A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Doença de Alzheimer ODONTOGERIATRIA Unesp SJC – 22/04/2014 Dr. Oswado Couto Junior Membro da Academia Brasileira de Neurologia DC Neurologia Cognitiva.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Doença de Alzheimer ODONTOGERIATRIA Unesp SJC – 22/04/2014 Dr. Oswado Couto Junior Membro da Academia Brasileira de Neurologia DC Neurologia Cognitiva."— Transcrição da apresentação:

1 Doença de Alzheimer ODONTOGERIATRIA Unesp SJC – 22/04/2014 Dr. Oswado Couto Junior Membro da Academia Brasileira de Neurologia DC Neurologia Cognitiva e do Envelhecimento da ABN

2 Epidemiologia, diagnóstico e tratamento Doença de Alzheimer

3 1906, A.A. 1911, Perusini

4 Distrofia do Neurônio e morte celular DEMÊNCIA Modificado Golde 2007

5 Demência e Faixa Etária

6 Pirâmide etária brasileira Slide 5

7 Pirâmide etária brasileira 2009

8 Pirâmide etária brasileira 2050

9 Comparação das pirâmides etárias de 1980 e 2050

10 Herrera et al., Prevalência de demência por faixa etária Catanduva (SP) Idade (anos)

11 Prevalência de demência por faixa etária Catanduva (SP) 1656 indivíduos 65 anos 118 casos de demência (7,1%) Doença de Alzheimer Doença de Alzheimer + doença cerebrovascular Diagnóstico indeterminado Demência vascular Outras causas

12 Doença de Alzheimer Forma mais freqüente de demência (> 50 % dos casos); isolada / associada a doença vascular cerebral. Causa desconhecida Fatores de risco: idade avançada, genéticos (história familiar ), traumatismo craniano, baixa escolaridade, outros. Longa evolução (média de 8-9 anos, mas com sobrevida cada vez maior).

13 Dez sinais sugestivos de demência –Perda de Memória –Dificuldade na execução de tarefas familiares –Problemas com a linguagem –Desorientação no tempo e no espaço –Pobreza ou declínio de julgamento

14 Dez sinais sugestivos de demência –Problemas com pensamento abstrato –Perda de objetos –Mudanças no humor e comportamento –Mudanças na personalidade –Perda de Iniciativa –Fonte: Alzheimers Association 2002

15 Demência Vascular

16 Quadro clínico da DA Alterações predominantes de memória episódica (autobiográfica) para fatos recentes Desorientação têmporo-espacial leve Dificuldades de acesso lexical Dificuldades de planejamento e execução de tarefas (ex: gerenciamento de finanças, uso de eletrodomésticos) Apatia, perda de iniciativa. Exame neurológico sem anormalidades. Fase inicial (DA leve)

17 Quadro clínico da DA Acentuação do comprometimento de memória episódica. Prejuízo de memória semântica. Alterações de linguagem (anomia evidente: perda de significado). Maior grau de disfunção executiva. Alterações do comportamento mais freqüentes: apatia, depressão, irritabilidade, agitação, alucinações e delírios, alterações do ciclo vigília-sono. Prejuízo no desempenho em atividades básicas de vida diária (auto-cuidado). Fase intermediária (DA moderada)

18 Quadro clínico da DA Não reconhece mais os próprios familiares Linguagem oral muito comprometida Dependência funcional total Dificuldade para deambular Dificuldade à deglutição Perda de controle esfincteriano Exame neurológico: sinais parkinsonianos; mioclonias Fase avançada (DA grave)

19 Abulia cognitiva Paciente acamado em postura flexora universal A dor pode ser representada por um sorriso Sinais clínicos de infecção, escaras, broncoaspiração Fase Terminal Quadro clínico da DA

20 Diagnóstico ambulatorial da DA Anamnese com o familiar: sintomas cognitivos e comportamentais, desempenho funcional Avaliação cognitiva e funcional breves Exames laboratoriais e de neuroimagem estrutural Diagnóstico ainda é de exclusão, porém pode ser bastante acurado.

21 Avaliação cognitiva e funcional breves Testes de avaliação cognitiva breve – Mini-exame do Estado Mental (MEEM) – Teste de memória (ex: lista de palavras do CERAD, figuras) – Teste de fluência verbal (ex: animais) – Desenho do relógio Teste NEUROPSICOLÓGICO

22 Testes de funções cognitivas individualizadas Déficit atencional Depressão Esquizofrenia TCE Tumores cerebrais Hematomas intracranianos Distúrbios de sono Delirium TCE Demências Desmielinizantes Extra-piramidais Vasculares Epilepsias Infecciosas HIV Deficiencia de vit. B12 Medicamentos 22

23

24 TRATAMENTO MEDICAMENTOSO medicina baseada em evidência Inibidores de acetilcolinesterase Galantamina Donepezil Rivastigmina Antagonista glutamatérgico * Memantina

25 Tratamento odontológico Possível na FASE INICIAL ( DA leve ) Pouco provavel na FASE INTERMEDIÁRIA ( DA moderada ) Apenas sob anestesia geral ( hospital ), na FASE AVANÇADA ( DA grave )

26 Obrigado,


Carregar ppt "Doença de Alzheimer ODONTOGERIATRIA Unesp SJC – 22/04/2014 Dr. Oswado Couto Junior Membro da Academia Brasileira de Neurologia DC Neurologia Cognitiva."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google