A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Estruturas e Configurações Organizacionais. Estrutura  Chandler (1962) - a estratégia determina a estrutura, e que mudanças ambientais resultam em opções.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Estruturas e Configurações Organizacionais. Estrutura  Chandler (1962) - a estratégia determina a estrutura, e que mudanças ambientais resultam em opções."— Transcrição da apresentação:

1 Estruturas e Configurações Organizacionais

2 Estrutura  Chandler (1962) - a estratégia determina a estrutura, e que mudanças ambientais resultam em opções estratégias, as quais, por sua vez, exigirão mudanças na estrutura organizacional.

3 Configuração e Transformação  Configuração – adoção de estado de ser (estabilidade interrompida por saltos para novos estados)  Transformação – processo de geração de estratégia  A transformação é uma consequência da configuração

4 Configuração e Transformação  Configuração (conceitos, acadêmicos)  Transformação (prática, executivos) Cavalo (transformação) puxando carroça (estado)

5 Configuração e Transformação  Estados, modelos, tipos ideais

6  Estágios (mudanças)  desenvolvimento, estabilidade, adaptação (pequenas mudanças), empenho (para buscar nova direção), revolução  Padrões ao longo do tempo  choques periódicos, oscilações, ciclos de vida, progresso regular Configuração e Transformação

7  Estrutura Organizacional é definida como:  O conjunto de tarefas formais designadas a indivíduos e departamentos.  As formas de relacionamento, incluindo linhas de autoridade, decisões sobre responsabilidades, número de níveis hierárquicos, e leque de controle gerencial.  A estrutura de sistemas para garantir uma coordenação efetiva dos empregados através da empresa. Configurações Organizacionais

8  Premissas  A configuração estável passa por momentos de transformação para outro tipo de configuração  Estados de configuração e períodos de transformação, podem se ordenar ao longo do tempo em sequências padronizadas, descrevendo ciclos de vida das organizações  A chave para a Adm Estratégica é sustentar a estabilidade, ou no mínimo, mudanças estratégicas adaptáveis a maior parte do tempo, mas reconhecer periodicamente a necessidade de transformação Configurações Organizacionais

9  Mudança Revolucionária ou Incremental?  Reformulação, revitalização, downsizing, reestruturação  O que pode ser mudado na organização?  A mudança bem sucedida flui de aprendizado, crescimento e desenvolvimento Configurações Organizacionais

10  A estrutura também acompanha a moda (Rumelt, 1974)  1949 – 70% das empresas da lista de 500 da revista Fourtune estavam em um negócio único  1969 – mais da metade já havia se diversificado  Mudando de estratégia, mudavam de estrutura Configurações Organizacionais

11  Estrutura Funcional  As funções empresariais são a base para a organização funcional, onde pessoas, instalações e equipamentos representando um recurso comum são agrupados em um único departamento.  Estrutura Divisional  Baseadas em produtos comuns, mercados comuns, ou áreas geográficas, são as chamadas “divisões”, que se constituem nas UEN - Unidade Estratégicas de Negócios, ou nas AEN - Áreas Estratégicas de Negócios. Configuração

12  Estrutura Matricial  Resultante das abordagens por função ou divisão, as cadeias de comando são implementadas simultaneamente, e se superpõe nos mesmos departamentos, alguns empregados se reportam a dois chefes (projetos).  Estrutura por Equipes - “Team Approach”  Permite maior flexibilidade e responsabilidade no ambiente competitivo.  Estrutura por Redes  Ao invés de funcionarem sob um mesmo teto, as diversas funções são providas por organizações separadas, trabalhando sob contrato e conectadas eletronicamente ao escritório central. Ex. indústrias automobilísticas Configuração

13 Configurações Organizacionais Mintzberg, 1989

14  Organização Empreendedora  Simples, geralmente pequena e jovem  Estrutura informal e flexível  Coordenação/controle – patrão (empreendedor)  Sobrevive a ambiente dinâmico  Parte chave – vértice  Centralização  Ex. empresas empreendedoras Configurações Organizacionais Mintzberg, 1989

15 Configurações Organizacionais Mintzberg, 1989

16  Organização Máquina  Opera como uma máquina, altamente programada  Cargos bem especializados  Trabalho padronizado  Indústrias estáveis e maduras  Produção em massa  Parte chave – tecnoestrutura  Descentralização horizontal  Ex. aviação comercial Configurações Organizacionais Mintzberg, 1989

17 Configurações Organizacionais Mintzberg, 1989

18  Organização Profissional  Grande parte do poder está com profissionais altamente especializados  Trabalho independente dos outros  Trabalho padronizado  Descentralização horizontal  Há equipes de apoio mas pequena  Pouco controle  Parte chave – centro operacional  Ex. hospital Configurações Organizacionais Mintzberg, 1989

19 Configurações Organizacionais Mintzberg, 1989

20  Organização Diversificada  Conjunto de unidades relativamente independentes  Estrutura administrativa frouxa  Parte chave- linha hierárquica intermediária  Descentralização vertical  Ex. universidade com diversos campi Configurações Organizacionais Mintzberg, 1989

21 Configurações Organizacionais Mintzberg, 1989

22  Organização Adhocracia  Grandes inovações  Peritos de diferentes especialidades, trabalhando em equipes  Coordenação por ajuste mútuo  Poder baseado em conhecimentos  Parte chave- logística/ apoio  Descentralização  Ex. agência de propaganda Configurações Organizacionais Mintzberg, 1989

23 Configurações Organizacionais Mintzberg, 1989

24  Organização Missionária  Cultura forte (valores, crenças)  Divisão frouxa do trabalho  Pouca especialização  Grande descentralização  Ex. ordens religiosas, empresas japonesas Configurações Organizacionais Mintzberg, 1989

25 Configurações Organizacionais Mintzberg, 1989

26  Organização Política  Sem elementos dominantes de poder  Conflitos  Parte chave – nenhuma  Centralização e descentralização variam em cada organização  Ex. agência governamental Configurações Organizacionais Mintzberg, 1989

27 Configurações Organizacionais Mintzberg, 1989

28  Observação:  Os tipos de configurações organizacionais são tipos ideais, são uma simplificação da realidade. Configurações Organizacionais Mintzberg, 1989

29  Considerações finais  Toda configuração tem problemas  A maior parte as empresas a maior parte do tempo está realizando mudanças incrementais  Ao mesmo tempo que as empresas beneficiam- se com as configurações também podem sofrer com elas Configurações Organizacionais Mintzberg, 1989

30  Considerações finais  Os executivos precisam evitar o caos da escassez de configuração e, ao mesmo tempo, limitar a obsessão do excesso. Vinhos excelentes possuem complexidade e nuances, misturando sabores diferentes em um equilíbrio harmonioso (Miller, 1996). Configurações Organizacionais Mintzberg, 1989


Carregar ppt "Estruturas e Configurações Organizacionais. Estrutura  Chandler (1962) - a estratégia determina a estrutura, e que mudanças ambientais resultam em opções."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google