A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

17 e 18 de novembro de 2011 Seminário Institucional de Avaliação e Planejamento da Pós-graduação da UFSM Programa de Pós-graduação em Letras Conceito na.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "17 e 18 de novembro de 2011 Seminário Institucional de Avaliação e Planejamento da Pós-graduação da UFSM Programa de Pós-graduação em Letras Conceito na."— Transcrição da apresentação:

1 17 e 18 de novembro de 2011 Seminário Institucional de Avaliação e Planejamento da Pós-graduação da UFSM Programa de Pós-graduação em Letras Conceito na Capes: 5 Início do Curso:  Mestrado: 1987  Doutorado: 2003 Apresentadora: Profª. Marcia Cristina Corrêa Centro de Artes e Letras MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA COMITÊ ASSESSOR DA PRPGP

2 Pontos fortes do Programa  titulação média dos docentes permanentes é de 7/8 anos e aumento de experiência de orientação;  formação pós-doutoral dos docentes no exterior e/ou no Brasil em instituições reconhecidas (13 docentes com pós-doutorado);  perspectivas de expansão do quadro de docentes do Programa, pela contratação de novos doutores em 2010 e 2011;  participação efetiva dos docentes em Associações Nacionais e Internacionais na área;  reestruturação das linhas de pesquisa a partir da relação entre os projetos dos docentes (a partir de 2007);  redução do tempo de titulação e maior qualificação da produção discente;  ampliação da produção docente no Indicador 1;  avaliação Qualis da Revista Letras (1991 – n. 39) de B2 para A2

3 Pontos fracos do Programa  distribuição da produção entre os docentes no Indicador 1;  pouca participação de professores visitantes no Programa;  pouca captação de recursos junto às agências financiadoras externas;  carga horária excessiva na Graduação;  pouca integração entre a graduação e a pós-graduação;  pouca visibilidade das pesquisas feitas no âmbito do Programa, em colaboração com outras instituições de pesquisa.

4 METAS RELATIVAS AO EIXO 1 PROPOSTA DO PROGRAMA MetaViabilidade Ameaças internas Ameaçasexternas Prioridade 1 a 5 Estabelecer parcerias nacionais e internacionais (projetos conjuntos de pesquisa). Rede RS e região sul Possível Falta de formalização das parcerias Dependência de edital e dificuldade de formalização institucional 1 Alcançar equilíbrio na distribuição da produção docente no Indicador 1 Possível Perfil do corpo docente(novos credenciamentos) Políticas editoriais 1 Organizar o PPGL – EditoresPossível Dependência de recursos financeiros e de infra-estrutura institucional Criar sistemática de Professor Visitante PossívelFalta de formalizaçãoRecursos financeiros e de infra-estrutura institucional 1

5 METAS RELATIVAS AO EIXO 2 -CORPO DOCENTE MetaViabilidade Ameaças internas AmeaçasexternasPrioridade 1 a 5 1 a 5 Alcançar equilíbrio, entre os docentes, da produção intelectual qualificada PossívelPerfil do corpo docente(novos credenciamentos) Políticas de publicação 1 Estabelecer redes e parcerias nacionais e internacionais através de projetos conjuntos de pesquisa. PossívelNecessidade de mais parcerias Formalização das parcerias já existentes 1 Credenciar novos docentes que são recém- doutores (cronograma) PossívelPolítica departamental Incentivar captação de mais recursos junto às agências de fomento. PossívelAusência de cultura Política de distribuição de recursos pelas agências de fomento 2 DP

6 METAS RELATIVAS AO EIXO 3 -ATIVIDADES DE PESQUISA MetaViabilidade Ameaças internas Ameaçasexternas Prioridade 1 a 5 Reorganizar e criar linhas de pesquisaPossívelPerfil docente 1 Diminuir o tempo médio de cada projeto do pesquisador (três anos) bem como o número de projetos individuais (no máximo 2); PossívelProjetos já em andamento 1 Fomentar os projetos integrados de pesquisa com acadêmicos em todos os níveis. Possível Em alguns projetos, pouca participação de alunos da graduação Editais de fomento à Iniciação científica Número de projetos de pesquisa

7 METAS RELATIVAS AO EIXO 4-PRODUÇÃO INTELECTUAL MetaViabilidade Ameaças internas AmeaçasexternasPrioridade 1 a 5 Alcançar equilíbrio, entre os docentes, da produção intelectual qualificada Possível Perfil do corpo docente (novos credenciament os) Políticas de publicação1 Consolidar a produção intelectual a partir de auxílio financeiro para projetos e viagens de pesquisa, distribuído por meio de edital interno Possível Perfil do corpo docente(novos credenciament os) Políticas de publicação 1 Redefinir a política de distribuição de recursos para as linhas, a partir de critérios, que consideram a produção qualificada. PossívelProjeção da aplicação dos recursos Disponibilidade de recursos Trabalhos completos em periódicos

8 METAS RELATIVAS AO EIXO 5 ATIVIDADES DE FORMAÇÃO MESTRADO MESTRADO  Número de candidatos inscritos para seleção  Número de discentes matriculados em cada ano  Número de discentes titulados  Número de bolsas CAPES  Número de bolsas CNPq  Número de bolsas REUNI ---11

9 METAS RELATIVAS AO EIXO 5 ATIVIDADES DE FORMAÇÃO DOUTORADO DOUTORADO  Número de candidatos inscritos para seleção  Número de discentes matriculados em cada ano  Número de discentes titulados  Número de bolsas CAPES  Número de bolsas CNPq  Número de bolsas REUNI ----1

10 METAS RELATIVAS AO EIXO 5 ATIVIDADES DE FORMAÇÃO MetaViabilidade Ameaças internas Ameaçasexternas Prioridade 1 a 5 Fomentar a mobilidade discente em centros de excelência a partir de projetos conjuntos de pesquisa PossívelFormalização de parcerias Editais de fomento 1 Ampliar intercâmbios com outros centros de pesquisa do Brasil, através de projeto integrado de pesquisa, incluindo os recém- doutores, titulados pelo programa PossívelFormalização e consolidação das parcerias já existentes Editais de fomento 1 Incentivar a produção qualificada via critérios de distribuição de bolsas PossívelDisponibilidade de bolsas e recursos 1

11 EIXO 6 DESTINO DOS MESTRES E DOUTORES EGRESSOS Situação dos egressos MestresDoutores Total de egressos23130 Número de egressos como professores universitários, IFETs ou pesquisadores em institutos de pesquisa ou semelhantes 145 (IES) 35 (IFETS) 25(IES) 2(IFETS) Número de egressos que participam em Programas de PG178 Demais destinos relevantes dos egressosDoutoradoEnsino (Fundamental e médio)

12 EIXO 7 ANÁLISE DO AMBIENTE INTERNO SATISFAÇÃO INTERNA SATISFAÇÃO INTERNA  Transparência administrativa quanto aos crit é rios para distribui ç ão de bolsas de Mestrado e Doutorado;  Incentivo à participa ç ão em evento qualificado da á rea;  Incentivo à produ ç ão qualificada;  Cumprimento do prazo do t é rmino de Mestrado e Doutorado.

13 METAS RELATIVAS AO EIXO 8 INFRA-ESTRUTURA MetaViabilidade Ameaças internas Ameaçasexternas Prioridade 1 a 5 Discutir o espaço destinado ao PPGL no futuro prédio das Letras PossívelCompreensão das necessidades do PPGL Construção do prédio 1 Integrar o acervo de Letras à Biblioteca das Humanidades ( Infra aprovado em 2009) PossívelLiberação de recursos 1 Criar espaço e infra-estrutura para o PPGL Editores DifícilDisponibilidade de espaço e recursos Liberação de recursos 2

14 METAS RELATIVAS AO EIXO 9 INSERÇÃO SOCIAL MetaViabilidade Ameaças internas Ameaçasexternas Prioridade 1 a 5 Participar da rede de coordenadores de PPGLetras do RS, com previsão de expansão para a região Sul (Parcerias) Possível Ausência de cultura 1 Criar o PPGL Editores para propiciar parcerias com editoras universitárias e comerciais Possível ---Recursos e disponibilização de infra-estrutura adequada 1 Propor Projeto de Dinter ou MinterPossívelForça de trabalhoEditais de fomento1

15  aumentar e consolidar a produção intelectual qualificada do corpo docente;  estimular a sistemática de Professor Visitante;  participar da rede de coordenadores de PPGLetras do RS e região Sul;  estimular o estabelecimento e a formalização de parcerias nacionais e internacionais;  fomentar a mobilidade discente em centros de excelência a partir de projetos conjuntos de pesquisa;  aumentar a integração entre a Graduação e a Pós-graduação;  dar visibilidade às pesquisas que são feitas no âmbito do Programa;  organizar e implementar o PPGL Editores;  promover a criação de novas linhas de pesquisa;  discutir o espaço destinado ao PPGL no futuro prédio das Letras. CONSOLIDAÇÃO DOS 9 EIXOS


Carregar ppt "17 e 18 de novembro de 2011 Seminário Institucional de Avaliação e Planejamento da Pós-graduação da UFSM Programa de Pós-graduação em Letras Conceito na."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google