transacções Política de investimentos 1 Política de investimentos

11 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Selecção de intermediários Selecção de custodiantes Metodologia de análise de performance Política de investimentos 1 Política de investimentos Externalização da gestão de investimentos

12 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Participantes Def. requisitos e const. Deriv. função objectiv o Prop. alocaç ão estrat. Prop. Polít ica GAP Check de qualida de e prep. decisã o Aprova ção polític a investi mento s Imple- menta ção ActuárioResponsável Conselho de Administração Direcção Financeira Gestão de Activos Actuariado Planeamento e controlo Gestor de Activos externo A I I I

13 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Mandato deve detalhar por escrito : Mandato deve detalhar por escrito : objectivo do investimento alocação por classes definição do benchmark activos elegíveis para o universo de investimento restrições por mercado, moeda, empresa, nível de rating, capitalização mínima, limites da duração, limites de diversificação, mínimo para investimento

14 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Mandato deve definir por escrito : Mandato deve definir por escrito : detalhe de autorizações de transacção tipo e periodicidade do reporte e responsabilidades procedimentos para aprovação de novos instrumentos procedimentos para o controlo de taxas e de valorização dos activos (fontes de informação alternativas)

15 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Reporte Reporte Comentários e detalhes sobre a actividade de investimento no período Detalhe das posições detidas por classe de activos Exposição ao risco de crédito

16 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Reporte Reporte Informação detalhada GAP Incumprimento de limites legais e ou internos e acções tomadas para regularização Planeamento da actividade futura

17 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões 4 Reconciliação entre os sistemas de negociação, de confirmação e de contabilidade 4 Analisar observância de limites de responsabilidade definidos 4 Segregação de funções de negociação e confirmação definição da periodicidade de comunicação e comparação 4Assegurar que a documentação formal das transacções está completa

18 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões 4 Reconciliação com brokers ou gestor de activos externo 4 Procedimentos de confirmação e liquidação das operações 4 Procedimentos que as operações são liquidadas nas condições acordadas e confirmadas e dentro das condições de mercado 4 Procedimentos para identificar imediatamente níveis ou limites de transação ultrapassados

19 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Identifi car Identifi car Monitori zar Monitori zar Avalia r Repor tar Repor tar Controlar Controlar Riscos de investimento com implicações nas provisões técnicas e solvência Risco de mercado Risco de mercado Risco de crédito Risco de crédito Risco de liquidez Risco de liquidez Risco operacional Risco operacional Risco legal Risco legal

20 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Riscos de investimento com implicações nas provisões técnicas e solvência monitorizar o cumprimento da política de investimento aprovada monitorizar o cumprimento da política de investimento aprovada reporte formal e imediato de falhas reporte formal e imediato de falhas análise da relação Activo Passivo (GAP) análise da relação Activo Passivo (GAP) análise da liquidez análise da liquidez

21 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Riscos de investimento com implicações nas provisões técnicas e solvência Verificar adequação da alocação e limites Verificar adequação da alocação e limites testes para diversos cenários de mercado de capitais e para diferentes condições de operação identificar situações de risco tomar medidas apropriadas corrigindo a política ou procedimentos

22 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões RBC - Risk-based capital RBC - Risk-based capital Gestão do risco de exposição a acções RBCB = i * MD * VMB = 8%*VMB = 8%*VMB RBCE = Max [ 20% VME; ( 35% + min( 0; I n-1 %)* VME] RBC= RBCB + RBCE

23 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Zona Verde cond. forte - teste superado Zona Amarela cond. forte - teste não superado cond fraca - teste superado cond fraca - teste superado Zona Encarnada cond. fraca - teste não superado RBCE Condição fraca : 20% VME RBCE Condição forte : 35% VME

24 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Obrigações 105 Acções 30 Teste RBCB = 8% * 105 = 8,4 RBCE (forte) = 35% * 30 = 10,5 RBCE (fraco) = 20% * 30 = 6,0

25 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Risk capital 16 Teste RBC forte = 18,9 > 16 RBC fraco = 14,4 < 16 não superado superado Zona Amarela Acção proposta : redução da exposição a acções para atingir zona verde

26 III Colóquio Internacional sobre Seguros e Fundos de Pensões Participantes Trigger e início de processo de GRisco Recome n dação de activida de correcti va Determi nação de Propost a Check de qualidad e e prep. decisão Aprova ção da propos ta Imple- menta ção ActuárioResponsável Conselho de Administração Direcção Financeira Gestão de Activos Actuariado Planeamento e controlo Gestor de Activos externo Gestão de Risco I I I I I II I I

27 Política de investimentos Francisco Campilho VICTORIA - SEGUROS


Carregar ppt "Política de investimentos Francisco Campilho VICTORIA - SEGUROS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google