A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Mestrado em Gestão e Conservação da Natureza Sistemas de Controlo João Couto Departamento de Economia e Gestão Universidade dos Açores.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Mestrado em Gestão e Conservação da Natureza Sistemas de Controlo João Couto Departamento de Economia e Gestão Universidade dos Açores."— Transcrição da apresentação:

1 Mestrado em Gestão e Conservação da Natureza Sistemas de Controlo João Couto Departamento de Economia e Gestão Universidade dos Açores

2 Antevisão 4O que é o controlo estratégico? 4Sistemas Controlo Estratégico 4Cultura Organizacional 4Sistemas de recompensas

3 O que é o controlo estratégico? Definição controlo estratégico –Selecção estratégia e estrutura da organização –Criação do sistema de controlo e avaliação

4 O Balanced Scorecard Estabelecimento Missão e Objectivos Estabelecimento Missão e Objectivos Desenvolvimento Estratégia e Estrutura Desenvolvimento Estratégia e Estrutura Criação do Sistemas de Controlo: Eficiência Qualidade Inovação Responsabilidade Social Criação do Sistemas de Controlo: Eficiência Qualidade Inovação Responsabilidade Social Avaliação do Desempenho Avaliação do Desempenho Acções correctivas para resolver problemas e explorar oportunidades

5 Sistemas controlo Definição de Sistemas Controlo Estratégico Etapas no desenho dos sistemas de controlo Níveis dos Sistemas de Controlo

6 Etapas do desenho de Sistemas de Controlo Estabelecer metas e alvos Estabelecer metas e alvos Criar medidas e monitorizar o sistema Criar medidas e monitorizar o sistema Comparar o Desempenho Face aos objectivos Comparar o Desempenho Face aos objectivos Avaliar e tomar medidas correctivas Avaliar e tomar medidas correctivas

7 Gestão Empresa (Definir Controlos para empresa) Gestão Empresa (Definir Controlos para empresa) Gestão Divisional (Definir controlos para as divisões) Gestão Divisional (Definir controlos para as divisões) Gestores Funcionais (Definir controlos para as áreas funcionais) Gestores Funcionais (Definir controlos para as áreas funcionais) Gestores de Primeira linha Gestores de Primeira linha Níveis dos Sistemas de Controlo

8 O Tableaux de Bord O tableaux de Bord deve ser essencialmente um instrumento de gestão e de acção muito sintético, rápido e frequente. –É um instrumento de informação e diálogo e dirigido a apoiar a tomada de decisão. –Constitui um conjunto piramidal, paralelo à hierarquia de centros de responsabilidade. –É um instrumento personalizado do gestor.

9 O Tableaux de Bord Tableaux de Bord Sistemas Informação Gestão Número Limitado Dados Visam Exaustividade Privilegiam a Rapidez Privilegiam a Exactidão Falam muitas Línguas Linguagem Financeira Acções Imediatas Acções menos Imediatas Abordagem Especifica Abordagem Geral

10 Fases do Estabelecimento: –Definir a Estrutura de Responsabilidade. –Seleccionar os Objectivos e Variáveis Chave. –Aspectos de Recolha Informação –Selecção dos Indicadores. –Apresentação do Indicadores O Tableaux de Bord

11 Rendibilidade Dimensão Inovação Qualidade Clima Social Resultado Operacional Capitais Investidos Quota de Mercado Vol. Negócios Novos Produtos Vol. Negócios Total Número de Horas Perdidas ou Taxa de Absentismo Taxa de Devoluções ObjectivosIndicadores

12 O Balanced Scorecard Nas organizações obtêm-se o que se mede. –Os sistemas de controlo influenciam os comportamentos dos gestores e funcionários. –Os gestores necessitam de uma visão balanceada de medidas de desempenho financeiro e operacional

13 O Balanced Scorecard O Balanced scorecard fornece resposta às questões fundamentais da empresa: –Como os consumidores vêm a empresa ? –Qual o nosso nível de desempenho ? –Somos capazes de continuar a oferecer valor ? –Como somos vistos pelos accionistas ?

14 O Balanced Scorecard Perspectiva Financeira ObjectivosMedidas ObjectivosMedidas ObjectivosMedidas ObjectivosMedidas PerspectivaConsumidor PerspectivaInterna Criação de Inovação e Valor

15 Objectivos do Balanced Scorecard –O balanced scorecard traduz num único documento os vários elementos da estratégia. –O balanced scorecard fornece uma visão integradora dos vários subsistemas da empresa. –Obriga os gestores a traduzirem os seus objectivos em medidas de desempenho. O Balanced Scorecard

16 –Contrariamente aos sistemas de controlo clássicos o B.S.C. coloca a estratégia e a visão da empresa em primeiro lugar. –As medidas são definidas para permitir aos trabalhadores medirem os seus resultados. –Permite ter uma visão de conjunto e das ligações essenciais entre os vários subsistemas. –Fornece uma perspectiva interna e externa à empresa e focalizada não no passado mas sim no futuro da empresa. O Balanced Scorecard

17 Cultura Organizacional Definição de Cultura Organizacional Valores Organizacionais Normas Organizacionais Socialização

18 Formas de transmitir a Cultura Sinais, Símbolos, e lendas Sinais, Símbolos, e lendas Ritos e Cerimonias Ritos e Cerimonias Tácticas Socialização Tácticas Socialização Normas e Valores Normas e Valores Cultura Organizacional Cultura Organizacional Recompensa e Incentivos Recompensa e Incentivos

19 Cultura Organizacional Propensão para a acção Natureza da missão da organização Como operar a organização Elementos de uma cultura organizacional forte e adaptativa

20 Sistemas de Recompensas Prémios produtividade Comissões Bónus Promoções Recompensas individuais

21 Sistemas de Recompensas Bónus de grupo Participação nos lucros Opções de acções Bónus organizacionais Recompensas de Grupo ou organizacionais ou organizacionais

22 Sumário 4O que e o controlo estratégico? 4Sistemas controlo estratégico 4Cultura Organizacional 4Sistemas de Recompensas


Carregar ppt "Mestrado em Gestão e Conservação da Natureza Sistemas de Controlo João Couto Departamento de Economia e Gestão Universidade dos Açores."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google