A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Trabalho realizado por: Sandra Leal. 10º3A 1 Mercado é a situação “ideal” onde se confrontam as intenções de produção dos produtores – a oferta de um.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Trabalho realizado por: Sandra Leal. 10º3A 1 Mercado é a situação “ideal” onde se confrontam as intenções de produção dos produtores – a oferta de um."— Transcrição da apresentação:

1

2 Trabalho realizado por: Sandra Leal. 10º3A 1

3 Mercado é a situação “ideal” onde se confrontam as intenções de produção dos produtores – a oferta de um bem – e as solicitações de consumo dos consumidores – a procura de um bem – de que resulta o “preço de mercado” para aquele bem. 2 Bolsa de valores de Lisboa

4  Mercado de capitais;  Mercado de câmbios;  Mercado de trabalho;  Mercado de petróleo;  Mercado dos bens e serviços. 3

5 Produtor Mercado/ preço Consumidor OfertaProcura 4

6  Concreto – lugar onde se encontram vendedores e compradores. Ex: feira.  Abstracto – conjunto de possíveis compradores e vendedores de um determinado bem. Ex: comércio electrónico. 5

7 Conjunto de bens e serviços que os consumidores estão dispostos a comprar aos diferentes preços. 6

8 Para cada bem existe uma procura:  Individual – é a quantidade de um bem que cada indivíduo deseja consumir para certo preço.  Agregada – somatório de todas as procuras individuais. 7

9 A quantidade procurada de um bem varia em sentido inverso ao do seu preço, desde que o resto se mantenha constante. Preço dos bens e serviços procura dos bens e serviços 8

10  Preço do bem;  Aumento da população;  Variação dos gostos dos consumidores;  A dimensão do mercado; 9

11 PPreço dos outros bens:  B Bens substituíveis – se o preço do bem A desce, a quantidade procurada de A aumenta, mas a procura do bem B diminui, pois uma parte dela será transferida para o bem A. Ex: se o preço da manteiga baixa, a procura de margarina tenderá a diminuir. BBens complementares - se o preço do bem A desce, a quantidade procurada de A aumenta, mas a procura do bem B também aumenta, pois A e B são bens complementares, têm de ser consumidos simultaneamente para satisfazerem a mesma necessidade. Ex: se o preço dos automóveis baixar a procura de gasolina tenderá a subir. 10

12  Rendimento dos consumidores: rendimento preço dos bens e serviços Deslocação da curva da procura para a direita. rendimento preço dos bens e serviços Deslocação da curva da procura para a esquerda. Excepção: com os bens inferiores, a procura varia em sentido inverso ao do rendimento. Quando o rendimento da famílias aumenta são substituídos por outros de preço superior. 11

13 Consiste na quantidade de bens e serviços que os vendedores estão dispostos a vender por um determinado preço, num determinado período de tempo. 12

14 Para cada bem existe uma oferta:  Individual – Quantidade de bem que um produtor esta disposto a vender a um determinado preço;  Agregada – Quantidade de produto que as empresas estariam dispostas a produzir e a vender para cada nível de preços, custos e condições de mercado 13

15 A oferta aumenta sempre que sobem os preços e vice-versa. preço dos bens e serviços oferta dos bens e serviços 14

16  Custos dos factores de produção Os aumentos dos custos diminuem a oferta e inversamente (fertilizantes e agricultura). Curva anda para esquerda se diminui oferta.  A Tecnologia A inovação tecnológica não só faz diminuir os custos de produção pelo aumento da produtividade como, normalmente, faz aumentar a capacidade produtiva da empresa. A curva desloca-se para a direita. 15

17 Preço dos outros bens: BBens complementares – se o preço do bem A aumenta, a tendência é para aumentar a quantidade oferecida do bem e dos que lhe são substituíveis. A curva da oferta desloca- se para a direita. BBens substituíveis – se o preço do bem A aumenta a tendência é para a redução da quantidade oferecida do bem substituto deste. A curva da oferta desloca-se para a esquerda. 16

18 Características:  Livre acesso ao mercado – qualquer empresa que decida produzir um bem, poderá fazê-lo sem que as empresas já produtores desse bem se possam opor; 17

19  Atomicidade – existência de muitos produtores e consumidores em que nenhum destes pode provocar qualquer alteração no mercado;  Mobilidade – há livre deslocalização dos factores produtivos; 18

20  Transparência – há informação sobre tudo o que se passa no mercado, quer seja a nível de preços, quer seja a nível de presença produtiva;  Homogeneidade – os bens produzidos têm características semelhantes e, assim, são substituíveis. 19

21 Monopólio:  Existência de uma única empresa que controla totalmente o mercado;  Empresas de grandes dimensões;  Vende o seu produto a um elevado número de compradores;  Inexistência no mercado de produtos capazes de substituir o que é produzido;  Recurso raro à publicidade. 20

22  Quando o estado intervém, e por via legislativa pode impedir a entrada de novos concorrentes no mercado. Ex: medicamentos, petróleo, etc. 21

23  Surge quando uma única empresa tem capacidade para fornecer um mercado completo com um nível de custo mais baixo do que se houvesse mais empresas nesse mercado. 22

24  Quando há necessidade de elevados investimentos iniciais. A produção de bens resulta de processos de investigação que requerem um investimento inicial muito significativo, o que afasta potenciais produtores. 23

25  Número relativamente grande de empresas com certo poder concorrencial;  Margem de manobra para fixação dos preços não é muito ampla, uma vez que existem produtos substitutos no mercado;  Muitos compradores e muitos vendedores;  Os bens e serviços são heterogéneos; 24

26 Número reduzido de grandes empresas; Os produtos são similares ou com pequenas diferenças; É uma concorrência entre poucos; As empresas têm grande poder económico; Difícil entrada neste mercado. 25

27  Concentração Horizontal : Realizada no mesmo ramo de actividade.  Concentração vertical : Reúne diversas empresas de ramos diferentes. 26

28  O trust resulta da fusão de várias empresas, dando origem a uma nova empresa que utiliza os meios de produção e os trabalhadores nas diversas empresas iniciais.  O trust visa eliminar as empresas concorrentes e na racionalização das empresas, procurando reduzir os custos de produção, através de uma maior dimensão. 27

29  Quando uma ou mais empresas são adquiridas por outra, tornando-a maior.  Prática das OPV (oferta Pública de venda): uma empresa oferece-se no mercado para ser comprada por outras, colocando à venda no Mercado de Bolsa parte ou a totalidade do seu capital. 28

30 29


Carregar ppt "Trabalho realizado por: Sandra Leal. 10º3A 1 Mercado é a situação “ideal” onde se confrontam as intenções de produção dos produtores – a oferta de um."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google